Category Archives: Desabafo

A lógica do CBeebies

Para quem não sabe, o CBeebies é o canal de bebes e crianças ate aos 5 anos da BBC. Tem inicio as 6 da matina e encerras as 7 da noite. O Lu ja sabe que quando o CBeebies desliga esta na hora da naninha. 🙂 Ate aqui tudo bem, mas depois para quem segue o twitter do canal depara-se o com hashtag: #uptoearly que quer dizer mais ou menos “acordar cedo demais” … Noa faz muito sentido quando a culpa é deles, certo? 😛

Enquanto isto, os pais que aguentem, mesmo ao fim de semana, acordar com as galinhas… o que vale é que isto vai passar e na adolescência vingamo-nos 😛 Agora entendo a minha mãe, que me acordava sempre com as galinhas 😛

E quem não tem filhos que não fique a rir, pois eu em Portugal era acordada as 5 da matina pela minha gata a fazer correrias no hall ou arranhar a porta do quarto a pedir comida 😛

Valha-nos o abençoado cafe 😀

Imagem da minha autoria

Bom fim de semana a todos 😀

About Matilde Ferreira

Onde está o bom senso destas pessoas?…

Saber que estas coisas acontecem, faz-me ficar agoniada e mal disposta. Uma coisa são as escolhas de cada um, nada contra, agora por em risco a vida dos filhos? Onde é que está gente tem o cérebro? Como podem por em risco a vida dos próprios filhos??? Isto vem de encontro a este post da C. do O Meu Reino da Noite que muito pouca gente entendeu o que ela quis dizer. E olhem que basta ter bom senso. So isso. Coisa rara hoje em dia e tao necessária. Mas custa assim tanto ter um mínimo de noção? A internet como ja disse por aqui, tem tudo para ser uma coisa maravilhada, é uma excelente fonte de informação, sem duvidas, mas eu cresci numa era em que não a tínhamos e considero-me uma pessoa minimamente informada. Sabem onde eu ia buscar informação? Aos livros. Quando eu não sabia alguma coisa e queria saber a resposta, lia. Via documentários. Perguntava aos meus pais. Caramba, é assim tao difícil?

Imaginem-se sem internet? Conseguem fazer isso? Onde iriam buscar informação?…

Espero que o caso desta criança sirva de exemplo. Nenhum ser humano, principalmente um que ainda não tem noção de nada merece passar pelo que esta criança passou 🙁

About Matilde Ferreira

Não gosto…

… quando o meu instinto está certo neste tipo situações. Só a mim é que me faz confusão ver uma criança com um colar destes a volta do pescoço? … Ja tive discussões desnecessárias sobre estes ditos “colares para crianças” e num destes dias acordei com esta noticia. Há 3 anos uma criança de 1 ano morreu asfixiada numa creche nos USA por ter um colar de âmbar ao pescoço. O colar foi oferecido por uma pessoa amiga, e agora a mãe quer processar a Etsy, este onde o colar foi comprado…

Se pesquisarem “perigos do colar de âmbar” no Google podem ver vários links com testemunhos e também oficiais como por exemplo da DECO a alertar para os perigos destas “modas”…

Posto isto so tenho vontade de dizer a estas pessoas:

About Matilde Ferreira

Movimento #nãoénormal

Pois é. O Diogo Faro lançou o desafio. Ja não devia ser preciso falar nestas coisas. O machismo ja não deveria ser normal. Os homens ja não deveriam usar do ser poder de serem homens para fazer o que querem com as mulheres. 🙁 A humanidade ja deveria ter evoluído o suficiente para entender isto. Mas não… parece que quanto mais evolução e informação existem, pior ficamos. Incrível não? Parece que o ser humano tem medo da evolução. Faz-me tanta confusão…

Imagem retirada do instagram do Diogo Faro

Eu fui uma das mulheres que escreveu ao Diogo. O meu caso nem é dos mais graves. Mas fez-me bem escrever. Sei que tive sorte. A minha consciência dizia-me que aquilo não podia ser normal. Aos 12 anos fui assediada por um familiar directo. O meu padrinho, irmão do meu pai. Valeu-me ter uma mãe atenta que me afastou dele. Ja vos contei aqui sobre isto. Tambem vos contei sobre o meu ex-chefe. Faltou falar do meu anterior patrão que apesar de ja estar quase nos 70 anos, não havia dia que não tentasse se “roçar’ em nos, suas funcionarias. Valeu-me mais uma vez o meu espirito forte. Não mata, mas moi.Termos de ser fortes o tempo todo.

Sabem quais foram algumas das perguntas que o meu ex-chefe me fez na entrevista? “É casada? Ou tem namorado?” “Está a pensar engravidar?” Na altura respondi, meia encabulada, aquelas perguntas… Mas hoje sei que se fosse ca em Inglaterra, o meu ex-chefe levava com um processo em cima.

Ate quando vamos deixar estas coisas continuarem a ser normais?…

About Matilde Ferreira

Um dos meus maiores receios…

…desde que descobri que tinha cistos nos ovários, aconteceu com a actriz Kate Beckinsale, protagonista do filme, Underworld.

Viver com cistos nos ovários é como se vivêssemos com uma bomba-elogio, pronta a explodir. Eu ate tenho tido muita sorte, acreditem que vivo com o coração nas mãos, e é isso que faz ansiedade. Tenho receio de não poder ver o meu filho crescer. De não ser capaz de apoiar o meu Rui. Não é fácil de todo. Estes últimos anos foram muito intensos. Como ja disse aqui estou muito grata ao NHS mas não quero dar-lhes mais trabalho nem chatices.

Os últimos tempos não têm sido fáceis, ando numa luta para controlar esta doença e a evitar voltar aos medicos. É que ja cansa… Mas o que tem de ser tem muita força e antes que aconteça alguma coisa mais grave, vou mesmo ter de ir procurar ajuda.

Na Wikihow podem ter informacoes sobre como tratar rupturas de cistos nos ovários.

Deixo-vos com os sintomas de uma possível ruptura de um cisto dos ovários e os seus sintomas:

Imagem retirada do Google
Imagem retirada do Google

Valham-me estas mesinhas… o vinagre de cidra e os chazinhos de lucia-lima têm-me ajudado bastante.

Imagem retirada do Google

E assim vamos vivendo um dia de cada vez, a uma semana de completar 42 anitos, sinto-me cansada… sem saber quando vai ser o ultimo 🙁

About Matilde Ferreira