Category Archives: Places

Making Memories…

Por aqui não temos Carnaval mas tivemos um intervalo na “escolinha” chamado Half-Term e aproveitamos esta semana da melhor maneira. Nao temos Carnaval mas os meninos vão oder se fantasiar das suas personagens preferidas no World Book Day, ja no proximo dia 5 de Março. Estou ansiosa por vestir o Louis de… isso agora é surpresa 🙂

Mas como eu estava a dizer esta semana foi cheia de actividades 🙂 O Louis adora andar no “laru” como a minha mãe, a vó nania, costuma dizer 🙂 Gosta muito de ir as compras, andar de comboio e de no red bus 🙂

Na segunda-feira fomos de comboio e de metro ate ao shopping. Na terça-feira fomos ate ao playground do nosso parque preferido, bem perto da escolinha do Louis, foi muito giro pois teve o parque só para ele, qual rei no seu castelo 🙂 Na quarta-feira, dia de chuva, perfeito para ficar em casa, aproveitamos para pintar e fazer puzzles. E terminamos o dia a ver o filme Toy Story 4 que o Louis quis rever na manha seguinte 🙂 Na quinta-feira, o Louis quis ir novamente à rua, desta vez a pé ate ao supermercado Asda, ainda são 15 minutos sempre a andar, mas bom pois la encontrou um amiguinho da escolinha que disse que era o BFF do Louis. E ainda fizemos muffins de banana e nozes (receita do blog da Vera Benavente, Love Adventure Happiness que podem ver aqui) E na sexta-feira fomos conhecer um dos desenhos animados preferidos do Louis ao vivo e a cores, o Duggee do CBeebies 🙂 Fomos novamente de comboio e no red bus, e mais uma vez o Louis adorou. Quando la chegamos, vimos logo o Duggee mas o Louis preferiu ir almoçar primeiro ao MacDonalds e so depois é que pediu para ir ver o seu amigo da tv. 🙂

E claro, que no meio disto tudo, tivemos sempre tudo para ouvir as nossas musicas, Queen e nursery rhymes (o Louis anda sempre a cantar as suas musicas) e ler as suas historias preferidas: ele ja sabe de cor a historia do seu livro preferido: “The Very Hungry Cartepillar” que ja vos falei aqui.

Espero que tenham gostado tanto quanto nós desta partilha de bons momentos 🙂 Cansada mas feliz por proporcionar o melhor ao meu mundo 🙂 E para o ver e fazer feliz nao me importo de deixar de fazer as minhas coisas 🙂

Venham as próximas ferias para fazermos mais memórias boas, mas primeiro venha a escolinha de novo para aprender coisas novas and have fun with friends 🙂

About Matilde Ferreira

RePost: As minhas duas cidades

Escrevi este post ha mais de 4 anos, em Maio de 2014 mas o sentimento é o mesmo. Porto e Londres, as minhas duas cidades. O meu coração está dividido entre as duas. É uma sentimento que não se explica mas é tão bom. As minhas duas cidades têm mais em comum do que o se possa pensar. A bruma da nevoeiro que as deixa tao belas quanto nostálgicas. O simbolismo dos seus monumentos. A beleza das suas ruas. Cada recanto cheio de historia. As suas luzes que ficam ainda mais magicas nesta altura do ano.

Estas duas cidades que me dizem tanto, uma viu-me nascer e a outra acolheu-me para viver.

São os meus lugares do coração, as minhas casas, sei que tanto Londres como o Porto me vao acolher sempre que eu quiser e precisar 🙂

About Matilde Ferreira

Fomos à Lua :)

O ultimo fim de semana de Agosto, foi prolongado por motivo de ser Bank Holiday na segunda-feira, dia 26 de Agosto e aproveitamos para ir ver a Lua, no meu museu preferido ca de Londres, o National History Museum. Uma exposição muito bonita, entitulada Museum of the Moon, do artista Luke Jerram. Os visitante podem tirar fotografias como se estivessem a agarrar a lua ao som de musicas como Clair de Lune.

Aproveitamos também para dar uma volta pelo museu, a primeira vez do Lu, que adorou os dinossauros mas preferiu o Wildlife Garden, uma especie de reserva natural na parte traseira do museu.

Imagem da minha autoria
Imagem da minha autoria

Em Portugal puderam ver a Lua em Oeiras no passado mes de Julho.

About Matilde Ferreira

Turista na minha cidade

Em Maio de 2012 fiz de guia para uma colega francesa da empresa em que trabalhava na altura.

Imagem da minha autoria – Tabuleiro inferior da Ponte Dom Luis I

Depois do almoço num dos restaurantes na zona ribeirinha de Gaia, começamos pelas caves Burmester. Por incrível que pareça foi a segunda vez que entrei numas caves, a primeira tinha sido em 1994 nas caves da Taylors. Depois de percorrermos as caves, fizemos uma prova de vinhos, que nos soube mesmo bem.

Imagem da minha autoria – Caves Burmester
Imagem da minha autoria – Caves Burmester

No final da visita guiada ainda tivemos direito a uma prova de vinhos. Recomendo!

Imagem da minha autoria – prova de vinhos nas Caves Burmester

Atravessamos o tabuleiro inferior da Ponte Dom Luis I em direção à Ribeira. Subimos ate ao Museu do Mercado Ferreira Borges, mas como não tínhamos muito tempo decidimos subir a Rua Mouzinho da Silveira, ate à lindíssima Estação de S.Bento, onde nos perdemos a contemplar os seus maravilhosos azulejos e arquitectura. De seguida, subimos a Torre dos Clérigos, tendo sido a primeira vez que o fiz, acreditam? Custou mas valeu a pena. A vista la de cima é maravilhosa e indescritível.

Imagem da minha autoria – vista da cidade do Porto, do lado de Gaia

As imagens falam por si 🙂

Imagem da minha autoria – Serra do Pilar vista da Ribeira do Porto

A minha colega, que ja tinha estado na nossa cidade, continuava deslumbrada com esta vista 🙂

E ficou ainda mais quando entrou na nossa estação, que ela julgava que nao estava em funcionamento.

Imagem da minha autoria – Estação de S. Bento
Imagem da minha autoria – estação de S.Bento
Imagem da minha autoria – Estação de S.Bento

A subida da Torre… 🙂

Imagem da minha autoria – subida da Torre dos Clérigos
Imagem da minha autoria – jogo de sombras

Ao chegar la em cima, esperava-nos uma recompensa maravilhosa, uma vista de cortar a respiração 🙂 Dá vontade de tirar fotos a tudo, para não perder nenhum registo 🙂

Imagem da minha autoria – Jardim da Cordoaria
Imagem da minha autoria
Imagem da minha autoria – vista da cidade do cimo da Torre
Imagem da minha autoria – Universidade do Porto frente ao Jardim da Cordoaria

De cortar a respiração 🙂

Imagem da minha autoria – vista do Douro ate ao mar
Imagem da minha autoria – a cidade e o rio

Depois de descermos a Torre, fomos ate à Livraria Lello onde tivemos uma terrível experiencia, com o homem aos berros connosco para nao tirarmos fotografias… coisa que nem sequer estávamos a fazer. Acreditam que nunca mais pus la os pés? Fiquei extremamente envergonhada e ofendida, mais pelo facto da impressão transmitida à minha colega francesa… 🙁

Mas nem tudo foi mau, atravessamos a cidade para ir lançar ao mitico Cafe Majestic e assim usufruirmos da nossa recompensa por termos subido a Torre. Estava um dia muito quente e soube mesmo bem deliciar-nos com um gelado triplo 😀

Imagem da minha autoria – terror do Majestic
Imagem da minha autoria – fachada do Café
Imagem da minha autoria – a nossa recompensa 🙂

Com muita pena minha faltaram os Jardins do Palácio de Cristal, Serralves, Castelo do Queijo, Rotunda das Boavista e uma viagem de teleférico, ou de elétrico ou no funicular dos Guindais, mas uma tarde só não deu para mais 🙂

O que mais gostam na cidade do Porto? 🙂

About Matilde Ferreira

Fomos à praia das pedrinhas…

Imagem da minha autoria – Mar do Norte

…e gostamos tanto. Brighton superou as minhas expectativas. E o Lu adorou a praia. Porque tinha pedrinhas. A fazer lembrar as praias do norte de Portugal, que também têm pedrinhas junto ao mar. Foi mesmo muito bom sentir o cheiro da maresia e o som do mar. Agora percebo porque é a minha escritora preferida, Dorothy Koomson, escolheu esta cidade para morar. 🙂

Imagem da minha autoria – Praia de Brighton
Imagem da minha autoria
Imagem da minha autoria

Brighton é uma cidade tao rica e cheia de coisas para mostrar que nos faz ter vontade de voltar. 🙂

About Matilde Ferreira