Author Archives: Matilde

Orgulho Nacional Português

Desde pequenina que sempre gostei de ver os Jogos Olímpicos. E era com muito orgulho que via os nossos atletas ganharem medalhas 🙂 Vi Rosa Mota, Carlos Lopes, Aurora Cunha e Fernanda Ribeiro ganharem medalhas e encherem-nos de orgulho.

Por isso é com enorme satisfação que venho por este meio prestar homenagem a Jorge Fonseca, Patricia Mamona, e Fernando Pimenta . E também a Neemias Queta, que não está nos Jogos Olímpicos, mas acabou de conquistar um lugar na NBA. So tenho pena que a Telma Monteiro e o Nelson Evora nao tenham conseguido conquistar nenhuma medalha mas também são motivo de orgulho pois deram o seu melhor.

Patricia Mamona

Costumam acompanhar os Jogos Olímpicos? Também vibram e sentem orgulho nos nossos atletas? 🙂

About Matilde Ferreira

Exemplos de Coragem

Simone Bales falou por todos nós que precisamos de parar. Eu precisei. E chamaram-me de preguiçosa sem procurarem entender o que realmente se passava comigo… E antes pressionaram-me tanto para ter filhos. E quase que me chamaram deficiente, se calhar ate chamaram, so porque eu não conseguia ter filhos de forma natural… 🙁 Simone representa-nos. E o que mais me revolta são as vozes cheias de falsa razão a criticar o que ela fez. Ha pessoas que quando acordam logo pela manha, so pensam em destilar veneno contra quem quer que seja… Chamam-na de cobarde… Pois Simone de cobarde não tem nada, muito pelo contrario. Nos precisamos de parar. Pois não somos maquinas nem somos feitos de ferro. Toda a nossa vida é nos exigido para sermos perfeitos. Bem vejo pelo meu filho que com 5 anos ja tem de saber ler e escrever, e fazer contas de dividir. Eu com a idade dele apenas sabia escrever o meu nome, graças à minha mãe e so queria correr pelo quintal da casa dos meus avos. Correr e brincar e sonhar. Coisas simples de ser criança.

As pessoas que criticam Simone têm mentes ocas e vazias. Têm mentes cheias de nada e vivem na escuridão… São pessoas tristes e desocupadas. Sempre na ansia de dizerem mal de tudo e de todos. 🙁

E para aqueles que a criticaram, fiquem a saber que ela acabou de anunciar que vai voltar para finalizar a prova. 🙂

O mundo precisa de mais pessoas como a Simone.

About Matilde Ferreira

Chernobyl 1986 – A serie e o Filme

Dizem que foi talvez a melhor minissérie dos últimos tempos. Superou GoT e Breaking Bad. Sobre este ultimo não posso dizer muito pois não vi nem me chamou muito a atenção. Sobre GoT, adorei. e vou querer rever daqui a uns tempos. Mas voltemos a Chernobyl. Uma serie que dá que pensar e muito. Corria o ano de 1986. Mais de 30 anos passados, continuamos a sofrer as consequências desta tragédia… Sim, se ficamos cada vez mais doentes, e este trágico acidente pode muito bem ter sido um dos causadores disso…

Os russos são peritos em esconder as coisas mas desta vez não conseguiram… Esta serie vem revelar muito mais do que aquilo que eles queriam.

Chernobyl é arrepiante.

O desastre de Chernobil foi um acidente nuclear catastrófico ocorrido entre 25 e 26 de abril de 1986 no reator nuclear nº 4 da Usina Nuclear de Chernobil, perto da cidade de Pripiat, no norte da Ucrânia Soviética, próximo da fronteira com a Bielorrússia Soviética.

Homens e mulheres corajosos agem heroicamente para mitigar danos catastróficos quando a Usina Nuclear de Chernobyl sofre um acidente nuclear em 25 de Abril de 1986.

Sim, leram bem, foi no mesmo dia em que em Portugal se comemorava a Liberdade.

Vimos esta serie no Amazon Prime.

Depois da serie cruzei-me com o filme numa sugestão do Netflix. E devo-vos dizer que gostei ainda mais. Talvez por contar a historia de um dos bombeiros que para alem de apagar o fogo em Chernobyl foi também o responsável pela missão urgente de drenar a agua do reservatório sob o reactor em chamas.

O que mais gostei neste filme foi da historia da familia do bombeiro, da sua mulher e do seu filho que fica doente por ter estado perto da refinaria quando esta explodiu e depois ter ficado doente. Alexey o bombeiro fez tudo para o salvar, e conseguiu fazer, e com isto fez com se aproximasse da sua mulher da qual estava separado.

Chernobyl: O Filme é sobre as consequências da explosão na usina nuclear de Chernobyl, quando centenas de pessoas sacrificaram suas vidas para limpar o local da catástrofe e para prevenir um desastre ainda maior que poderia ter tornado grande parte do continente europeu em uma zona inabitável. O improvável herói do filme é Alexey, um bombeiro da usina. Ele está acompanhado por Valery, um engenheiro, e Boris, um mergulhador militar, em uma perigosa missão para drenar a água de um reservatório sob o reator em chamas. Eles não têm tempo para um planejamento adequado; a água nos corredores inundados que eles terão de atravessar está ficando mais quente a cada hora à medida que o núcleo do reator derretido se aproxima cada vez mais. Preparados para sacrificar suas próprias vidas para evitar uma catástrofe ainda maior, os três homens descem às profundezas do prédio do reator.

About Matilde Ferreira

O Louis foi ao Zoo

Pela primeira vez. E adorou. 🙂 Que rica maneira de começar as ferias de Verão. 🙂

Ao contrario de 2013, desta vez o Zoo tinha menos animais, talvez derivado à pandemia. Tive saudades de ver a zona dos macaquinhos como este abaixo na imagem, que saltavam por cima das nossas cabeças 🙂

Imagem da minha autoria – Agosto de 2013

Mas mesmo assim o Louis divertiu-se imenso 🙂 Por onde passasse metia conversa com as pessoas e parecia que estava a dar o seu show ou então a fazer de guia do Zoo 🙂 Foi mesmo muito engraçado, vê-lo a interagir com as pessoas que passavam por nós.

O Zoo esta dividido por 3 rotas: a azul, a laranja e a rosa. Nos começamos pela primeira e terminamos na ultima, passando ainda pela zona das borboletas. So nao conseguimos ir à zona dos aquários mas isso podemos deixar para quando podermos ir ao SeaLife, tenho a certeza de que o Louis vai adorar também.

Este foi um dos nossos primeiros amiguinhos que encontramos pelo caminho 🙂 A paz que eles transmitiam era contagiante.

De seguida, passamos para os preferidos do Louis como podem ver neste video. Prestem atenção ao pequeno David Attenborough:

Tanto os tigres da zona azul como os leōes da zona laranja estavam muito envergonhados e so conseguimos ver um de cada. E o leão estava bem escondido. Mais uma vez a pandemia a fazer das suas… Mas conseguimos ver estátuas dos seus primos 😀

Da zona azul ainda vimos os camelos, as tartarugas, os dragões do comodoro, as lammas e as alpacas. O Louis adorou as tartarugas e “conversou” com elas 🙂

De seguida, passamos à zona rosa onde vimos as zebras, as girafas e os hipos como o Louis lhes chama 🙂 Também passamos pelos Timon, as suricatas, e Pumbas, os javalis, do Rei Leão 🙂

Na zona rosa também vimos os belos lêmures, bem conhecidos do filme Madagascar, onde interpretam a musica I like to move, move it 😀 Oh para eles todos vaidosos 🙂

Um sitio onde eu não conseguia viver é na floresta tropical por causa do clima húmido e abafado que se faz sentir… 🙁 Acreditem que desta vez me senti melhor na zona das borboletas que também é um sitio bem húmido.

E de seguida fomos ate à bonita zona das borboletas 🙂 Onde o Louis reencontrou a sua boa e velha amiga The Very Hungry Caterpillar 🙂 Conseguem encontrar as borboletas? 🙂

Depois de irmos almoçar e descansar as pernocas, fomos visitar os preferidos do Louis, os pinguins 🙂 E claro, o Louis aproveitou para pedir um gelado 🙂 Bem merecido, não acham? 😉

Deixo-vos com o melhor deste passeio, a alegria e energia contagiantes do nosso Louis 🙂 Claro, que o numero 7 português espalhou charme por onde passou 🙂

Gostam de ir ao Zoo? 🙂

About Matilde Ferreira

Sindrome do Impostor…

Ao ler este livro, We ‘re all screwed up, constatei que sofro deste síndrome.

Se você sente constantemente que o que você faz não é bom o suficiente, você pode ter a chamada síndrome do impostor. É um termo psicológico que descreve um padrão de comportamento no qual você duvida de suas realizações e tem um medo persistente de ser exposto como uma fraude, como incompetente.

Sintomas:

  1. Necessidade de se esforçar demais. …
  2. Auto-sabotagem. …
  3. Adiar tarefas. …
  4. Medo de se expor. …
  5. Comparação com os outros. …
  6. Querer agradar a todos.

Como ultrapassar este sindrome:

  1. Aceite elogios. …
  2. Admita os seus pontos fortes. …
  3. Divida o seu conhecimento com o próximo. …
  4. Tire um tempo para você …
  5. Não faça comparações.

Não é nada fácil combater este síndrome. Eu não lido bem com elogios. Talvez porque em criança quando eu chorava me chamavam feia. “Olha que menina tao feia a chorar”. As pessoas não imaginam o impacto que isso pode ter na cabeça de uma criança. Ate podem estar a falar sem mas intenções mas são coisas que não se dizem. Eu não consigo dizer o mesmo ao meu filho. Alias quando ele chora, a minha primeira reação e baixar-me e dar-lhe um abraço para o acalmar.

About Matilde Ferreira