Sempre fui…

…bichinho do mato, ou do buraco como diz a minha mãe. Sempre pensei que não fosse conseguir fazer nada na vida, mas consegui. Viver em sociedade não é facil, para quem prefere ficar na sua. Mas consegui. Ja fiz de tudo na vida 🙂 Comecei a namorar aos 18 mas ainda fui muito a tempo de dar cabeçadas da vida. Trabalhei com o publico, coisa que julgava impensável e tive reconhecimento. O meu ultimo emprego foi, como dizem cá, de costume service, passava o dia inteiro ao telefone, trabalho esse estressante e cansativo mas eu ate que gostava do convívio com os clientes e acreditem ou não, ate sinto falta mas tive de parar por uma boa causa 🙂

A minha antiga escola da Primaria (imagem retirada do Google Maps)

Apesar de ter dormido na minha cama de grades ate quase aos 5 anos, aos 6 ja ia sozinha para a escola, bastou apenas uma vez a minha mãe levar-me a escola. Incrível não? E dizia eu que era muito medricas.

E aos 9 anos, aos fins de semana a caminho da catequese,  ja fazia este percurso a pe, sozinha e ao anoitecer: 

Conseguem esta rua à noite aos olhos de uma criança, com os colegas a dizerem que aqui existiam bruxas?…

Por vezes sinto-me assim como esta musica descreve…

I don’t take coffee, I take tea, my dear
I like my toast done on one side
And you can hear it in my accent when I talk
I’m an Englishman in New York
See me walking down Fifth Avenue
A walking cane here at my side
I take it everywhere I walk
I’m an Englishman in New York
Oh, I’m an alien, I’m a legal alien
I’m an Englishman in New York
Oh, I’m an alien, I’m a legal alien
I’m an Englishman in New York…

E voces também se sentem deslocados ou nem por isso?

About Matilde Ferreira

A casa dos meus avós…

Tenho pensado muito nos melhores momentos da minha infância, e constatei que as melhores lembranças que eu tenho é da casa dos meus avós. Tenho mesmo muita pena que os meus pais na altura não tenham podido ficar com ela mas isso são contas do outro rosário…tenho tantas boas recordações daquela casa: de correr atras das galinhas e dos pintainhos, do banquinho de madeira feito pelo meu avô para eu me sentar, o meu mano Bruno também tinha um, de me esconder no canteiro das framboesas e de aparecer com os lábios todos lambuzados pintados de vermelho, do tanque fundo onde tomávamos banho de Verão com supervisão da minha mãe, da laranjeira onde o meu avô ia colocar um baloiço para mim mas acabou por não o poder fazer pois houve uma maluca que deitou lixivia na pobre arvore… 🙁 Infelizmente ha malucos para tudo e essa era do piorio.

Mas o que importam mesmo sao estas boas recordações que eu tenho hehe 🙂

Aqui estou eu com a minha melhor amiga da altura, a Vera e o meu pai 🙂

E o meu querido avô Ilídio na banda recreativa da santa terrinha 🙂

E voces que memorias têm da vossa infância? 😉

About Matilde Ferreira

Geração de valores

Se hoje sou uma pessoa consciente e com bom senso, e graças aos valores que os meus pais me transmitiram e a series como estas. E um dos meus maiores receios era que as coisas piorassem com o Meio Ambiente, e infelizmente passados estes anos todos a humanidade continua a viver como se tivesse outro planeta igual a este 🙁

Acreditam que nao sou capaz de deitar um papel para o chão, nem uma chiclete sequer? E se por acaso acontecer apanho e se não conseguir apanhar fico com uma culpa que tortura por tempos infinitos… Quando vejo lixo no chão fico com vontade de apanhar tudo… fico frustrada por ver que existem mais pessoas a sujar do que a limpar 🙁

Aprendi muito com series com de senhos animados como estas, Captain Planet e Era Uma Vez A Vida. E tambem com a Rua Sesamo, claro. E da minha parte vou fazer com o meu filhote as veja tambem. Que seria daminha geração se não fosse a tv?

 

Gentes da minha geração lembram-se destas series? Gerações seguintes se não conheciam recomendo-vos a pesquisarem no youtube 😉

About Matilde Ferreira

My Childhood Cartoons

Cresci nos anos 80 e 90 a ver estes desenhos animados… e acreditem que tive uma infância muito feliz 🙂 Passava horas em frente a tv a ver esta bonequinha chamada Heidi e sonhava com as suas historias e paisagens lindas.

Esta geração do novo milênio pode ser a geração das tecnologias, mas nós fomos a geração da televisão, da caixa magica. 🙂

1- Heidi 

2- Abelha Maia

Lá num pais cheio de cor…

Lembro-me de andar com o meu mini gravador e microfone pela casa dos meus avós a cantar esta musica 🙂

3- Dartacão

E quem se lembra do Dartacão? Apos que ate as gerações mais recente ouviram falar dele 🙂

Eram uma vez os três
Os famosos moscãoteiros
Do pequeno Dartacão
Tão bons companheiros

Os melhores amigos são
Os três moscãoteiros
Quando em aventuras vão
São sempre os primeiros

Quando eles vão combater
Já não há rival algum
O seu lema é um por todos
E todos por um

O amor de Julieta
É o Dartacão
E ela é a predileta
Do seu coração…

4- Tom Sawyer

Outro icone da nossa infância e adolescência era o Tom Sawyer, o menino de pés descalços que tanto nos divertia 😀

Tu andas sempre descalço, Tom Sawyer
Junto ao rio a passear, Tom Sawyer

Vês passar o barco rumando p’ro sul
Brincando na proa, gostavas de estar
Voa lá no alto, por cima de ti
Um grande falcão, és o rei és feliz

E quando tu vês o Mississipi
Tu saltas pela ponte e voas com a mente
Nuvens de tormenta já estão por aqui
Cobrem todo o céu, por cima de ti

Corre agora corre e te esconderás
Entre aquelas plantas, ou te molharás
E sonharás que és um pirata
Tu sobre uma fragata
Tu sempre á frente de um bom grupo
De raparigas e rapazes

Tu andas sempre descalço, Tom Sawyer
Junto ao rio a passear, Tom Sawyer
Mil amigos deixarás aqui e além
Descobrir o mundo, viver aventuras

Tu andas sempre descalço, Tom Sawyer
Junto ao rio a passear, Tom Sawyer
A aventura de dará o que quiseres
Muitas emoções, eternos amores, se!

Árvores e flores junto de ti
Esse é o teu mundo, somente p’ra ti
Podes percorrê-lo, sempre é assim
Corre e sê livre e sonha feliz

E quando tu vês o Mississipi
Tu saltas pela ponte e voas com a mente
Nuvens de tormenta já estão por aqui
Cobrem todo o céu, por cima de ti

Corre agora corre e te esconderás
Entre aquelas plantas, ou te molharás
E sonharás que és um pirata
Tu sobre uma fragata
Tu sempre á frente de um bom grupo
De raparigas e rapazes

Tu andas sempre descalço, Tom Sawyer
Junto ao rio a passear, Tom Sawyer
Mil amigos deixarás aqui e além
Descobrir o mundo, viver aventuras

Tu andas sempre descalço, Tom Sawyer
Junto ao rio a passear, Tom Sawyer
A aventura de dará o que quiseres
Muitas emoções, eternos amores

Tu andas sempre descalço, Tom Sawyer
Junto ao rio a passear, Tom Sawyer
Mil amigos deixarás aqui e além
Descobrir o mundo, viver aventuras

Tu andas sempre descalço, Tom Sawyer
Junto ao rio a passear, Tom Sawyer
A aventura de dará o que quiseres
Muitas emoções, eternos amores

5- Popeye

Lembro-me de adorar sopa de espinafres por causa do Popeye pois queria ser como ele para não me chamarem Olivia Palito

6- Pantera Cor-de-Rosa

Não vão acreditar mas eu adorava adormecer a cantarolar a musica da Pantera Cor-de-Rosa 🙂

7- Tom & Jerry

E as horas que passamos a ver isto? 😀

8- Coyote & Roadrunner Beep Beep 😀

9- Era Uma Vez… 

E aprendi tanto com estas duas series 🙂

Lá em cima
Há planícies sem fim 
Há estrelas
Que parecem correr
Há o Sol
Dia a dia a nascer 
Nós aqui sem parar
Numa Terra a girar
Lá em cima
Há um céu de cetim…

10- Rua Sesamo

E a Rua Sesamo também nos ensinou tanto 🙂

11- Captain Planet

E esta ensinou-me a valorizar a Mãe Natureza e o nosso Planeta… pena que a maior parte da humanidade não queira saber…

Earth!
Fire!
Wind!
Water!
Heart!

Go planet!

By your powers combined I am Captain Planet!

Captain Planet, he’s our hero,
Gonna take pollution down to zero,
He’s our powers magnified,
And he’s fighting on the planet side

E para finalizar… 😉 😀 The last but not the least 🙂 Bugs Bunny

Fomos tão felizes, não fomos? 😉

 

About Matilde Ferreira

Sabores da minha infancia :)

Este post da Teresa Silva trouxe-me a memoria uma refeição que a minha Mãe fazia muitas vezes quando não sabia o que fazer para o almoço ou jantar, mais para este ultimo e eu adorava. Talvez por ser tão simples.

Batatas cozidas passadas na sertã, com ovo estrelado e salsichas.

 

As vezes o simples, é o que nos sabe melhor. 🙂

E voces, gostam? 😉

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

About Matilde Ferreira