Category Archives: Health

Esperança

Hoje é o dia

Esta semana vi um comentário no Facebook que me deixou chocada, passo a citar:

Prefiro morrer a tomar a vacina.”

Será que as pessoas que dizem estas coisas, fazem-no de forma consciente? Não terão mesmo medo de morrer? Será que quando também atravessam a rua sem olhar para que sejam atropeladas por um carro?… Não respondi a essa pessoa mas respondo aqui. Eu prefiro tomar a vacina para continuar a viver e proteger todos à minha volta. Porque eu acredito na ciência. Até agora esta não me deixou ficar mal e ajudou-me a concretizar o meu sonho. 🙂 A Vida é o nosso Bem mais precioso.

Por mim, estou disposta a tomar esta vacina de forma periódica. Se for para o bem de todos, que assim seja. Ja tomo vacinas desde que nasci e nao tenho medo delas, muito pelo contrario. As vacinas não provocam mortes, ajudam a prevenir e a combater as doenças.

Enquanto as pessoas continuarem a ser egoístas e umbiguistas, não vamos conseguir vencer esta pandemia e vamos andar sempre em confinamento. 🙁

Trago-vos este pensamento porque hoje é o dia. Quando estiverem a ler este post, eu ja devo estar na sala de operações adormecida pela anestesia e nas mãos do medico que vos falei aqui.

Ai de mim se eu não confiasse na ciência, que ate agora não me deu motivos nenhuns para não o fazer 🙂 Ai de mim se eu não tivesse fé em quem faz tudo para salvar vidas. Obviamente que tenho os meus receios mas também sei que se não formos nós a controlar os nossos medos, eles acabam por levar a melhor. É nos nossos medos que encontramos a nossa coragem, como ja vos disse aqui.

Estou mesmo muito confiante e sabem porquê? Porque me vou ver livre deste 3 fibróides que me provocam dores muito desconfortáveis 🙂 E mal posso esperar para vos contar como correu a operação 🙂 Estejam atentos às minhas redes sociais 🙂 Depois disso segue-se uma recuperação de mais ou menos 6 semanas mas estou preparadíssima 🙂

Eu tenho de fazer isto acima de tudo por mim e pela minha família 🙂

Torçam por mim 😉

About Matilde Ferreira

Herói Sem Capa

Imagem retirada do site do Dr Chilcott

Dr Ian Chilcott. É um medico ginecologista e obstetra muito conceituado cá em Londres. daqui a uma semana, mais precisamente no dia 2 de Dezembro (torçam por mim), dia do aniversario do meu irmão Bruno, vou voltar a estar nas mãos deste medico, como há quase 3 anos atras, em Fevereiro de 2008, pois foi ele que fez a minha segunda laparoscopia para remover um cisto de quase 10 mm do meu ovário esquerdo.

Desta vez irei ser submetida a uma histerectomia para remover o meu sistema reprodutor todo, uma vez que tenho 3 fibroides grandes no meu útero que me provocam muitas dores, e segundo o Dr Chilcott faz com que eu pareça ter uma barriga de quase 4 meses de gravidez… isto dependendo das alturas dos meses, pois as vezes parece que vou ter rebentar a criança… 🙁 Para vocês terem uma ideia da situação, ele agora ja não precisa de ecografia pois através do toque consegue sentir os ditos cujos.

Estou confiante. E acima de tudo bem informada. Tenho a sorte de so ter conhecimento de casos com sucesso. Uma amiga da mãe do melhor amigo do Louis, foi operada ha 2 meses e esta a recuperar bem. A irma de uma senhora muito minha amiga tambem fez uma histerectomia mais ou menos com a minha idade e ficou livre de problemas de saude. E por ultimo, uma senhora daqui da zona por quem eu tenho muita estima e que é uma grande inspiração para mim (ela trabalha para o Council daqui da zona e dá aconselhamento a vitimas de VD) também fez esta operação mais ou menos da minha idade também e recomenda, dizendo que recuperou muito bem, inclusive está farta de me dar conselhos para a pós-recuperaçao. Tem mais de 70 anos e nunca sofreu de menopausa depois de fazer a operação.

Como disse estou confiante mas também estou receosa. Acho que é normal, na minha situação. Tenho receio que os fibroides rebentem a meio da noite… logo agora que estou tao perto de me ver livre deles. Digo isto porque as dores estão cada vez piores e a minha barriga está cada vez mais inchada… e eu estou mesmo farta desta situação 🙁 Não é bom para mim nem para a minha familia. Caramba, acho que ja chega… não concordam?

Em 2008 , o meu medico de familia na altura, depois de ver que eu tinha um fibroide de 5mm no útero disse-me que a única solução era remover o sistema reprodutor… isso não se diz a alguém que quer ser mãe, pois não? Foi preciso mais de uma década para lutar pelo meu sonho. Consegui e nao me arrependo de nada, mesmo que isso tenha feito com que a minha saúde tenha piorado. Mas valeu muito a pena. Gostava muito de dizer isso a esse medico, o Dr Costa Ramos, que pelos vistos ainda exerce hoje em dia. Se eu tivesse seguido o conselho dele… o Louis hoje não existia… e que foi preciso emigrar para o conseguir ter. Lamentável, não acham?

O mais incrível é que este fibroide me tem acompanhado ao longo desta década e me tem causado muitos transtornos, tais como prisão de ventre e idas constantes ao wc, e ainda fez mais dois amigos… 🙁 Só mesmo durante a gravidez do Louis, o fibroide me deu descanso, se calhar teve medo do nosso pequeno guerreiro 🙂

Tem sido uma luta constante, que espero finalmente termine com esta ultima batalha 🙂

Vale a pena lutar pelos vossos sonhos, jamais desistam deles mesmo quando estiverem a perder as esperanças, a Vida mostra-vos a luz ao fundo do túnel 🙂

O Nosso Sonho

About Matilde Ferreira

O Meu Ultimo Periodo…

…26 anos depois do primeiro.

Finalmente. Acho que nenhuma mulher gosta de ter o período. A minha mãe sofria muito com o dela. Aliás foi com ela que aprendi a usar toalhas para poupar nos pensos higiênicos. No meio de tanto azar acho que tive sorte do período só me ter vindo aos 18 anos. E tive de tomar a pílula para o fazer descer. Se calhar foi este o único de todos os meus problemas de saúde… tomar a pílula ao longo de mais de uma década não fez nada be ao meu organismo. 🙁 Confesso que só gostava que ele tivesse vindo mais cedo para o usar como desculpa para não fazer Educação Física. As minhas colegas diziam que eu era uma sortuda mas eu nao lhe chamaria sorte. O meu sistema reprodutor só me tem dado maleitas e a única coisa boa para a qual ele serviu foi mesmo o Louis. 🙂

Como podem ver nas imagens acima, tiradas da app que me tem acompanhado nestes últimos 10 anos, Lady Timer, o meu ultimo período, foi esta semana e ja está a terminar, felizmente deixando muitas sequelas. Ao longo destes 20 anos o que me tem valido é o bendito paracetamol, uma vez que não posso tomar ibuprofeno por causa do meu estômago. A minha sorte é que o paracetamol aqui se vende em toda a parte super baratinho.

Serei operada (no proximo dia 2 de Dezembro) quando estiver no meu período fértil se ele acontecesse… O mais incrível é que sempre foi muito difícil para mim detectar o meu período fértil daí ter sido necessário recorrer à FIV para engravidar. Eu perdi a conta à quantidade de testes de gravidez e de períodos férteis nos dois primeiros anos, 2013 e 2014, que fiz cá em Londres. A minha sorte é que estes testes são acessíveis e podem ser adquiridos em qualquer lado aqui por estas bandas. Mas acreditem que mexeu muito com a minha sanidade mental. 🙁 O mais importante é que eu não desisti do meu sonho e isto tudo está a valer a pena para vê-lo crescer saudável e feliz 🙂

Deixo-vos com dois documentários sobre o tema, que valem muito a pena serem vistos., sem estigmas e sem tabus.

Menopausa… estou pronta!

E vocês, como lidam com o vosso Período?

About Matilde Ferreira

Inspira, Expira

Para hoje… deixem-se levar ao sabor da maré 🙂

Para mim esta é a melhor terapia que existe, e para vocês? 😉

Este é meu estado de espirito, a um mês de fazer uma operação de alto risco. Estou confiante mas receosa, acho que é normal este misto de sentimentos… Valem-me os abraços dos meu dois amores. Os miminhos deles são a minha fonte de inspiração e onde eu vou buscar forças para acreditar e seguir em frente. 🙂 Daqui a um mes eu vou estar em boas mãos que me vão ajudar a livrar-me destas dores e finalmente vou reconquistar a minha qualidade e Vida. 🙂

Desejo-vos um Feliz e Doce Novembro 🙂 Já cheira a Natal... 😉

About Matilde Ferreira

Em contagem decrescente…

Ate ao final do ano vou passar os meus dias nos hospitais. Onde é que eu ja vi isto? Desde que cheguei ao Reino Unido que não tenho feito outra coisa, espero que esta seja a ultima batalha desta luta que ja dura ha 20 anos.

Até ao final estou a aguardar duas operações. No passado dia 17 tive consulta no hospital onde me ofereceram uma operação para remover o caroço que tenho na cabeça e que me dói bastante ao pentear. É hormonal e genético, uma vez que tanto o meu pai como o meu irmão do meio também tiveram de remover a mesma coisa.

E no próximo dia 13 de Outubro terei a tao esperada consulta com o medico ginecologista cirurgião para saber os resultados da ressonância magnética e marcar, finalmente, a histerectomia.

Let the games begin again…

E hoje termina Setembro, o mês azul turquesa de Consciencialização para a SOP – Síndrome de Ovários Policísticos. Doença que me foi diagnosticada ha 26 anos e que ja vos tenho falado muito por aqui. Para alem da SOP, como vocês sabem também tenho endometriose, que me foi diagnosticada também a seguir ao parto do Louis… quem e dera ter tirado tudo quando o tive 🙁

Enquanto vos escrevo a minha barriga esta inchada e dilatada, depois de ter passado a noite cheia de dores… se eu sair desta nem vou acreditar. Às vezes penso como é que consigo aguentar isto. Parece que sou imune à dor… Aguento ate não poder mais… Digo para mim mesma que ja faltou, à terceira vai ser de vez e julgo que seja isso me vai ajudando a manter a esperança. Isso e o Louis, claro 🙂 O sorriso e os abraços dele sao a minha conta de energias 🙂 Obrigada, filhote, a mami ama-te muito  ♥ 

Ja não somos 1 em 10, somos cada vez mais a sofrer destas doenças femininas por isso é que nunca é demais alertar. Ja fizeram o vosso Papa Nicolau?

About Matilde Ferreira