Avengers: Infinity War

E continuamos numa linha de filmes de super-heróis 🙂 Confesso que em miúda sempre preferi super-heróis às princesas, talvez por ter crescido numa casa cheia de rapazes, talvez por ser a única menina na família. Sou fã de super-heróis por causa dos comics dos meus primos mais velhos. Cresci a ver banda desenhada do Superman e do Batman, apesar destes dois serem da DC e este filme que vos trago hoje ser da Marvel.

Homem de Ferro, Thor, Hulk e os Vingadores se unem para combater seu inimigo mais poderoso, o maligno Thanos. Em uma missão para coletar todas as seis pedras infinitas, Thanos planeja usá-las para infligir sua vontade maléfica sobre a realidade.

Na ideia de Thanos ele eliminou metade da vida no Universo a fim de tornar uma realidade melhor… nem que seja apenas aos seus olhos, ele fez isso com o planeta da sua filha adoptiva, Gamora, e  com a Terra.

Os meus super-heróis preferidos deste filme são Doctor Strange (acreditam que ainda nao vi o filme dele?) Thor e o Pantera Negra… ah e o jovem Spiderman 🙂 Por incrivel que pareça nao ligo muito ao Captain America interpretado por Tom Hardy ( o contador de historias preferidos do CBeebies pelas mamis ca do Reino) e da Viuva Negra interpretada pela Scarlet Johansson

A mensagem que tiro deste filme é que: podes ter tudo o que desejas mas ha-de sempre faltar-te alguma coisa.

Sim, também podemos tirar boas mensagens dos filmes dos Super-Heróis tal como das princesas. É tudo uma questão de interpretação.

Fiquei curiosa com o fim do filme… por isso deixo-vos alguns spoilers sobre o que poderá vir a seguir 😉

Ah e claro que Funko Pop do Thanos ja mora ca em casa a pedido do maridão numa ida minha ao supermercado 🙂

Foto da minha autoria – Fundo Pop Thanos

Ja viram este filme? 😉

Ah é verdade hoje estou no cantinho da Teresa Silva para falar um pouco de mim e a contar-vos as minhas ultimas novidades 😉 Passem por lá 🙂 

About Matilde Ferreira

Black Panther

Juro que nao percebo a polemica à volta deste filme… A serio que nao entendo tantas criticas negativas e racistas. Eu voltei atras no tempo e relembrei que este era o um dos super heróis preferidos dos meus primos. Inclusive cheguei a ler comics deles do Pantera Negra. Hehe e não, não estou a falar do Eusebio 😀

Conheça a historia de T’Challa, principe do Reino de Wakanda, que perde o seu pai e viaja para os Estados Unidos, onde tem contacto com os Vingadores. Entre as suas habilidades estão a velocidade, inteligência e sentidos apurados… como uma Pantera Negra

O filme pode não ser perfeito, tem as suas falhas mas caramba a personagem deste super-herói é fora-de-serie. O Pantera Negra é, na minha opinião, dos heróis mais completos e incríveis. A serio que não percebo o que se passa na cabeça das pessoas hoje em dia que so sabe dizer mal de tudo. Acho que se tivessem mais do que fazer nas suas vidas nao implicavam tanto… Digo eu.

Recomendo este filme para quando não souberem o que ver e queiram passar um bom bocado 🙂

Foto da minha autoria – t-shirt comprada na Primark

 

Wakanda Forever!

Gostam de filmes de super-heróis? Qual ou quais são os vossos preferidos? 🙂

 

About Matilde Ferreira

Desafio Gratidão| Semana 35: A Educação

Imagem retirada do Google

Vivemos num mundo em que a educação é uma coisa rara, infelizmente. Mas eu preservo muito a educação que os meus pais me deram. Thank you, excuse me and i’m sorry são palavras que me saem em modo automático. Eu disse em inglês mas tambem as diria em português acaso estivesse em Portugal. Gosto de cumprimentar as pessoas com quem me cruzo com um Bom Dia ou um Hello 🙂

Sabem que, na minha humilde opinião, em muitas países a educação é sobrevalorizada porque nao convém. Porque se as pessoas tiverem educação alargam os seus horizontes, abrem as suas mentes, seja para a politica ou para a religião. E é disso que os terroristas ou gentes do poder têm medo. Eles têm medo que os povos pensem por cabeça própria…

Deixo-vos com uma frase inspiradora de uma jovem que admiro muito, Malala Yousafzai

Imagem retirada do Google

 

Consideram-se pessoas educadas e com Educação? 🙂

About Matilde Ferreira

Um Filme… para ver de novo

A Raiz do Medo, ou no titulo original Primal Fear, que conta com a participação principal de Richard Gere e tem como banda sonora, a musica Canção do Mar, original de Amalia Rodrigues, cantada por Dulce Pontes.

Vi este filme em 2011, um pouco tarde pois este é do ano de 1996. Mas valeu a pena, pois gostei mesmo muito do filme, da sua mensagem e de todo o suspense existente do princípio ao fim dele. Richard Gere representa como um peixe na água.

Em Chicago, a morte de um arcebispo a facadas choca o público, atraindo a atenção da mídia local. Um advogado oportunista em busca de fama se oferece para defender o principal suspeito do crime, um adolescente pobre com problemas mentais.

Uma curiosidade: segundo me lembro de ouvir dizer, a musica foi escolhida pelo próprio Richard Gere que adora fado e tem uma profunda admiração por Dulce Pontes.

Fiquem com o som do filme 😉

Fui bailar no meu batel
Além do mar cruel
E o mar bramindo
Diz que eu fui roubar
A luz sem par
Do teu olhar tão lindo
Vem saber se o mar terá razão
Vem cá ver bailar meu coração
Se eu bailar no meu batel
Nao vou ao mar cruel
E nem lhe digo aonde eu fui cantar
Sorrir, bailar, viver, sonhar contigo
Vem saber se o mar terá razão
Vem cá ver bailar meu coração
Se eu bailar no meu batel
Nao vou ao mar cruel
E nem lhe digo aonde eu fui cantar
Sorrir, bailar, viver, sonhar contigo
Ja viram este filme? Lembram-se desta musica? 🙂

About Matilde Ferreira

Uma musica… de uma diva

Aretha Franklin faleceu esta semana com 76 anos, vitima de cancro. O meu mano Daniel relembrou-me desta diva,  de seu nome Tina Turner ou Anna Mae Bullock  que com 78 nos está aí para as curvas, fazendo ver muitas miúdas de 20 anos. Relembrei com carinho e emoção o filme que retrata a vida dela, o seu percurso e violência domestica que sofreu por parte do marido, Ike. Recomendo que vejam. Eu vi-o quando tinha 18 anos e marcou-me mesmo muito.

Mrs Hot Legs é o verdadeiro exemplo de que o que não nos mata torna-nos mais fortes, uma verdadeira guerreira que eu admiro bastante. Uma Mulher com M grande que passou por muito mas se tornou numa mulher forte e corajosa, e não desistiu.

You must understand though the touch of your hand
Makes my pulse react
That it’s only the thrill of boy meeting girl
Opposites attract
It’s physical
Only logical
You must try to ignore that it means more than that ooo
What’s love got to do, got to do with it
What’s love but a second hand emotion
What’s love got to do, got to do with it
Who needs a heart when a heart can be broken
It may seem to you that I’m acting confused
When you’re close to me
If I tend to look dazed I’ve read it someplace
I’ve got cause to be
There’s a name for it
There’s a phrase that fits
But whatever the reason you do it for me ooo
What’s love got to do, got to do with it
What’s love but a second hand emotion
What’s love got to do, got to do with it
Who needs a heart when a heart can be broken
I’ve been taking on a new direction
But I have to say
I’ve been thinking about my own protection
It scares me to feel this way oh oh oh
What’s love got to do, got to do with it
What’s love but a second hand emotion
What’s love got to do, got to do with it
Who needs a heart when a heart can be broken
What’s love got to do, got to do with it
What’s love but a sweet old fashioned notion
What’s love got to do, got to do with it
Who needs a heart when a heart can be broken
ooh got to do with it
(What’s love but a second hand emotion)
What’s love got to do, got to do with it
Who needs a heart when a heart can be broken
(What’s love got to do with it) got to do with it
(What’s love)
Dedico este post à minha mãe que faz hoje 66 anos e sempre gostou muito desta senhora. 

 

About Matilde Ferreira