Category Archives: History

45 Anos de Liberdade

Imagem retirada do Google

Ja por aqui falei que o 25 de Abril é das minhas partes preferidas da Historia de Portugal, por todo o seu significado. Se eu tivesse vivido este momento tinha sentido muito orgulho, como a minha mãe sentiu, pelo que ela me conta. Não imagino o que seria viver com medo. Com medo de dizer o que se pensa sem correr o risco de censura e ate mesmo de ser preso. Se hoje estou aqui a escrever no blog é graças a Salgueiro Maia e aos seus militares. É graças a nomes com Otelo Saraiva de Carvalho entre outros. É porque tenho liberdade de expressão para o fazer. Mas sempre com respeito pela opinião dos outros.

Imagem retirada do Google

Do 25 de Abril só lamento a falta de organização politica e a sede de poder dos principais políticos intervenientes… Tenho pena que desde então o poder tenha ficado sempre nas Maos dos mesmos que levaram o país a um mar de corrupção que quase o levou à bancarrota. Tenho pena que a maioria dos jovens não saiba dar o valor ao que o 25 de Abril nos deu…

Ja viram o filme Capitães de Abril? Esta é a minha cena preferida. Somos Portugueses, nao precisamos de derramar sangue quando sabemos usar do dialogo e do bom senso.

Fiquem com o celebre debate entre Soares e Cunhal que durou 3 horas e 40 minutos…e foi assim que tudo começou nos meandros da politica portuguesa do pós-25 de Abril. Quem se lembra do celebre “olhe que não, olhe que não” do líder do PCP?

Deixo-vos com as musicas que serviram de palavra-passe para o arranque da Revolução dos Cravos: E Depois do Adeus e Grandola Vila Morena

Viva Portugal! Viva a Liberdade! Viva o 25 de Abril!

About Matilde Ferreira

Notre Dame…

Imagem retirada do Google

Estive em Paris há 25 anos. Vi esta obra-prima por fora, dentro de um bateau-mouche. Fiquei maravilhada e não foi para menos. Notre-Dame foi construída no século XII em estilo gótico. Um dos meus estilos arquitetônicos preferidos. Os seus vitrais são únicos e cheios de Historia e magia. Notre-Dame inspirou Victor Hugo na criação do seu Corcunda.

Notre-Dame sobreviveu a duas grandes guerras. Sabiam que os seus vitrais foram retirados e enterrados para não serem destruídos durante a guerra? Sabiam que os mesmos vitrais foram por alquimistas sob o conceito de cromoterapia. Os vidraceiros nao podiam apesar a receita das cores por escrito, como era passado por palavra, esse segredo foi perdido no tempo!

Image retirada do Google
Imagem retirada do Google

Porque deixaram arder Notre-Dame?

Imagem retirada do Google – manha de 16 de Abril de 2019 – rescaldo do incêndio de Notre Dame
Notre Dame em 1994 – imagem da minha autoria

About Matilde Ferreira

Façam a vénia!

Escrevo este post enquanto vejo a serie The Crown que falarei dela mais tarde aqui no blog.

Hoje trago-vos a nossa mais recente aquisição do mundo dos Funko Pops.

Se no tempos das nossas avos tínhamos de nos benzer sempre que passávamos a um cristo dentro ou fora de casa, agora ca em casa sempre que vamos ao quarto temos de fazer a vênia a sua majestade hehe 😀

Confesso que aprendi a gostar da Rainha Isabel II pouco antes de vir morar para o Reino Unido. Não é que não gostasse antes, mas sempre achei uma personagem fria e austera. Mas agora percebo porquê. Apesar de sempre ter tido uma vida privilegiada, não deve ter sido fácil assumir o trono do pai assim tao de repente. Hoje é das personalidades que eu mais admiro, quanto mais não seja por ter sido motorista de ambulâncias durante a segunda Grande Guerra.

Imagem da minha autoria

Uma curiosidade: sabiam que os cães preferidos da Rainha Isabel II, desde a sua infância, eram da raça Corgi, e o ultimo morreu no ano passado?

Imagem retirada do Google

Imagem retirada do Google

A propósito quero muito ver este filme 🙂

Long live to the Queen!

Há por aqui fãs da familia real inglesa?

About Matilde Ferreira

3 Mulheres

Imagens retiradas da internet

3 grandes mulheres que muito contribuíram para a igualdade de gênero e para a Liberdade de expressão no nosso pais. Natalia Correia, Vera Lagoa (pseudônimo de Maria Armanda Falcão) e Snu Abecassis. Estou fascinada com as historias destas 3 mulheres que tanto deram ao nosso país. Era muito pequena quando soube da morte da Snu. 40 anos. Tão nova. Tenho apenas quase mais 2 anos do que ela. A historia dela e de Sá Carneiro foi tao bonita. A propósito quero muito ver o filme sobre os dois. Ela conseguiu divorciar-se mas infelizmente ele não. Mas nem assim o Amor deles esmoreceu. Snu podia aparentar ser uma mulher frágil mas o que mais admiro nela, é que por detrás dessa fragilidade aparente, ela demonstrava uma determinação muito forte.

De Natalia Correia recordo a presença forte, quando a via na tv em miúda, e lembro de ouvir o meu pai dizer que nao gostava dela… agora pensado bem era o irmão dele, o meu tio-padrinho, retornado de Angola.

Quanto a Vera Lagoa, só me recordo que o jornal Diabo era proibido, pôs 25 de Abril, nos anos 80, la em casa com muita pena minha pois quando ia ao quiosque da terra ficava sempre com curiosidade de o ler…

Maria João Bastos, Soraia Chaves e Victoria Guerra, nos papeis de Maria Augusta Falcão, Natalia Correia e Snu Abecassis, respectivamente, sao as actrizes que interpretam estas extraordinárias 3 Mulheres.

3 mulheres com as quais me identifico pois tambem gosto de dar a minha opiniao de forma liberal e democrática. Gosto de escrever sem lápis azul e sem censuras. E adoro ler. Não me imagino numa época em que não pudesse escolher as minhas leituras tal com a minha mãe que guardava religiosamente livros dito ‘proibidos’ debaixo do colchão. Que alivio que ela sentiu quando o 25 de Abril aconteceu. Quantas vezes a ouvi argumentar com o meu pai que não tinha saudades nenhumas do tempo do Salazar.

“3 Mulheres” é uma série de ficção que, a partir das biografias e da intervenção cultural e cívica da poetisa Natália Correia, da editora Snu Abecassis e da jornalista Vera Lagoa (pseudónimo de Maria Armanda Falcão), recorda os últimos anos do Estado Novo – 1961 e 1973 – do início da Guerra colonial à véspera da Revolução de Abril. A ação e os percursos cruzados de mulheres como Snu, Natália e Maria Armanda, são um exemplo de coragem e compromisso com os tempos futuros.

Natália Correia foi uma irreverente escritora que esteve envolvida em grandes polémicas. Exemplo disso foi o lançamento da obra “Antologia Erótica e Satírica”, que a levou a ser condenada pela justiça. Maria Armanda Falcão foi a primeira locutora da RTP, jornalista, cronista e, mais tarde, enveredou pelo ramo empresário. Snu Abecassis era considerada uma princesa nórdica pela sua beleza e sempre defendeu que as pessoas deveriam ter a oportunidade de aprendizagem.

Podem ver esta serie na RTP1.

Ja conheciam?

About Matilde Ferreira

Gianni Versace

Trabalhei com roupas deste famoso estilista no meu primeiro emprego no ano anterior ao da sua morte. E logo fiquei fascinada com o seu vestuário e acessórios. Acabei de ver o filme documentário que retrata a sua morte e o seu assassino, um serial-killer a sangue frio que percorreu a America inteira com a obsessão de matar o estilista. Versace morreu um mês e meio antes da Princesa Diana e o mundo ficou em choque. 1997 foi um ano horrendus. Foi também o ano em que perdi a minha madrinha para a leucemia.

Sempre foi dos meus estilistas preferidos, ainda tenho, em Portugal,  duas pecitas de roupa básica dele 🙂 Adoro a medusa 🙂 Gosto muito do perfume The Dreamer que ja vos falei aqui.

O filme documentário conta  as participações especiais de Penelope Cruz no papel da irmã do estilista, Donatella Versace e de Ricky Martin no de namorado do estilista.

Fiquei desiludida com o final do filme pois estava tão ansiosa para ver retratado o fim do rapaz e eis que resolvem terminar de outra forma… :'(

Deixo-vos com a historia deste “monstro” retirada da Wikipedia:

Antes dos assassinatos, Cunanan era um garoto de programa bem-educado e inteligente que atendia ricos clientes do sexo masculino ele também esteve envolvido em pequenos furtos e tráfico de drogas. O primeiro assassinato conhecido foi o de seu amigo Jeffrey Trail, um ex-oficial naval da Marinha dos Estados Unidos, ex-vendedor de propano e gerente de empresas, possivelmente um ex-amante, em 25 de abril de 1997, em Minneapolis. A próxima vítima foi o arquiteto David Madson, que foi encontrado na costa leste de Rush City perto do Lake Rush, Minnesota, em 29 de abril de 1997, com ferimentos de bala na cabeça, Madson era um ex-namorado de Cunanan. A polícia encontrou uma conexão, porque o corpo de Trail foi encontrado no sótão de um apartamento que pertencia a Madson em Minneapolis. Imprevisível, Cunanan foi a Chicago, onde matou o milionário Lee Miglin, de 72 anos, poucos dias depois. Miglin teve seu rosto embrulhado com fita adesiva. Depois, foi golpeado com tesouras e teve sua garganta cortada com uma serra de jardinagem. Trata-se de um crime sádico visando à excitação sexual, motivo clássico dos assassinos em série. Cinco dias depois, Cunanan, que pegou o carro Miglin, encontrou a quarta vítima em Pennsville, Nova Jersey, no ponto do Finn’s National Cemetery, matando o coveiro William Reese de 45 anos em 9 de maio de 1997. Após este assassinato, houve o primeiro contato de uma testemunha, o que fez o FBI o acrescentar na sua lista dos dez mais procurados. O matador fugiu com o caminhão de Reese e seguiu para Nova York. De lá ele se escondeu em Miami Beach, Flórida, por dois meses até seu próximo assassinato. Ele usou até mesmo seu próprio nome para penhorar um item roubado, mesmo sabendo que a polícia rotineiramente verifica registros de casas de penhores sobre mercadorias roubadas. Finalmente, Cunanan assassinou o famoso estilista italiano Gianni Versace que vestia algumas das pessoas mais famosas do mundo, como a princesa Diana e a popstar Madonna, em 15 de julho de 1997 em um dos mais famosos assassinatos do século XX. Versace foi assassinado em plena luz do dia, na frente de sua casa, naquilo que parece ter sido um assassinato planejado cuidadosamente. O estilista italiano Gianni Versace, de 50 anos, foi atingido com dois tiros fatais na nuca à queima-roupa na porta de sua mansão em South Beach. Versace, natural de Reggio Calabria (sul da Itália), foi baleado quando voltava para casa depois de ter comprado o jornal e tomado café no famoso News Café, que fica a uns 500 metros de sua casa. Há quem diga que Cunanan assassinou o estilista italiano porque representava o homem famoso, rico e popular que ele gostaria de ser. Mas o mistério continua. Ninguém sabe ao certo as razões que o levaram a matar Gianni Versace. Oito dias após o assassinato de Versace, em 23 de julho de 1997, a policia montou um cerco que durou mais de quatro horas à uma luxuosa mansão ancorada num canal em Miami Beach. Sob o olhar de mais de 100 policiais, entre eles equipes da SWAT com escudos e armamento pesado, agentes do FBI tentaram sem sucesso, com megafones, iniciar negociações com Andrew Cunanan só depois de uma saraivada de bombas de gás lacrimogêneo, a polícia se atreveu a invadir o lugar. Cunanan foi encontrado esticado numa cama, ele matou-se com um tiro na boca no quarto andar, onde estava escondido. Ele foi alvo de “uma das maiores caçadas humanas da história”, segundo disse em Washington a procuradora-geral, Janet Reno. A arma usada por Cunanan nos assassinatos e mesmo no seu suicídio foi uma pistola semi-automática Taurus PT 100, calibre .40 S&W que pertenceu a Jeff Trail. Na época dos crimes, havia muita especulação da imprensa e do público que os motivos de Cunanan eram que ele tinha sido diagnosticado com HIV positivo, no entanto, uma autópsia revelou que ele não possuía o vírus. A polícia vasculhou a casa flutuante onde Cunanan morreu a fim de encontrar as causas de sua matança. No entanto, Cunanan deixou para trás poucos pertences pessoais, os investigadores se surpreenderam, dada a sua reputação de aquisição de dinheiro e posses caras vindas de homens ricos mais velhos. A polícia não considerou nada muito importante para ser registrado, exceto muitos tubos de creme de hidrocortisona e uma coleção bastante extensa de livros de C. S. Lewis.

Como é que possível existirem pessoas como este rapaz? Ele vivia numa realidade à parte… O objetivo dele era ser o Gianni Versace e para isso tinha como obsessão matá-lo.  Eu só me pergunto, onde estão os pais desta gente? 🙁 Como é possível criarem estes monstros?…

 

About Matilde Ferreira