Category Archives: Songs

Uma musica para embalar…

Ainda o Lu não via tv, so ouvia e ja adormecia embalado por esta melodia. Hoje o Tee é heroi dele, talvez por se rever nele, pois parece mesmo um macaquinho de tão traquinas que é, cheio de saúde 🙂 Alias revejo muito nós dois, no Tee e na sua mãe Moo.

Little monkey, sleepy one
You’re all worn out from having fun
Come lay down with me, the day is done
Sleepy time for everyone
So…go to sleep, my baby
It’s been a busy day
go to sleep my baby
I’ll be here, when you wake
Moon is bright up in the sky,
Stars are shining bright,
For you tonight
Dreams will come and fill your head
Safe here in your bed, 
by my side
Listen to your mummy

My baby, go to sleep
Go to sleep
Go to sleep
Go to sleep

Macaquinho, sonolento
Tu estás tão cansado de te divertires
Vem deitar-te comigo, o dia acabou
É tempo de dormir para todos
Então … vai dormir, meu bebê
Tem sido um dia agitado
Vai dormir, meu bebê
Eu estarei aqui quando tu acordares
A lua brilha no céu
Estrelas estão brilhando,
Para ti esta noite
Os sonhos vão vir e encher a tua cabeça
Aqui na tua cama estás protegido
do meu lado
Ouve a tua mamã
 
Meu bebê, vai dormir
Vai dormir
Vai dormir
Vai dormir

Bom fim de semana, gente boa e linda 🙂

About Matilde Ferreira

Efectivamente…

Or aqui esta uma musica que por mais tempo que fique sem a ouvir, continuo a saber a letra de cor…

Adoro o campo as arvores e as flores
Jarros e perpétuos amores
Que fiquem perto da esplanada de um bar
Pássaros estúpidos a esvoaçar
Adoro as pulgas dos cães
Todos os bichos do mato
O riso das crianças dos outros
Cágados de pernas para o ar
Efectivamente escuto as conversas
Importantes ou ambíguas
Aparentemente sem moralizar
Adoro as pêgas e os padrastos que passam
Finjo nem reparar
Na atitude tão clara e tão óbvia
De quem anda a engan(t)ar
Adoro esses ratos de esgoto
Que disfarçam ao pilar
Como se fossem mafiosos convictos
Habituados a controlar
Efectivamente gosto de aparência
Imponente ou inequívoca
Aparentemente sem moralizar
Efectivamente gosto de aparência
Aparentemente sem moralizar
Aparentemente escuto as conversas
Efectivamente sem moralizar
Efectivamente….sem moralizar
Aparentemente…sem moralizar
Efectivamente

Ainda se lembram desta musica? Sabiam a letra de cor? 🙂

Bom domingo 🙂

About Matilde Ferreira

Uma musica que o Lu adora

Reparei que o Lu começou a gostar desta musica quando o vi a dançar e a rodopiar quando ela passava na novela A Teia da TVI 🙂

What am I supposed to do without you?
Is it too late to pick the pieces up?
Too soon to let them go?
Do you feel damaged just like I do?
Your face, it makes my body ache
It won’t leave me aloneAnd this feels like drowning
Trouble sleeping
Restless dreamingYou’re in my head
Always, always
I just got scared
Away, away
I’d rather choke on my bad decisions
Then just carry them to my grave
You’re in my head
Always, always, alwaysCracks won’t fix and the scars won’t fade away
I guess I should get used to this
The left side of my bed’s an empty space
I remember we were strangers
So tell me what’s the difference
Between then and nowAnd why does this feel like drowning?
Trouble sleeping
Restless dreamingYou’re in my head
Always, always
I just got scared
Away,…

Bom fim de semana*

About Matilde Ferreira

A minha musica preferida…

do Festival da Canção 2019 🙂 Este homem tem uma voz brutal! E ao contrario de outros merece mais destaque por parte dos media.

Nem de propósito realiza-se esta noite a Final deste evento.

Seu eu puder juntar
Tudo que há no mundo de mais belo
E somar inevitavelmente o fim
És tu ter-te a meus braços
É tudo p’ra mim

[Refrão]
Estou grato ao destino
Sim eu agradeço
Por me ter oferecido
Bem mais do que mereço
Mesmo que eu pudesse
Eu não mudava nada
Porque a teu lado
Tudo é perfeito

[Verso 2]
Se eu puder sonhar
Com tudo que no mundo há de bom
Vou-te encontrar
Porque não há ninguem igual a ti
Ter-te a meus braços é um sinal divino
Tudo o que importa é este amor

[Refrão]
Estou grato ao destino
Sim eu agradeço
Em ti encontrei um novo começo
Mesmo que eu pudesse
Eu não mudava nada
Porque a teu lado eu sou perfeito

Também gostei muito desta pois a Soraia tem um voz mesmo muito bonita mas infelizmente não passou à Final…

Sonho com o dia em que vai acontecer
O diálogo em que nos vamos entender
Para sempre
O dia em que o nosso amor vai-se fortalecer
E a feridas do passado desaparecer
Num abraço
Sonho caminhar confiante num mundo real
Em que igualdade e amor é algo natural
Sem mais preconceitos e sem mãos a medir
Ao afeto e ajuda que podemos dar
Cegamente

Não
Não posso mais assistir
A notícias que podiam ser
De alegrias e conquistas a cada dia
Prova viva de um mundo melhor
Quero exaltar
A magia da união
Amizade que traz o alento
E a força para continuar
Sonho
Cantar uma canção
Para agradecer as maravilhas
Que no mundo estão a acontecer
Não
Não posso mais assistir
A notícias que podiam ser
De alegrias e conquistas a cada dia
Prova viva de um mundo melhor
Quero exaltar
A magia da união
Amizade que traz o alento
E a força para continuar

Espero muito sinceramente que o Matay represente Portugal em Israel.

E voces, gostam da musica do Matay?

About Matilde Ferreira

Um dueto…

… espectacular. Eu adoro estes dois. Ja tive o prazer de os ver ao vivo. Vi Ana Bacalhau duas vezes, a primeira em 2006 na Queima das Fitas, juntamente com os Deolinda e adorei. E a segunda, em 2011, bem próximo da minha casa de Gaia, na Serra do Pilar e vibrei ainda mais. Adorei ver a Ana a rockalhar vestida com uma blusa de couro vermelho. Quanto ao Miguel Araujo tive o privilegio de o ver no espetáculo “Como desenhar Mulheres, Motas e Cavalos” juntamente com Nuno Markl, em meados de 2012. Maravilha! Tenho tantas fotos para recordar esses momentos preciosos.

Mais que uma rosa
Mais que um perfume
Dou-te uma cena de Ciúme
Faço prova aparatosa
Do meu amor por tiDe peito aberto
Cabeça ao lume
Mostro-te as minhas feridas de guerra
Gentileza que o peito descerra
Aceita o meu ciúmeÀ vista de todos por cortesia
Salta-me a tampa
Vou ao teto
Como quem cede um afeto
Em plena luz do diaCiúme que não sai do peito
É espinho que corta a direito
E queima como sal
A ferida onde fermenta todo o malPodes soltar aos quatro ventos
Podes não contar a ninguém
Mas toma conta dos meus tormentos
Como um presente de quem te quer bemGuarda esta birra de menina
Aceita a minha gentileza
Guarda com uma certeza
De haver quem te queira assim

About Matilde Ferreira