E assim vai o mundo…

Realmente…  ja não nos bastava o Trump nos EUA a permitir a legalização de porte de armas para todos os cidadãos, temos agora um seguidor dele no Brasil… eu chamo-lhe “Boisonaro” pois depois de o ver falar sobre temas como racismo, homossexualidade e machismo da-me vontade de vomitar… 🙁 como é que alguém com bom senso apoia e quer votar numa pessoa destas para Presidente do seu país? Incrível…

Cá em casa ja chegamos à conclusão que estão a deturpar o sentido do Mandamento da Bíblia “Amai-vos uns aos outros” para “Matai-vos uns aos outros“… não concordam? Por vezes dou por mim a pensar, tendo em conta o que leio por aí, que sou eu que não faço parte deste planeta. Eu até acredito que as pessoas estejam cansadas de serem enganadas e de verem tanta corrupção nos seus governantes mas na hora de irem exercer o seu direito de voto preferem samba e futebol, no caso do Brasil…. Ja no caso de Portugal e daqui do Reino Unido preferem reality-shows… 🙁

As pessoas têm de parar para pensar que afinal a escola serve e ajuda para alguma coisa. Quanto mais nao seja para estudar Historia… pois assim ficam a saber que ela tem tendencia para se repetir. Ora se nao vejamos: Bolsonaro, para alem de ser racista, homofóbico e machista, é do partido de extrema-direita. Estão a imaginar quem é que ele vai perseguir se for eleito presidente da republica? Nao é preciso pensar muito. Relembrando a Historia: um ditador de extrema-direita que fez muito mal ao seu próprio povo? Pinochet. Mesmo ali ao lado do Brasil.  Ja para não falar no Hitler. A Historia repete-se? Não devia. Mais uma vez: se a maioria dos seres humanos estudasse e se instruísse, saberia escolher melhor os seus governantes. os media só interferem na nossa opinião se deixarmos. Mas se fossem só os media… o pior esta na religião, que infelizmente continua a mandar nos governos dos países como faziam no tempo dos reis.

Mas realmente chego mais uma vez à conclusão de que a Educação não é um bom investimento para os governantes dos países do mundo… pois se as pessoas se instruirem deixam de ser ovelhas cegas para votar neles.

Deixo-vos com uma situação no mínimo caricata que me aconteceu no final da semana passada: aderi a um grupo do Facebook chamado “Mulheres Brasileiras contra Bolsonaro”  vi um post com um video em que Bolsonaro fazia um discurso semelhante ao do Trump e eu fiz esse comentário… e logo veio uma utilizadora responder que o Trump está a fazer um excelente governo nos EUA… eu fiquei tipo como assim?! Como é que alguem é contra o Bolsonaro e defende o Trump que pensa exatamente da mesma forma que o primeiro??? Saí do grupo sem dar resposta mas completamente atônita com tanta estupidez. 

Imagem retirada do Facebook

Deixo-vos com algumas pérolas do candidato brasileiro:

E Jô Soares esteve em grande nesta entrevista, por mais pessoas assim!

Ah este senhor disse que a guerra não se combate com flores… pena que ele nao conhece  uma parte importante do pais irmão do Brasil. 😉

Imagem retirada do Google

Aguardemos pelo resultado das eleições da primeira volta no inicio de Outubro. E ate lá vamos vivendo a nossa vidinha ca em cima no hemisfério norte com os nossos problemas do dia-a-dia como Brexit e  Geringonças.

Qual é a vossa opinião sobre este assunto?

Boa semana!

 

About Matilde Ferreira

Series que quero ver

Com Setembro chega também a época das series novas ou antigas. Mas eu este ano quero ver series novas aconchegada no sofá enrolada numa manta 🙂 Haverá coisa melhor? Também gosto de ver na cama debaixo do edredão. 🙂

Manifest conta com a participação de Josh Dallas que conheci como Prince Charming em Once Upon A Time.

“Manifest é uma futura série de televisão americana dramática programada para estrear em 24 de setembro de 2018 na NBC.

Manifest começa “quando o voo 828 da Montego Air aterrou em segurança após um voo turbulento mas rotineiro, a tripulação e os passageiros ficaram aliviados. Contudo, no espaço de poucas horas, o mundo tinha envelhecido cinco anos e os seus amigos, familiares e colegas, após luto Perderam a esperança e seguiram em frente. Agora, diante do impossível, todos recebem uma segunda chance, mas à medida que suas novas realidades se tornam claras, um mistério mais profundo se desdobra e alguns dos passageiros que retornaram logo percebem que podem ser por algo maior do que eles jamais imaginaram ser possível”

Whiskey Cavalier tambem conta com a participação de um actor, Scott Foley, que gosto muito e que participou numa das minhas series preferidas que vai deixar saudades: Scandal.

“Whiskey Cavalier é uma futura série de televisão dramática americana programada para estrear durante a temporada de televisão de 2018-2019 na ABC.

Whisky Cavalier segue as “aventuras do agente do FBI Will Chase (codinome: Whiskey Cavalier) que, após um rompimento emocional, é designado para trabalhar com a agente da CIA Francesca” Frankie “Trowbridge (codinome: Fiery Tribune). Juntos, a equipe inter-agências de espiões que periodicamente salvam o mundo (e uns aos outros) enquanto navegam pelas estradas rochosas de amizade, romance e política do escritório.”

De Stephen King, o mestre do suspense, trago-vos não uma mas duas series que estou com muita vontade de assistir: Mr Mercedes e Castle Rock

“Mr. Mercedes é um romance policial do autor Stephen King, publicado em 03 de Junho de 2014 pela editora americana Scribner e lançado em 2016 no Brasil pela editora Suma de Letras. É o primeiro livro da trilogia de Bill Hodges.

Ainda é madrugada e, em uma falida cidade do Meio-Oeste, centenas de pessoas fazem fila em uma feira de empregos, desesperadas para conseguir trabalho. De repente, um único carro surge, avançando para a multidão. O Mercedes atropela vários inocentes, antes de recuar e fazer outra investida. Oito pessoas são mortas e várias ficam feridas. O assassino escapa. Meses depois, o detetive Bill Hodges ainda é atormentado pelo fracasso na resolução do caso, e passa os dias em frente à TV, contemplando a ideia de se matar. Ao receber uma carta de alguém que se autodenomina o Assassino do Mercedes, Hodges desperta da aposentadoria deprimida, decidido a encontrar o culpado. Mr. Mercedes narra uma guerra entre o bem e o mal, e o mergulho de Stephen King na mente obsessiva e psicótica desse assassino é tão arrepiante quanto inesquecível.”

“Castle Rock faz parte da topografia fictícia de Stephen King no Maine e fornece o cenário para vários de seus romances, novelas e contos. Castle Rock apareceu pela primeira vez no romance The King Zone, de 1979, e reapareceu tão tarde quanto seu romance Doctor Sleep e o romance de 2014 Revival (veja a lista abaixo). O nome é tirado do forte de montanha fictício de mesmo nome no romance de 1954 de William Golding, Lord of the Flies…

Em 1991, em Castle Rock, Maine, o xerife Alan Pangborn encontra a criança desaparecida Henry Deaver em pé no meio do lago congelado da cidade. Em 2018, em seu último dia como diretor da Penitenciária do Estado de Shawshank, Dale Lacy comete suicídio. Sua sucessora, Theresa Porter, planeja reabrir um bloco de célas há muito abandonado para que ela possa manter a população carcerária. Enquanto contava as camas, o guarda Dennis Zalewski encontra um garoto preso em uma gaiola subterrânea. O miúdo  ao ser libertado, sussurra o nome de Henry. Porter se recusa a envolver Henry, que agora é um advogado da linha da morte, mas Zalewski o chama anonimamente. Depois de retornar a Castle Rock e se reconectar com Pangborn e sua mãe sofredora de demência Ruth, Henry tenta aprender mais sobre The Kid apenas para que Porter o obstrua. Zalewski, entretanto, descobre que The Kid escapou e matou vários guardas. Em um flashback, é revelado que o pai de Henry desapareceu na mesma época que ele e foi encontrado morto. Em um segundo flashback, Lacy diz a The Kid para pedir Henry quando chegar a hora…”

 

Conhecem algumas destas series? 😉 Espero que gostem deste serviço publico hehe 🙂

Agora so resta saber onde as poderei ver…

Que series recomendam? 🙂

 

 

About Matilde Ferreira

Qual é a vossa opinião…

… sobre esta imagem?

Imagem retirada do Instagram

Vi esta imagem enquanto percorria o feed do stories do meu instagram e mil e um pensamentos me ocorreram. Pensei muito mesmo antes de ter um filho mas o sonho falou mais alto.

Não podemos pensar assim… eu por mim falo, trouxe o meu filho ao mundo para lhe mostrar o melhor do meu mundo! Se todos fizermos um pouco de bom, acabamos todos por fazer um muito! Eu acredito e não desisto!

About Matilde Ferreira

Imagem do dia

Imagem polemica nao? Atenção o meu filho tem um tablet mas é o meu velhinho com 5 anos, que ele usa apenas para apps didáticas. Não o usa o tempo inteiro, pois prefiro brincar com ele e a grande parte do tempo ele esta entretido com os seus legos e carrinhos. Quando comprei o tablet foi a pensar num futuro próximo, e ponderei bastante antes de o comprar, pedindo varias vezes a opinião do meu Rui. Foi a pensar no meu descendente. Infelizmente esta imagem diz muito mesmo. Não damos o valor devido as coisas. Quer dizer a maioria dos humanos não da o devido valor as coisas. Esta semana, por exemplo, por distração estraguei o ecrã do meu portátil. Fiquei possessa. Não pelo bem material mas porque preciso dele para escrever. Por mais cuidado que temos com estas coisas, infelizmente ninguém esta livrados acidentes acontecerem…

Sobre a imagem, desde miúda que a minha mãe sempre me fez ter consciência de que ha meninos que não têm nada. E eu cresci com esse pensamento. Aprendi que para eu ter algo que eu queira muito tenho de trabalhar para a obter. Foi essa a mensagem que a minha mãe me transmitiu.

Em miúda sonhava ser rica para poder judar estes meninos. Sonhava ter muito dinheiro para poder fazer com estes meninos tivessem, cama, comida e roupa lavada. Pelo menos isso… Coisas básicas da vida. Hoje à minha maneira sempre que posso, ajudo. Quase todas as semanas levo sacas de roupa para as lojas de caridade. À minha maneira, à maneira que a minha mãe me ensinou e transmitiu vou ajudando. E independentemente disso o meu filho vai brincado com o meu tablet velhinho e com os brinquedos preferidos dele, porque para tudo tem de haver um meio termo.

About Matilde Ferreira

Dos valores invertidos…

Se ha país que eu não tenho ambição nenhuma em visitar é a India, talvez porque viva rodeada de indianos e convivo diariamente com eles, e olhem não é fácil, sem querer ser preconceituosa, acreditem… A partir do momento em que vejo uma velhota atirar um saco do lixo para o Canal depois de ter um caixote do lixo a dois passos de distancia, ou então quando alguém aqui do prédio resolve atirar um saco do lixo pela varanda directamente para o Canal sem passar pela casa partida, sei de fonte segura que os meus vizinhos dos andares acima do 3o ao 6o do lado lateral do prédio, de onde e saiu o saco, são indianos… ja fico de pe atras.

E depois noticias como esta deixam-me a pensar… mas que raio vai na cabeça desta gente para fazer uma estatua no valor de 450 milhões de euros num dos países com maior índice de pobreza do mundo? Ate onde vai a hipocrisia humana e a falta de bom senso?…

Parece que estão a medir quem é que tem a pilinha maior uma vez que como diz na noticia a estatua tem de ser a maior do mundo, maior do que a Estatua da Liberdade…

 

About Matilde Ferreira