Category Archives: Sentimentos

Magia do Outono em…

Londres e no Porto. As minhas cidades ficam ainda mais bonitas nesta estação do ano. Magia. As duas cidades ficam cheias de magia com as cores típicas desta altura do ano.

No Porto, eu gostava de passear pelos Jardins do Palacio de Cristal, e disfrutar da vista do Rio Douro, passear pelos tapetes de folhas secas. Também gosto muito do Jardim da Cordoaria que nesta altura do ano se veste com pompa e circunstancia de tons avermelhados, alaranjados e amarelados. Ou ir até à Rua de Sta. Catarina e sentir o cheiro quente das castanhas assadas e acabar a percorrer a rua com um cartuxo na mão, enquanto nos deliciamos a come-las.

Cá em Londres temos por habito ir ate ao St. James Park ou Hyde Park dar comida aos esquilos que se preparam para hibernar. 🙂

Quanto ao clima, deixei que ca cheguei que não noto grandes diferenças pois no Porto quando faz frio, faz mesmo frio, deve ser por isso que me sinto em casa, cá em Londres. À excepção de que estou um pouco mais longe do mar…

Deixo-vos com algumas actividades para fazer em Londres e no Porto.

E apesar da pandemia, se tomarmos as devidas precauções, podemos fazer estas actividades em segurança. Principalmente sair de casa e ir dar um passeio até ao parque ou jardim 🙂

About Matilde Ferreira

Do nosso domingo… PYO – Pick Your Own

Este domingo fomos apanhar maças numa quinta aqui bem perto de nós. O Louis adorou esta actividade ou não fossem as maças o seu fruto preferido 🙂 Tem dias que chega a comer mais que duas. E quando o vamos buscar à escola, se lhe levo uma maça fica todo contente, lambe os lábios e diz: Hmmm delicious! 🙂

Recordei os meus tempos de infância, a correr atras das galinhas dos meus avós ou pela pequena horta onde eles plantavam de tudo um pouco. Lembro-me perfeitamente de desaparecer e deixar a minha mãe preocupada, e depois aparecer com os beiços lambuzados de vermelho, por causa das framboesas que eu tinha acabado de comer.

O meu avô também tinha uma ramada de maracujás, um dos meus frutos preferidos. Eram tempos tão felizes.

O Louis pode não ter a mesma sorte que eu tive na minha infância, por não ter o quintal dos avós mas tem estes sítios para que possa ter contacto com a Natureza e perceber de onde as coisas vêm.

Quando chegou à quinta foi logo a correr ver as galinhas, tal como eu fazia quando chegava a casa dos meus avós. 🙂 E adorou apanhar as maças das arvores, como se ja estivesse habituado a faze-lo desde sempre. 🙂 Não estava muita gente, por isso andava-se bem, mas quando chegamos também estavam uns miúdos mais crescidos que o Louis, com sacos, prontos para ir colher as maças deliciosas, que o Louis tratou logo de cumprimentar 🙂

Se ainda não fizeram esta actividade, recomendo que o façam pois é mesmo muito para usufruir do contacto com a Natureza 🙂

Vamos aproveitar estas macas para fazer uma tarte e assa-las com canela e vinho do Porto, o que acham? 😉 Se tiverem mais sugestões, deixem na caixa dos comentários 🙂

About Matilde Ferreira

Saudades de HIMYM…

Esta serie acompanhou o inicio da minha relação com o Rui. Era a nossa companhia dos domingos à tarde no meu quarto em casa dos meus pais. Esta serie veio confirmar o que eu disse sempre quando conheci o Rui, demorei um Verão inteiro para o conhecer pessoalmente porque estava sempre a dizer: se tiver que ser acontece, pois tudo acontece no momento certo. E basicamente é esta a principal lição a tirar da historia das aventuras destes 5 amigos: Ted Mosby, Barney Stinson, Marshall Eriksen, Lily Aldrin e Robin Scherbatsky.

Uma coincidência feliz: Ted conheceu a mãe dos seus filhos em 2005, e o primeiro episódio da serie foi transmitido em 19 de Setembro de 2005, e foi mais ou menos por esta altura que eu e o Rui nos conhecemos pessoalmente, tendo começado a namorar no inicio de Outubro, ha precisamente 15 anos atrás 🙂

No ano de 2030, Ted Mosby, um arquiteto, decide explicar a seus filhos a história de como ele conheceu a mãe deles. Tudo começou em 2005, quando um de seus amigos decidiu se casar e Ted precisou correr atrás de um amor.

Há por aqui fãs desta serie? 🙂

About Matilde Ferreira

Modo Vá Para Fora Cá Dentro

Cornualha. Um pequeno grande paraíso no sul de Inglaterra. Fomos de mini-ferias e ja temos saudades do nosso cantinho à beira-mar plantado. Azul-Verde-Mar. Paisagens relaxantes e de prender a respiração. Estávamos mesmo a precisar disto. 🙂 4 dias de mini-ferias e de retiro.

Ficamos numa casa de turismo rural, os chamados lodges como se diz aqui, numa pequena localidade chamada Bude em Kilkhampton . Cada vez mais prefiro ficar numa casa do que num hotel. É mais intimo e pessoal, ao contrario dos hotéis. E fez-nos tão bem que ate o potty training do Louis funcionou às mil maravilhas. Tivemos a sorte de ser um sitio pet friendly e assim podemos levar o nosso Ginger connosco que também se portou lindamente. 🙂 Sentido-nos em casa 🙂

Marhamchurch – Widemouth Bay

Que rica prainha. Mesmo com tempo encoberto soube mesmo bem caminhar na areia molhada e sentir o cheiro da maresia. E o Louis mais uma vez adorou brincar com as pedrinhas e conchinhas.

Uma vista de cortar a respiração, que dá vontade de ficar aqui para sempre 🙂

Forrabury and Minster Slaughter Bridge

De seguida rumamos ao sitio da Lenda do Rei Artur. Quem não conhece a famosa historia da espada Excalibur? O Louis sentiu-se um rei no pequeno parque de diversões existente no recinto Arthurian Centre. Fizemos uma pequena caminhada ate chegarmos à famosa pedra e soube mesmo sentir o sossego e a paz da Mae Natureza. É um sitio lindo e muito relaxante onde podemos ouvir as aguas do Rio Camel e desfrutar dos jardins da Lady Charlotte Falmouth.

KIng’s Arthur Stone

No sábado fomos a Bodmin onde visitamos a maior igreja da Cornualha, St Petroc’s Church. Almoçamos no centro da cidade e depois fomos dar uma volta a um parque, onde o Louis fez amizade com um esquilo a quem deu o resto da sua maça, e depois disso voltamos ao local onde fomos felizes e eu ja vos aqui neste post.

Sobre o sitio mágico do Museum of Witchcraft and Magic onde o Louis se deliciou com os saborosos gelados da Cornualha, e nós, os crescidos também 🙂 O que mais me fascinou foi a forma como as pessoas se deixam levar ate à pitoresca vila de Boscastle e voltar sempre. Se eu pudesse mudava-me hoje mesmo para este sitio que chama por mim de forma tão natural. Quem disse que as bruxas são más? Eu própria sinto-me meia bruxa, às vezes. Se não quase sempre 😀 O medo do desconhecido não me assiste. 🙂 Adoro tudo o que esteja relacionado com com o mundo da magia. Acho que se tivesse vivido na Idade Media tinha sido queimada na fogueira, se calhar ate fui para quem acredite em reencarnação 🙂

Pelo meio consolamo-nos com as tradicionais pasties, os típicos pasteis de massa quebrada recheados com, carne, queijo e cebola ou batata. Uma curiosidade: sabiam que estes pasteis foram criados como marmita para os os homens irem trabalhar para o campo? E as bordas da massa não se comiam pois serviam apenas para os homens segurarem no pastel com as mãos sujas.

Também comemos o famoso Fish and chips que nos soube mesmo talvez por estarmos mais próximos do mar 😀 Sabiam que esta refeição teve origem portuguesa nos inícios do século XVI?

E claro, que eu tinha de experimentar o famoso Cream Tea, uma variante do Afternoon Tea, típico e originário desta zona 🙂

Foram dias maravilhosos neste pequeno paraíso a sudoeste de Inglaterra, do qual nos não queríamos sair e havemos de tornar a voltar 🙂

E assim demos por terminado um Verão diferente mas muito intenso 🙂

Mesmo em tempo de pandemia, conseguimos tirar uns dias em segurança para repor energias 🙂

E na viagem de regresso o GPS fez-nos esta surpresa para fugirmos ao transito: Passamos por Stonehenge

Stonehenge – imagem da minha autoria

Ficaram com vontade de visitar? 🙂

Como foram as vossas ferias? 🙂

About Matilde Ferreira

Beirute…

…mais um crime contra a humanidade. 🙁

A minha mãe sempre me disse que nos vivíamos num cantinho do céu, quando aconteciam desgraças como esta…

Somos uns verdadeiros privilegiados, ja viram? Pena que nem todos reconheçam isso 🙁

Como é possível este barco, supostamente com destino a Moçambique ter ficado 7 anos sem sequer ser fiscalizado? Ninguém achou suspeito? 🙁

Por mais que tente, não consigo maginar o que esta reporter sentiu no momento da explosão 🙁

O que realmente aconteceu…

Deixo-vos com um pedido para o caso de quererem ajudar o povo Libanês.

2020 podes começar a ser um ano bom, por favor?

About Matilde Ferreira