Category Archives: Opinion

Imagem da Semana| O Exorcista

Imagem retirada do Instagram

Hoje gostava de vos fazer um pedido. Imaginem um mundo sem Trump, Bolsonaro, Brexit e… Regina Duarte. Sim, Regina Duarte, a actriz que tanto nos fez rir com as suas Viúva Porcina do seu Sinhozinho Malta, e Rainha da Sucata… acho que as hormonas da menopausa estão a fazer das suas a esta senhora… avariou por completo como podem ver no video abaixo.

Continuem a imaginar tal como eu um mundo sem pessoas como estas… Juntos vamos conseguir com elas desapareçam da face da terra, demore o tempo que demorar. Conto convosco? 😉

About Matilde Ferreira

Imagem da Semana

Imagem retirada do Instagram – Agencia Lusa

Liberdade Sempre. Obrigada, 25 de Abril.

Vai tudo ficar bem. Isto vai passar. Temos o 25 de Abril para nos inspirar. O 25 de Abril foi como um arco-íris depois da tempestade da Ditadura. E os nossos heróis não desistiram. Acreditaram. Assim como nos também temos de o fazer contra esta ameaça invisível. Mas temos de continuar a fazer a nossa parte. Juntos. Sem umbiguismos nem egoísmos. Temos de pensar em todos. Nos vamos conseguir dar a volta a isto assim como os nossos antepassados conseguiram.

O 25 de Abril deu-nos liberdade e coragem para continuarmos a acreditar.

O senhor da foto aparenta ja ter vivido muito, parecendo já nada ter a perder. Ele viveu as amarguras da Ditadura, e melhor do que ninguém ele soube o quanto foi bom respirar de alivio quando os Capitães de Abril fizeram acontecer o Dia da Liberdade.

Ao sair à rua com o símbolo nacional ao ombro, ele quis mostrar que tal como a Ditadura foi derrotada, este vírus maldito e invisível também o será, só temos de continuar a fazer a nossa parte, como os nossos antepassados o fizeram. Tal como eles, nos também vamos conseguir!

Conseguem imaginar o vosso mundo sem livros? Eu não 🙁 Mas a minha mãe que tanto gostava de ler viveu num tempo em que não podia ler os livros que mais gostava. Lembro-me de ser pequenina e encontrar um livro sobre o 25 de Abril escondido na mesinha de cabeceira dela, apesar de já não estarmos no tempo da Ditadura. Li esse livro depois de aprender a ler e fiquei tão fascinada com a História que se tornou a minha parte preferida Historia de Portugal, e eu gosto de todos os momentos da Historia de Portugal e do Mundo.

Sabiam que 2 dos livros proibidos no Estado Novo foram Os Bichos de Miguel Torga e e Capitães da Areia de Jorge Amado? Não consigo ver mal nenhum nestes livro e vocês? A Sofia Costa Lima do blog A Sofia World escreveu um post muito interessante sobre este assunto, passem por aqui e leiam.

About Matilde Ferreira

Estante Capsula| Desafio Dia do Livro d’As Gavetas

A Andreia Morais do blog As Gavetas da Minha Casa Encantada lançou o desafio e é claro, que eu resolvi participar.

Mudas de casa. E na tua estante nova só tens espaço para ter 4 autores e 3 livros. Quais escolhes?

Mudei 4 vezes de casa, deixando sempre para trás os livros que me ajudaram a abrir ainda mais os meus horizontes, e que me deram ainda mais certezas para fundamentar os meus pensamentos.

Código Da Vinci de Dan Brown foi um abre-olhos para mim. Li-o em menos de 1 semana. Veio confirmar factos e abrir muitos horizontes para mim. É um livro muito especial pois foi o meu Rui que me emprestou no inicio da nossa relação.

Em Paris, o simbólogo de Harvard Robert Langdon é despertado por um telefonema na calada da noite. O curador idoso do Louvre foi assassinado dentro do museu, seu corpo coberto de símbolos desconcertantes. Enquanto Langdon e a talentosa criptóloga francesa Sophie Neveu examinam os enigmas bizarros, eles ficam surpresos ao descobrir uma trilha de pistas escondidas nas obras de Leonardo da Vinci – pistas visíveis para todos verem e engenhosamente disfarçadas pelo pintor.

Ainda mais surpreendente, o curador falecido estava envolvido no Priorado de Sião – uma sociedade secreta cujos membros incluíam Sir Isaac Newton, Victor Hugo e Da Vinci – e guardava um segredo histórico de tirar o fôlego. A menos que Langdon e Neveu possam decifrar o quebra-cabeça labiríntico – enquanto evitam o adversário sem rosto que oculta todos os seus movimentos – a verdade explosiva e antiga será perdida para sempre.

Um Erro Inocente de Dorothy Koomson foi o primeiro livro que li desta escritora que se tornou a minha preferida, fiquei rendida à sua escrita, nao tendo conseguido parar de ler as suas obras de seguida. A conclusão que tiro deste livro é que a maldade pode tirar a inocência de uma pessoa. Foi mais um livro que li, praticamente em 2 dias durante as minhas viagens de camioneta de casa para o emprego e vice-versa.

Durante a adolescência, Poppy Carlisle e Serena Gorringe foram as únicas testemunhas de um trágico acontecimento. Entre aceso debate público, as duas glamorosas adolescentes viram-se a braços com os tribunais e foram apelidadas pela imprensa de “As Meninas do Gelado”. 

Anos mais tarde, tendo seguido percursos de vida muito diferentes, Poppy está decidida a trazer ao de cima a verdade sobre o que realmente sucedeu, enquanto Serena, esposa e mãe de dois filhos, não pretende que ninguém do presente desvende o seu passado. Mas é impossível enterrar alguns segredos – e se o seu for revelado, a vida de ambas voltará a transformar-se num inferno… 

Emocionante e enternecedora, esta história fará com que nos perguntemos se alguma vez poderemos conhecer verdadeiramente aqueles que amamos.

Aproveito para dizer que a escritora vai lançar a continuação desta historia em Junho entitulado: All My Lies Are True.

Imagem retirada do site da escritora Dorothy Koomson

A Formula de Deus de Jose Rodrigues do Santos – As respostas estão todas na ciência e não na religião como nos fizeram acreditar ao longo dos anos. Este livro, na minha opinião, dá-nos a entender a importância de um Deus/Universo na relação com o Homem, também gostei da relação dele com o pai (que depois é estendido para a Mão do Diabo, já numa fase final da vida do pai dele). O autor põe muito de si nas suas obras, ou seja, dá a sua opinião nos seus escritos e talvez seja isso que eu mais gosto nos seus livros.

“Nas escadarias do Museu Egípcio, em pleno Cairo, Tomás Noronha é abordado por uma desconhecida. Chama-se Ariana Pakravan, é iraniana e traz consigo a cópia de um documento inédito, um velho manuscrito com um estranho título e um poema enigmático.

O inesperado encontro lança Tomás numa empolgante aventura, colocando-o na rota da crise nuclear com o Irão e da mais importante descoberta jamais efectuada por Albert Einstein, um achado que o conduz ao maior de todos os mistérios. A prova científica da existência de Deus.

Uma história de amor, uma intriga de traição, uma perseguição implacável, uma busca espiritual que nos leva à mais espantosa revelação mística de todos os tempos.

Baseada nas últimas e mais avançadas descobertas científicas nos campos da física, da cosmologia e da matemática, A Fórmula de Deus transporta-nos numa surpreendente viagem até às origens do tempo, à essência do universo e ao sentido da vida.”

Por incrível que parece li o primeiro livro de Valter Hugo Mãe no ano passado, 2019, O Nosso Reino, fiquei rendida com a escrita simples mas apaixonada do autor. Uma coincidência feliz, ofereci o livro “A Maquina de Fazer Espanhóis” no Natal de 2011 ao meu Rui que também ficou rendido à sua escrita tendo comprado de seguida “O Filho de Mil Homens” que leu quando veio cá a Londres antes de emigrarmos.

PERGUNTAS DE BOLSO

 -Para acompanhar a leitura…um cha 🙂

– Sublinhar livros? Depende, se as citações me disserem muito uso lapis e marcadores.

– Uma personagem para tomar café? Hmmm, nao é uma personagem mas adorava tomar um cha com a minha escritora preferida Dorothy Koomson e isso ja esteve mais longe de acontecer 🙂

– Team marcador de livro ou qualquer coisa serve para marcar a página? Bem, eu faço os meus marcadores 🙂

– Um livro para reler? Neste momento, ca em casa relemos muito os livros do pequeno Louis que não se cansa de ouvir sempre as mesmas historias para as memorizar e contar aos seus bonecos e amiguinhos na creche. 🙂 Nao sou pessoa de reler livros que ja li mas talvez volte a ler a biografia de Jim Morrison que li no final da minha adolescência e me ajudou a compreender um pouco melhor a vida e mundo em que vivemos: No One Here Gets Out Alive

– Um livro que vos acompanha da infância? Todos os livros infantis de Sophia de Mello Breyner, com destaque para A Menina do Mar pela sua mensagem simples e cativante. Tambem gosto da Fada Oriana e do Cavaleiro da Dinamarca.

Imagem da minha autoria

– Na mesa de cabeceira tenho… [assim temos um momento de cusquice, ficando a saber as escolhas de leitura uns dos outros] – As vidas de mãe fazem-me ler a conta a gotas, não é como há uma década atras em que lia um livro em menos de 48 horas… Tenho estes 3 para ler para alem de outros que estão na estante em fila de espera. Devagar se vai ao longe 😉

Imagem da minha autoria

Para comemorar o Dia do Livro a Wook está a fazer uma campanha em que oferece 20% de desconto imediato e portes grátis em todos os livros, incluindo as Novidades.

About Matilde Ferreira

Imagens da semana

Imagem retirada do Instagram

Quando eu pensava que ja tinha visto de tudo… a humanidade volta a surpreender-me pela negativa… Onde está o respeito pelos nossos profissionais de saude que estão a lutar todos os dias contra o maldito virus para salvar vidas?

Desde criança que o acto de “beijar a cruz” no compasso sempre me causou repudio. Talvez eu seja demasiado sensível, sei lá… mas o que é certo é que o meu instinto nao me falhou.

E estas pessoas que no sábado form para o cabelereiro, foi para se arranjarem para receberem o compasso em casa? Continuaram elas a viver numa realidade paralela em que julgam que nada lhes acontece e caso lhes acontece poderão contar com os heróis do serviço de saude que estao sempre pronto para lhes salvar a vida?

Imagem retirada do Instagram

Tenham juízo! Pois ja não tenho paciência para tanta estupidez junta… Que parte é que “ficar em casa” é que vocês ainda não perceberam?

About Matilde Ferreira

E a vencedora foi…

Elisa com Medo de Sentir 🙂

No passado sábado realizou a grande final do Festival da RTP da Canção 2020. Não ganhou a minha preferida que revelei aqui mas fiquei contente na mesma pois ganhou uma das minhas preferidas. E sinto que Portugal está muito bem representado no Festival da Eurovisão deste ano em Roterdão.

Adorei a Gala, gostei muito da homenagem que fizeram à RTP pelos seus 65 anos. Voltei atras no tempo e soube mesmo bem.

Qual é a saída
Eu acho que já não sei amar
E se o amor me convida
Agora não consigo aceitar
Parece que é rotina
A minha solidão teima em voltarEu não era assim
Mas agora tenho medo de sentir
Pergunta ao tempo, ele sabe tudo sobre mim
Pergunta ao tempo, ele sabe tudo sobre mim
(Pergunta ao tempo, ele sabe tudo sobre)Se me dás a tua mão
Eu não sei como vou reagir
Se falas de coração
Parece que estou outra vez a ouvir
Mais uma ilusão
Que não tarda muito em partirEu não era assim
Mas agora tenho medo de sentir
Pergunta ao tempo, ele sabe tudo sobre mim
Pergunta ao tempo, ele sabe tudo sobre mim
O que ele guarda, diz tudo o que eu sinto por tiEu já tentei mudar
Mas a vida levou
O melhor que eu tinha em mim
E se um dia eu voltar
Esperarás por mim?Eu não era assim
Mas agora tenho medo de sentir
Pergunta ao tempo, ele sabe tudo sobre mim
Pergunta ao tempo, ele sabe tudo sobre mim
O que ele guarda, diz tudo o que eu sinto por ti
(Pergunta ao tempo, ele sabe tudo sobre mim)
Oh, oh

E vocês, gostaram desta escolha do publico? Sim, porque o júri fez-nos sofrer ate ao final ao escolher Filipe Sambado com Gérbera Amarela do Sul

About Matilde Ferreira