Tag Archives: Porto

Turista na minha cidade

Em Maio de 2012 fiz de guia para uma colega francesa da empresa em que trabalhava na altura.

Imagem da minha autoria – Tabuleiro inferior da Ponte Dom Luis I

Depois do almoço num dos restaurantes na zona ribeirinha de Gaia, começamos pelas caves Burmester. Por incrível que pareça foi a segunda vez que entrei numas caves, a primeira tinha sido em 1994 nas caves da Taylors. Depois de percorrermos as caves, fizemos uma prova de vinhos, que nos soube mesmo bem.

Imagem da minha autoria – Caves Burmester
Imagem da minha autoria – Caves Burmester

No final da visita guiada ainda tivemos direito a uma prova de vinhos. Recomendo!

Imagem da minha autoria – prova de vinhos nas Caves Burmester

Atravessamos o tabuleiro inferior da Ponte Dom Luis I em direção à Ribeira. Subimos ate ao Museu do Mercado Ferreira Borges, mas como não tínhamos muito tempo decidimos subir a Rua Mouzinho da Silveira, ate à lindíssima Estação de S.Bento, onde nos perdemos a contemplar os seus maravilhosos azulejos e arquitectura. De seguida, subimos a Torre dos Clérigos, tendo sido a primeira vez que o fiz, acreditam? Custou mas valeu a pena. A vista la de cima é maravilhosa e indescritível.

Imagem da minha autoria – vista da cidade do Porto, do lado de Gaia

As imagens falam por si 🙂

Imagem da minha autoria – Serra do Pilar vista da Ribeira do Porto

A minha colega, que ja tinha estado na nossa cidade, continuava deslumbrada com esta vista 🙂

E ficou ainda mais quando entrou na nossa estação, que ela julgava que nao estava em funcionamento.

Imagem da minha autoria – Estação de S. Bento
Imagem da minha autoria – estação de S.Bento
Imagem da minha autoria – Estação de S.Bento

A subida da Torre… 🙂

Imagem da minha autoria – subida da Torre dos Clérigos
Imagem da minha autoria – jogo de sombras

Ao chegar la em cima, esperava-nos uma recompensa maravilhosa, uma vista de cortar a respiração 🙂 Dá vontade de tirar fotos a tudo, para não perder nenhum registo 🙂

Imagem da minha autoria – Jardim da Cordoaria
Imagem da minha autoria
Imagem da minha autoria – vista da cidade do cimo da Torre
Imagem da minha autoria – Universidade do Porto frente ao Jardim da Cordoaria

De cortar a respiração 🙂

Imagem da minha autoria – vista do Douro ate ao mar
Imagem da minha autoria – a cidade e o rio

Depois de descermos a Torre, fomos ate à Livraria Lello onde tivemos uma terrível experiencia, com o homem aos berros connosco para nao tirarmos fotografias… coisa que nem sequer estávamos a fazer. Acreditam que nunca mais pus la os pés? Fiquei extremamente envergonhada e ofendida, mais pelo facto da impressão transmitida à minha colega francesa… 🙁

Mas nem tudo foi mau, atravessamos a cidade para ir lançar ao mitico Cafe Majestic e assim usufruirmos da nossa recompensa por termos subido a Torre. Estava um dia muito quente e soube mesmo bem deliciar-nos com um gelado triplo 😀

Imagem da minha autoria – terror do Majestic
Imagem da minha autoria – fachada do Café
Imagem da minha autoria – a nossa recompensa 🙂

Com muita pena minha faltaram os Jardins do Palácio de Cristal, Serralves, Castelo do Queijo, Rotunda das Boavista e uma viagem de teleférico, ou de elétrico ou no funicular dos Guindais, mas uma tarde só não deu para mais 🙂

O que mais gostam na cidade do Porto? 🙂

About Matilde Ferreira

Tenho saudades de…

…andar de barco no Douro 🙂

Em 2009 e 2011 a minha empresa na altura, organizou passeios de barco das pontes para comemorarmos o S. João com os clientes. Foi uma experiencia incrível. Ver o fogo do rio é mesmo muito bonito. Mas o que o que mais gostei foi mesmo do passeio da Arrábida, ate para alem da ponte do Freixo. Recomendo e quero muito voltar a fazer com a minha familia. Ja estou a imaginar a carinha do Lu a levar com o ventinho na cara 🙂

Isto se nao andarmos formos primeiro fazer um passeio de barco no Tamisa, em Windsor. 😉

Foto da minha autoria – Barco Rabelo no Douro – 2010

E voces, ja andaram de barco no Douro? 🙂

About Matilde Ferreira

Desafio 3+1| Tily de A a Z

Quando tive conhecimento deste novo tema deste desafio lembrei-me do jogo do stop que fazíamos na nossa adolescência, nos intervalos das aulas ou nas folgas. Memórias boas e felizes.

Imagem cedida pelo blog Thirteen

Amor– O mundo, a humanidade esta a precisar de mais amor, amor próprio! Quando amamos vemos o mundo muito mais bonito.

Beleza– A verdadeira beleza é a interior, a verdadeira beleza é aquela que atrai gentileza.

Cafe– Cafe desperta-me, cha aconchega-me.

Dar– Fico de coração cheio quando dou, ofereço alguma coisa.

Esperança– É a ultima a morrer. Cada vez tenho mais certezas disso. Mesmo quando estamos quase a desistir, é nesses momentos que ganhamos forças para seguir em frente e acreditar. ja falei de Esperança aqui e aqui.

Felicidade– Outra palavra que ja falei muito por aqui. A Felicidade nao se procura, é um estado de alma. A Felicidade vem ao nosso encontro quando menos esperamos, so temos de estar atentos para a receber.

Gatos– Adoro felinos. Sempre tive gatos desde a infancia. Gosto de caes mas identifico-me mais com a personalidade independente dos gatos. ja decidimos que a prenda do próximo aniversario do Lu vai ser um gatinho, pois tambem ele adora gatos, nos Açores fartou-se de fazer festinhas aos gatos que encontrava na rua, que por sinal eram muito doceis.

Humor– Rir é o melhor remedio. Adoro ouvir as gargalhadas do meu filhote. Gosto de rir com o Herman Jose, com os Monty Python, com o Nuno Markl, o Ricardo Araujo Pereira, a Joana Marques e o Bruno Nogueira.

Inveja– Odeio inveja… Mas porque é que as pessoas não são felizes com a própria vida? 🙁

Julho– o mês dos meus dois amores. O mês do meu falecido pai. Sempre gostei deste mes para tirar ferias em vez de Agosto. Julho e Setembro sempre foram os meus meses preferidos para tirar ferias, apesar de uma das minhas ferias favoritas em Valhelhas e Amarante, terem sido na primeira quinzena de Agosto.

Karaoke– Tenho saudades de cantar karaoke. Apesar de não cantar grande coisa, tenho boas recordações das minhas cantorias em bares à tarde ou à noite.

Louis| Londres – Um sonho tornado realidade como ja falei aqui. O nosso filhote. Um bebe proveta muito desejado e muito esperado. Foi uma longa batalha mas valeu bem a pena. | Outro sonho tornado realidade. Londres é um mundo dentro de um mundo mundo. Sou completamente apaixonada por esta cidade que tanto revejo na minha cidade de origem o meu Porto. Seja pelo clima, ambas têm o típico nevoeiro, como pela arquitectura e pelas suas ruas. De Londres gosto dos seus museus e parques que ja falei por aqui. Gosto do seu multiculturalismo e da sua Historia. Uma cidade que ja ja passou por muita coisa desde a Revolução Industrial ate ser bombardeada na Segunda Grande Guerra. Recomendo vivamente a quem quiser visitar.

Matilde – Aprendi a gostar do meu nome. Acreditam que eu era a única Matilde na minha sala da Primaria? Quando aparecia um texto da Matilde Rosa Araujo toda a gente se ria a dizer que era eu. Ficava toda envergonhada mas hoje tenho muito orgulho do meu nome. A minha madrinha chamava-se Matilde, e a madrinha dela, neta do Eça de Queiroz também se tinha este nome. Hoje fico muito contente por ser dos nomes mais escolhidos para meninas em Portugal.

Neve– Gosto tanto de ver a neve cair. Gosto tanto de ver tudo branquinho. So tive oportunidade de a ver de perto no ano passado mas valeu bem a pena a espera, parece que ela estava a espera que o Lu nascesse para eu a ver 🙂

Orgulho– Tenho orgulho no ser humano que sou, no meu filho, no meu marido, na minha mãe que continua a ser um grande exemplo para mim, orgulho nos meus manos, principalmente no mais novo que se esta a tornar num ser humano responsável e com os pés bem assentes na terra. Gostava de ser mais orgulhosa no sentido de saber dizer não mais vezes, mas acredito que agora estou no bom caminho. 🙂

Paz| Porto– Gosto de estar em paz comigo mesma, gosto de ficar no meu canto quando não estou bem para não incomodar os outros. Gosto da sensação de consciência tranquila e em paz quando me deito. É sem duvida, a melhor almofada. | A minha cidade, o meu Porto Sentido, o meu Porto de Abrigo. O lugar que me pertence e eu a ele. Sei que posso contar sempre com esta cidade para voltar. O meu clube que tantas vitorias e alegrias me deu. Continuo a acreditar na sua mística, pois para ganhar e preciso saber perder.

Qualidade/ Quantidade– Menos é mais. Não preciso de muito para ser feliz. Não preciso de muitos amigos, preciso daqueles com quem sei que posso contar e eles comigo.

Rui– Demorei a conhecer-te mas sempre acreditei em ti e no teu valor. É isso que me faz nao desistir de ti 😉

Saúde – “Sem saude nao ha trabalho” sempre ouvi a minha mae dizer. E eu tive de parar para a recuperar.

Tatuagem– Ainda não desisti de fazer pelo menos uma.

UK– Ser emigrante não é facil. 6 anos de vida no Reino Unido. Muita luta. Muitas batalhas ganhas. Foi mais um sonho tornado realidade. Se conseguimos viver aqui, conseguimos viver em qualquer parte.

Vida– o nosso bem mais precioso. O nosso tesouro. Viver um dia de cada vez é dar valor a este tesouro.

Wanderlust – (desculpa, Andreia mas adorei a palavra) – Amo viajar, se pudesse andava sempre de um lado para o outro. mas tambem o posso fazer através de um um bom livro, nada melhor do que viajar através das palavras de boas historias.

Xi-coração – Dizem que um abraço é terapêutico e alivia o stress. Eu adoro os xis sem contar do Lu e do marido ao final do dia.

Ying-Yang – Equilibro. Gosto de meio termo. Nem 8 nem 80. Nem tanto ao mar nem tanto à terra.

Zelo– Sou uma pessoa muito zelosa pelos meus. As vezes ate peco por excesso, em preocupação e ansiedade…

O que acharam do meu A a Z?

About Matilde Ferreira

TaG| Se eu fosse e porquê…

Sextas são dias de Tag aqui no blog e hoje escolhi uma especial 🙂

Espero que gostem 🙂

Imagem retirada do Google com descrição feita no Canva

1-Se eu fosse um mês… Dezembro! Pela magia do Natal, e se nevar ainda melhor 🙂

2-Se eu fosse um dia da semana… Domingo! Porque é o dia do descanso em família 🙂

3-Se eu fosse uma estação do ano… Outono! Pelas suas cores magicas, pelo magusto, pela bebidas e roupas quentes, pela tarde de abóbora, pelos tapetes de folhas secas espalhados pelo chão, pelos raios de sol por entre as arvores semi-despidas, pelos passeios no parque 🙂

4- Se eu fosse um planeta… Marte, porque me inspira 🙂

5-Se eu fosse uma direcção… Norte, porque adoro o meu sentido de orientação!

6- Se eu fosse um móvel… sofa!

7-Se eu fosse um pecado… seria todos, porque adoro pecar 😛

8- Se eu fosse um sentido… seria a visão porque os olhos são o espelho da alma 🙂

9-Se eu fosse uma pedra… Ametista!

10-Se eu fosse uma planta… seria uma suculenta.

11-Se eu fosse uma flor… seria uma tulipa!

12-Se eu fosse um clima… seria ameno, nem muito frio nem muito calor, coisa impossível nos dias que correm… 🙁

13-Se eu fosse um prato de comida…Francesinha!

14-Se eu fosse um instrumento musical…Bateria!

15-Se eu fosse um elemento…Agua!

16-Se eu fosse uma cor…Cor de laranja.

17-Se eu fosse um animal…Gato!

18-Se eu fosse um som…Trovoada!

19-Seu eu fosse um sentimento…Amor ♥

20-Se eu fosse um lugar… Seria a cidade do Porto 🙂

21-Se eu fosse um sabor…agridoce!

22-Se eu fosse uma palavra…Paciência!

23-Se eu fosse um objecto…Um livro!

24-Se eu fosse uma parte do corpo… Pernas… porque adoro andar 🙂

25-Seu fosse um numero...7

26-Se eu fosse um simbolo…@

27-Se eu fosse uma musica… Não me canso de a partilhar aqui, pois é uma obra prima 🙂

O que acharam desta TaG? Ja conheciam? 😉

Deixem as vossas respostas na caixa dos comentários 🙂

About Matilde Ferreira

Climate Change Leadership…

Obama esteve na minha cidade. Foi ao Coliseu dar uma conferência sobre o tema do momento. Entrou pelas traseiras do mesmo, por uma rua que subi e desci todos os dias ha anos atras. Esta rua que ja fez parte de um período da minha vida. Esta rua que tem um pouco de mim. Esta rua que conheço tão bem.

foto retirada do JN

Obama esteve na minha cidade, e desiludiu-me. Dizem que cobrou muito dinheiro para dar uma palestra sobre um assunto preocupante. Podia te-lo feito de graça mas não era a mesma coisa, pois não? Eu mesma tenho falado tanto sobre este assunto aqui neste cantinho. Ah mas eu não sou um ex-presidente da maior potencia mundial. Pois… Nem quero. Ele podia ter recusado o dinheiro, indo de encontro aos seus princípios. E nao me venham dizer que ele fez o que os outros ex-presidentes antes dele fizeram. Estamos a falar dele, não dos outros. Estou desiludida. Não consigo pensar de outra forma. No fundo, são todos iguais… Money rulez!

About Matilde Ferreira