Category Archives: Divagaçōes

Back to (Home)Schooling…

E o Louis não regressou à escola depois das ferias de Natal, só não acerto na lotaria… Parece que 2020 não terminou ou então 2021 é a sequela do ano anterior… Está tudo na mesma e a culpa é única e exclusivamente das pessoas que parece qua ainda estão em negação… Depois de tanto andar a pedir todos os dias para ir para a escola, eis que foi decretado novo lockdown aqui no Reino Unido. 🙁 Tudo por culpa da inconsciência das pessoas… E Portugal que se prepare, pois também vai pelo mesmo caminho… Muita força, meus queridos compatriotas. Se as pessoas tivessem feito o mesmo que nos ca em casa no Natal, estes novos confinamentos podiam muito bem ter sido evitados. Os meus irmão cancelaram o voo deles para virem cá a Londres, no entanto vi muita gente a andar a passear de concelho para concelho como se não existisse um virus… 🙁 E depois queixam-se. Ja para não falar naqueles que continuam a jurar a pes juntos que isto é so uma gripe e que se calhar ja tiveram o virus… Isto é gozar com todos aqueles que estão na linha da frente a lutar contra este maldito virus… Acho que so vou me sentir realmente segura quando nos ca em casa e os meus irmãos tomarmos a vacina

Mas voltemos ao que realmente interessa:

A primeira semana foi superada com sucesso, estes pequenotes têm-se portado como verdadeiros heróis, apesar dos muitos stresses. O Google Meet tem sido o nosso melhor aliado com todas as suas aventuras. Liga o micro, desliga o micro. Aceita

Ninguém disse que era fácil mas vamos aprendendo com os erros, e temos sempre os abraços e beijinhos dele que nos enchem o coração… ah e prosecco depois dele ir dormir, sim porque uma mãe não é de ferro, e o prosecco tem sido um bom companheiro 🥂

Sabem o que mais me conforta? É que apesar de tudo, ainda bem que temos internet para o meu filho falar com a professora e os seus amiguinhos 🙂

Deixo-vos com a galeria de imagens desta semana:

E foi assim a nossa semana 🙂 Agora vamos descansar e prepararmo-nos para a próxima 🙂

O que acharam da nossa semana?

Bom fim de semana, gente boa e linda 🙂

About Matilde Ferreira

Obrigada, 2020 :)

Não foste tu que foste mau, 2020… são as pessoas que continuam a fazer tudo mal! Se nem mesmo uma pandemia faz com que aprendam a dar valor ao melhor da vida, então não sei… Só sei que o mais importante é manter-nos em segurança e proteger aqueles que mais amamos para que o próximo Natal seja melhor! Ca em casa já estamos habituados a passar o Natal a 2, agora a 3 e adoramos, sem queixas nem lamúrias, e adoramos porque nos sentimos bem onde o nosso coração está melhor ❤️ Perdemos a nossa mãe este ano por causa da incompetência das pessoas, não foi por causa do ano… não foi nem está a ser fácil mas sei que ela está sempre presente nos nossos corações ❤️

Fiquem com o trailer do fantástico filme do Netflix que faz o resumo perfeito deste ano que marca uma nova década do novo milênio.

About Matilde Ferreira

O Ano da Tempestade e da Esperança

Finamente! As vacinas começaram a ser dadas ou tomadas. Mal posso esperar para que chegue a minha vez. Por mim, por todos nós. Temos de pensar num todo. Não, desengane-se quem acha que isto é só uma gripezinha… um resfriadinho. Vão por mimique ja tive 2 pneumonias graves, uma delas fui parar ao hospital. Quem não leva este virus a serio, não sabe do que está a falar e pior está a por em causa todo o trabalho dos profissionais de saude e dos cientistas. E eu devo tanto à ciência. Eu tenho um filho graças à ciência. O nosso bebé arco-íris. 🙂

Cresci a aprender que as vacinas são para o nosso bem. Alias se ha coisa que nos últimos tempos eu ja estive habituada foi a tomar injecções. Tomei muitas com os tratamentos de FIV para ter o Louis. E tive o melhor enfermeiro, o meu Rui. 🙂

Temos tanto a aprender com 2020, o ano da mudança, o ano que serviu para darmos valor às pequenas grandes coisas da vida. O ano que pode ter começado mal, mas terminou com o melhor presente de Natal de sempre: a vacina. 🙂

Cuidem-se e protejam-se por favor!

Imagem da minha autoria

About Matilde Ferreira

O melhor da pandemia…

Sim, nem tudo é mau nesta pandemia, pelo menos para mim que deteto a confusão das multidões. Ha 7 anos quase sufocamos no meio da multidão do Carnival de Notting Hill como falei aqui.

Se ha coisa que dá paz é entrar numa carruagem de metro ou comboio ou num autocarro vazio. Chamem-me anti-social, não quero saber…sinto-me bem assim.

Nao tenho saudades de ruas aglomeradas de gentes.

Talvez isto sirva para as pessoas finalmente darem valor às memórias. Sem exageros. Tenho muito boas memórias do Sao Joao no Porto. Fomos por 3 anos consecutivos ver o fogo da Passagem de Ano no Aliados. Ca em Londres sempre dissemos que preferimos ficar em casa. Das melhores decisoes que tomamos.

Prefiro andar pelas ruas vazias da cidade do que em aglomerados. Sempre fugi das enchentes dos shoppings. Basta meia hora la dentro para me sentir com falta de ar…

Não me considero anti-social mas preservo bastante o meu espaço e a minha paz de espirito. 🙂

E voces?

About Matilde Ferreira

Abraços em tempo de Pandemia…

Como dizer a uma criança que não pode dar abraços aos seus amigos? O Louis adora abraçar e dar-nos beijinhos e segundo o melhor amigo parece que ele tem feito o mesmo na escola. 🙂

Imagino o quanto deve custar a uma professora dizer a um aluno que não pode dar abraços nem beijinhos aos coleguinhas… apesar de aqui no Reino Unido não ser muito usual a demonstração de afectos como é em Portugal, mesmo assim acredito que não seja fácil de tudo…

Acho que não existe muito a fazer quando uma criança apenas quer expressar os seus sentimentos mais puros… Por muito que se diga que não se pode, ano que era pior se ele não fosse uma criança carinhosa, afinal de contas um carinho cai sempre bem como diz Caetano Veloso. 🙂

Noticias como esta deixam-me feliz porque mesmo em tempos de pandemia é possível dar afectos. Seja no Canada como mostra o video abaixo, ou em Sao Paulo, Brasil como falam na noticia.

E voces, o qua acham disto? O que diriam ao Louis nesta situação? 🙂

About Matilde Ferreira