Conversas às Quartas com Ana Rita Correia| “Tudo O Que Eu Sempre Quis” Review

 

Foto da minha autoria – livro da Ana Rita Correia “Tudo o que eu sempre quis”

Conhecem aquele sentimento de quando estamos a ler um livro e não queremos termina-lo porque estamos a ter muito carinho pelas personagens? Pois foi mesmo isso que me aconteceu ao ler o livro da Ana Rita Correia. Tudo o que sempre quis é uma lufada de ar fresco que conta a historia de 5 jovens: Salvador, Lucas, Helena, Sara e Martim. O meu personagem preferido é mesmo o primeiro pela sua coragem ao encarar as situações…

A autora: Ana Rita Correia

“Ana Rita Correia nasceu no coração do Ribatejo, Santarém, a 13 de maio de 1993. Aos 14 anos descobriu que a leitura lhe proporcionava um escape para uma dimensão diferente, fazendo-a esquecer o que a rodeava. Fã incondicional de Nicholas Sparks, depressa decidiu que queria contar historias. Queria escrever livros. Dez anos depois os cadernos de capa preta com as pequenas historias que escrevia,  deram lugar a livros impressos. Continua a mesma leitora compulsiva, sobretudo para escapar ao stress do dia-a-dia da sua profissão como designer de interiores e exteriores. ” retirado do livro da Rita “Tudo o que sempre quis”

Imagem da minha autoria

1- Para acompanhar esta conversa… chá de…?

Não sou fã de chá mas opto por qualquer saber fora do normal. Talvez morango ?

2- Bolo ou biscoitos? 

Ambos, é uma escolha difícil ehehe

3- Como surgiu a ideia de escrever este livro?

A ideia surgiu assim do nada, depois de já ter largado um outro livro a meio. Ao início era para ser apenas uma pequena história e nunca pensei que chegasse onde chegou. Dava por mim a querer completá-la um pouco mais a cada página que escrevia. Achava que as personagens tinham muito para contar.

4- Onde foste buscar inspiração?

Inspirei-me nas pessoas que passaram pela minha vida, nas que partiram e nas que ficaram. A história em si é ficção mas as personagens são baseadas em pessoas reais, tal como os locais. Para quem já leu, a Sra Dª Rosário é uma versão de uma senhora nazarena que me é muito querida que eu chamo de avó. A pizzaria onde o Martim trabalha é uma versão melhorada do Mr Pizza da Nazaré. O avô dos irmãos (Salvador, Lucas e Helena) faleceu da mesma forma que o meu avô… A essência da história é ficção, mas tem pequenos pormenores tão meus que só quem me conhece bem dá por eles. As personagens são ficção, mas têm sempre algo em comum com as pessoas que cruzaram a minha vida. De certa forma sinto que este livro os está a homenagear, a imortalizar. Daí ser tão especial para mim, não só por ser o primeiro.

5- Qual ou quais é/são a/s tua/s personagens preferidas?

Adoro todos mas sem dúvida que o Lucas é o meu preferido, apesar de não ter explorado muito a sua história, é uma personagem que nos dá esperança. A mim dá. E faz-me acreditar que tudo é possível.

6- Para quando um próximo livro?

Se tudo correr bem, Abril do próximo ano.

7- Como te imaginas daqui a 10 anos?

Parece clichê mas imagino-me com a minha própria família e uns quantos livros escritos, algumas viagens feitas e feliz pela pessoa que espero vir a tornar-me junto das pessoas que mais amo.

8- O que mais gostas de fazer nos teus tempos livres? 

Para além do óbvio (escrever) adoro ler. Ouvir música, fotografar, pintar, conhecer locais e pessoas novas…

9- O que é ser blogger para ti?

Para mim ser blogger é partilhar um pouco de mim com as pessoas que me acompanham e que por vezes tanto carinho me dão mesmo de tão longe.

10- O que gostarias de dizer aos teus seguidores e leitores? 

Nunca desistam dos vossos sonhos. Pode nem sempre ser fácil – nunca é. – Pode nem sempre se calhar valer a pena mas arrisquem, experimentem, não tenham arrependimentos por não terem tentado. Valem mais arrependerem-se por terem tentado e não ter resultado. Vivam a vossa vida, esqueçam o ruído de fundo e sejam felizes à vossa maneira, a fazer aquilo que mais prazer vos dá. Vivam, sorriam e sejam felizes, todos os dias.

Obrigada, querida Rita por teres aceite o convite para esta agradável conversa 🙂 Desejo-te muito sucesso e jamais deixes de sonhar com historias tão bonitas como esta 🙂

Se ainda não leram o livro da Rita, recomendo que o façam pois é uma leitura leve e ao mesmo tempo intensa que vos fazer fazer ficar a pensar… e se fosse eu? 😉 Aproveitem agora o Natal para oferecer um presente a vocês mesmo, e ja agora a outra pessoa especial 😉

 

About Matilde Ferreira

Desafio Gratidão| Semana 45: O Livro

Imagem da minha autoria – Paginas do livro Somebody To Love – The Life, Death and Legacy of Freddie Mercury

Eu adoro ler 🙂 Desde sempre 🙂 Desde que me conheço como gente. Aprendi a ler com os livros da Anita. Eu andava sempre abraçada a livros. Não tenho um livro preferido. Tenho vários. O livro que mais me marcou foi “Os Filhos da Droga” de Christian F. Pela sua mensagem. Neste momento ando a ler Somebody to Love, a biografia do Freddy Mercury. E quero voltar a ler No One Here Gets Out Alive, a biografia de Jim Morrison. Gosto de ler vários livros ao mesmo tempo, para nao enjoar das historias. Gosto de imaginar vários cenários diferentes. Mas nem sempre fui assim. Em miúda lia livros de rajada. O nível de concentração era muito maior. Agora em adulta temos muito mais coisas em que pensar. E quanto mais velhos ficamos, mais o tempo escasseia para fazer tudo o que queremos… mas eu vou dando sempre um jeito de dar a volta, nem que seja lendo um capitulo por noite que me sinto mais desperta.

Livros é um tema muito frequente aqui no Cantinho, este entre outros posts, passando pela minha autora preferida, Dorothy Koomson. A minha estante ca em casa ja começa a ficar composta e eu sinto-me orgulhosa dela, pois tal como a Belle de  A Bela e o Monstro, eu sinto-me bem rodeada por livros. Sinto-me mesmo bem numa livraria ou numa biblioteca. E o nosso filhote também ja vai pelo mesmo caminho, pois ja tem uma estante bem recheada no quarto dele, e volta e meio vou apanha-lo a inventar historias na língua dele enquanto vira paginas dos seus livros.

Imagem retirada do Facebook

Este desafio foi criado pelo blog The Silver Wing

Qual ou quais é/são o/s vosso/s livro/s preferido/s de sempre? 🙂

About Matilde Ferreira

Geek Mood

Imagem da minha autoria

Aquele momento em que o nosso companheiro de vida ja nos conhece tao bem e chega a casa com presentes fixes 🙂

A Vice Admiral Holdo, contrariando todos as criticas negativas, foi das minhas personagens preferidas do ultimo filme Star Wars, The Last Jedi, muito pela sua forte presença no desenrolar da trama.

Eu adoro fazer construções de legos, desde miúda. Alias quando eu estava doente, a minha mãe trazia-me sempre uma caixinha daquelas mais pequeninas para eu estar entretida enquanto melhorava.

E em relação ao comics de super heróis, estes são influencias dele, eu adorei os filmes do Black Panther e do Infinity War, gostei mesmo muito de conhecer o vilão Thanos, e só vem confirmar a minha opinião sobre os mauzões das historias… mas não quero spoilar 😉

 

Imagem da minha autoria

Quem gosta de receber presentes sem contar? O que mais gostam de receber? 🙂

About Matilde Ferreira

Uma Serie divertida…

… com o alto selo da Amazon 🙂 E que acabou de ganhar 7 Emmys 🙂

Dos criadores da serie Gilmore Girls, mistura drama e comedia e desenrola-se em Nova Iorque nos anos 50.

Miriam Midge Maisel gostaria de levar uma vida comum em Manhattan, mas o seu talento como comediante stand-up transforma sua rotina de dona de casa.

Uma serie descontraída para ver ao final do dia, depois do jantar no aconchego do sofá.

Eu identifiquei-me pois gosto muito stand-up comedy, e gosto de dar umas boas gargalhadas pois é uma das minhas terapias, que saudades que eu tenho do LAF em Leça da Palmeira

Ja conheciam? 😉

 

About Matilde Ferreira