Tag Archives: GNR

Uma musica que…

…faz lembrar o Verão e fica na cabeça 🙂

Dunas, são como divãs
Biombos indiscretos de alcatrão sujo
Rasgados por cactos e hortelãs
Deitados nas dunas, alheios a tudo
Olhos penetrantes
Pensamentos lavados
Bebemos dos lábios, refrescos gelados 
Selamos segredos
Saltamos rochedos
Em camara lenta como na TV
Palavras a mais na idade dos: porque
Dunas, como que são divãs
Quem nos visse deitados 
De cabelos molhados, bastante enrolados
Sacos camas salgados
Nas dunas, roendo maçãs
A ver garrafas de óleo 
Boiando vazias nas ondas da manhã
Bebemos dos lábios, refrescos gelados
Nas dunas
Em camara lenta como na TV
Nas dunas
Nas dunas
Nas dunas
Nas dunas
Refrescos gelados
Como na TV
Nas dunas

Quem se lembra? 🙂

About Matilde Ferreira

Efectivamente…

Or aqui esta uma musica que por mais tempo que fique sem a ouvir, continuo a saber a letra de cor…

Adoro o campo as arvores e as flores
Jarros e perpétuos amores
Que fiquem perto da esplanada de um bar
Pássaros estúpidos a esvoaçar
Adoro as pulgas dos cães
Todos os bichos do mato
O riso das crianças dos outros
Cágados de pernas para o ar
Efectivamente escuto as conversas
Importantes ou ambíguas
Aparentemente sem moralizar
Adoro as pêgas e os padrastos que passam
Finjo nem reparar
Na atitude tão clara e tão óbvia
De quem anda a engan(t)ar
Adoro esses ratos de esgoto
Que disfarçam ao pilar
Como se fossem mafiosos convictos
Habituados a controlar
Efectivamente gosto de aparência
Imponente ou inequívoca
Aparentemente sem moralizar
Efectivamente gosto de aparência
Aparentemente sem moralizar
Aparentemente escuto as conversas
Efectivamente sem moralizar
Efectivamente….sem moralizar
Aparentemente…sem moralizar
Efectivamente

Ainda se lembram desta musica? Sabiam a letra de cor? 🙂

Bom domingo 🙂

About Matilde Ferreira