Category Archives: Saude

Ponto de situação…

Los Dibujitos — Song of the uterus.

Hoje trago-vos novidades sobre o meu estado de saúde. Amanha vou retirar o aparelho de cobre pois ele é incompatível com o fibroide uterino que tenho há mais de uma década… Pois é, a minha médica quando me colocou o aparelho esqueceu-se este pequeno grande pormenor. Enfim. Ainda me lembro de quando este me foi diagnosticado, eu ter ido a um ginecologista em Paços de Ferreira que na altura me disse que nao removia o mioma nem que eu lhe pusesse um lingote em ouro à frente…

O ideal seria remover o útero e tomar hormonas para a menopausa, ficava livre de dores e ganhava anos de qualidade de vida. Mas acho que ainda é cedo e quero experimentar o implante hormonal.

Estes são os sintomas que os fibroides uterinos causam:

*menstruações intensas ou menstruações dolorosas
*dor de barriga (abdominal)
*dor na região lombar
*uma necessidade frequente de urinar (por isso nao aguentei tanto tempo da ultima vez que me desloquei ao consolado e as casas de banho estavam interditas ao publico...:( ) 
*obstipação
*dor ou desconforto durante o sexo (no meu caso é após)

E a melhor imagem para descrever o útero feminino vai para…

Imagem retirada do Google

Ja repararam que o nosso útero só serve para uma coisa? Não quer dizer que isso não seja importante, alias é das coisas mais importantes da Vida, ele é responsável por ela. 🙂 escusava era de ser tão maléfico quando deixa de fazer o seu papel… 🙁

Imagem retirada do Google

E nem de propósito esta sexta-feira ao final do dia, recebi uma chamada a minha medica de família com boas noticias: ela vai fazer um requerimento ao hospital para tratarem de remover o mioma ou em ultimo caso o útero. O melhor será mesmo remover o útero uma vez que nos nao queremos ter mais filhos devido à idade. Fiquei tão contente qu parece que me saiu um peso de cima 🙂 Apos mais de 20 anos de dores, apesar de ter trabalhado muito, acho que ja esta mais que na hora de viver a vida de verdade. 🙂

Deixo-vos com o caso da cantora FKA Twigs que teve de se submeter a uma operação para extrair um mioma uterino do tamanho de duas maças, ter kiwis e alguns morangos… uma autentica salada de frutas de muitas dores e uma barriga de seis meses de gestação.

E isto é o que eu vou sentir quando me ver livre do meu útero…

Acho que só vou acreditar quando acontecer 😀

Mal posso esperar por finalmente ter a minha liberdade 🙂

Por tanto ja sabem que os próximos meses vai ser muito importantes e decisivos para mim mas será tudo por uma boa causa, assim como foram os anos de 2014 e 2015 antes do Louis nascer. Estou preparada 🙂

About Matilde Ferreira

Tenho princípios de anemia… e agora?

Parece que a pandemia ja fez alguns estragos por aqui… mas o que não me mata, faz-me mais forte. 🙂

Fui diagnosticada com princípios de anemia nas ultimas analises ao sangue que fiz, depois de ter voltado aos médicos para fazer consultas e exames de rotina. A causa são os períodos muito intensos que me têm deixado de rastos. O aparelho de cobre também nao esta ajudar e por isso na próxima consulta de planeamento familiar vou colocar o implante, uma vez que não quero voltar a tomar pílulas ate à menopausa… também ja não deve faltar muito.

A minha mãe teve anemia quando estava gravida do meu irmão mais novo pois andava sempre a correr para ir fazer umas horas a fazer limpezas em casas de senhoras. Má alimentação e e muito stress acumulado foram as causas da sua anemia.

No meu caso a culpada é mesmo a minha doença crônica, a minha querida SOP.

Por isso agora tenho andado a tomar suplementos de ferro, e muita vitamina C, aliada a um laxante para ajudar a combater a obstipação causada pelo ferro (pois o coco tem cor de carvão, desculpem a demasiada informação) … para alem disso tenho comido muitos vegetais, nomeadamente espinafres e leguminosas. Carne de vaca não posso comer porque os cistos adoram a sua proteína, mas posso sempre comer fígado, miúdos e carne de cordeiro. E peixinho, que eu adoro e é tao bom.

E vocês, ja sofreram de anemia?

About Matilde Ferreira

Pergunta do dia

Para hoje gostaria de saber qual a vossa opinião sobre , uma pergunta lançada pela radio LBC se doentes terminais com cancro devem ou não estar no grupo prioritário para tomar a vacina contra o covid-19. Estas pessoas podem estar a morrer mas e se a vacina lhes der mais algum tempo de vida?…

Imagem retirada do Google

Deixo-vos com a opinião de Guilherme Duarte sobre este assunto.

About Matilde Ferreira

O Ano da Tempestade e da Esperança

Finamente! As vacinas começaram a ser dadas ou tomadas. Mal posso esperar para que chegue a minha vez. Por mim, por todos nós. Temos de pensar num todo. Não, desengane-se quem acha que isto é só uma gripezinha… um resfriadinho. Vão por mimique ja tive 2 pneumonias graves, uma delas fui parar ao hospital. Quem não leva este virus a serio, não sabe do que está a falar e pior está a por em causa todo o trabalho dos profissionais de saude e dos cientistas. E eu devo tanto à ciência. Eu tenho um filho graças à ciência. O nosso bebé arco-íris. 🙂

Cresci a aprender que as vacinas são para o nosso bem. Alias se ha coisa que nos últimos tempos eu ja estive habituada foi a tomar injecções. Tomei muitas com os tratamentos de FIV para ter o Louis. E tive o melhor enfermeiro, o meu Rui. 🙂

Temos tanto a aprender com 2020, o ano da mudança, o ano que serviu para darmos valor às pequenas grandes coisas da vida. O ano que pode ter começado mal, mas terminou com o melhor presente de Natal de sempre: a vacina. 🙂

Cuidem-se e protejam-se por favor!

Imagem da minha autoria

About Matilde Ferreira

O meu maior sonho…

… é que as doenças femininas deixem de serem tratadas como um bicho de sete cabeças por parte dos médicos e da sociedade. Eu falo por experiencia ao longo dos anos a minha doença agravou-se porque os médicos confundiam os sintomas, diziam que eram cólicas e davam-me clisters… Gostava que esses sintomas fossem bem interpretados para que assim as doenças não se agravem para algo pior… Sim, porque no meu caso os cistos nos ovários podem levar a cancro com o passar da idade (este é meu maior receio desde que a doença me foi diagnosticada aos 18 anos… ainda não tinha internet nem computador para poder pesquisar sobre a doença. O que me valeu foi a informação da minha medica de família na altura e os panfletos que ela me disponibilizou… corria o ano de 1996, pesquisei muito sim, mas em livros.) . Diabetes Tipo II e problemas de coração, crises de rins, pernas e tornozelos inchados que levam a tromboses… são também umas das causas da doença/ síndrome.

E esta pandemia não está a ajudar em nada, porque eu sei que os médicos estão demasiado ocupados a combater este vírus terrível… que ainda não tive a oportunidade de fazer os meus exames anuais de rotina.

Identifico-me tanto com esta rapariga norte-americana, Shelby Eckard, conhecida como PCOS Support Girl que sigo no Facebook, Twitter e Instagram.

Quantas vezes nós nos colocamos em segundo lugar ora porque dissemos ao medico que os exames ficam para a próxima consulta, ora porque temos louça para lavar, ora porque temos de ir levar o filho à escola, ora porque temos de os entreter… e o nosso corpo vai dando sinais mas não fazemos por não ligar.Revi-me tanto com este texto da PCOS Support Girl.

Imagem retirada do Facebook – Texto do Instagram aqui

Ela é democrata e apesar de estar fortemente combalida por causa da doença, esteve quase 4 horas na fila para votar… sujeita a ser insultada e agredida pelos apoiantes radicais do Trump. 🙁 E mesmo assim ela não desistiu, mesmo depois de ter passado os últimos dias no hospital. Sim, porque ela sabe que o seu voto conta para as coisas mudarem, principalmente se forem para ajudar a saude dela.

Gostava de acordar um dia e não ter mais estes sintomas, acordar varias vezes a meio da noite com a barriga a rebentar a pensar que não vou aguentar e que não vou passar dessa noite… 🙁

Gostava muito que os médicos deixassem de dizer que a cura para a PCOS está em perder peso, eu era muito magra quando fui diagnosticada esta síndrome e foi a pílula receitada pelos médicos que me fez engordar…

O que me vai dando forças para seguir em frente são a minha família, os meus dois amores e estes podcasts sobre a PCOS onde a Shelby participa com outra rapariga, a Jeni da minha idade, que também sofre da doença, e ja teve dois cancros… Estas conversas vão me mostrando que eu não estou sozinha nesta luta. 🙂

About Matilde Ferreira