Category Archives: Documentario

Seres humanos assim…

…metem-me nojo. depois do documentário Leaving Neverland que vos falei aqui, noutro dia comecei a ver por sugestão do Dailymotion o documentário R Kelly: Sex, Girls & Videoclips  e fiquei repugnada. Como é que é possível alguém pode ser assim, fazer estas coisas e ainda se declarar inocente? Em que realidade é que esta gente vive? Aproveita-se da ingenuidade de miúdas menores de idade que estão completamente deslumbradas com o mundo da fama e pensam que é tudo fácil nesta vida. Mas enganem-se que não é bem assim. Temos de lutar muito para concretizar os nossos sonhos. Ninguém dá nada a ninguém de mão beijada e nada cai do céu… nao se deixem levar por estes trastes 🙁

E parece que ha outro documentario, Surviving R Kelly, onde as vitimas dão o seu testemunho…

Acreditam que agora nao consigo ouvir a musica I Believe I Can Fly que tanto gostava ha 20 anos atras?

Ate quando estes homens vai continuar a assediar e a abusar das mulheres como se fossem todo-poderosos? 🙁

About Matilde Ferreira

Leaving Neverland…

Idolo? Deus? …

Vi o documentário em choque. Apesar de ja saber o que me esperava. Em miuda fazia perfomances com as musicas do MJ em frente ao espelho do quarto dos meus pais… Tal como o puto australiano. lembro-me bem de admirar o puto do anuncio da Pepsi. Mal sabia eu que eles iam ser abusados sexualmente pelo cantor. Digam o que disserem mas eu acredito neles. Demora o seu tempo a “deitar ca fora”. Principalmente vindo de uma pessoa q se fazia passar por boazinha. Incrível não? Como o ser humano é capaz de ser tao manipulador …

Sabem porque é que eu acredito nestes dois homens? Porque não e fácil exteriorizar. Não é fácil deitar ca para fora. Precisamos de atingir a idade adulta e amadurecer para ligarmos a ficha. Quem nunca passou por coisas semelhantes que não atire pedras, pois não sabe do que esta falar… Nestes casos o dinheiro foi o melhor aliado deste abusador. É tao fácil aliciar uma criança… 🙁

Tenho muita pena do primeiro miúdo que o denunciou. Que coragem. Graças ao pai dele que estava atento (apesar das mas línguas dizerem que o homem so queria dinheiro… enfim) Tenho pena que ele hoje tenha de viver escondido porque as pessoas são horríveis. Ja não lhe bastou ter sido abusado sexualmente, ainda por cima ninguém acreditou nele. Imaginam a vergonha?…

MJ manchou a musica. Não importa o trabalho que fez, como ser humano, se e que se pode chama-lo de humano, foi uma nódoa. Não consigo imaginar. Estas famílias confiaram-lhe os filhos… não o deviam ter feito pois não o conheciam de lado nenhum mas caramba, era o Michael Jackson… Deixei de ouvir as musicas dele quando atingi a idade adulta. Hoje não consigo ouvi-las como com Queen que não me canso de o fazer pois inspira-me tanto.

Ninguém tem culpa de MJ não ter infância mas daí a tirar a infância de outras crianças? Com que direito? So um lunático cria um sitio chamado Neverland para atrair crianças… Qualquer pessoa com bom senso vê que algo não bate certo…

Fico contente por uma coisa, estes 2 homens, podem ter demorado a assumir a triste realidade do seu passado mas conseguiram seguir em frente e formar famílias que os apoiaram incondicionalmente. Ainda bem que não se perderam na vida… a única coisa boa que o MJ fez foi ajuda-los nas suas carreiras mas também acredito que se não fosse ele, eles teriam tido sucesso as suas custas sem terem sido abusados sexualmente.

E não, não acredito que eles queiram dinheiro, apesar de estarem no direito deles, eles apenas querem “deitar ca para fora” este peso enorme e seguir em frente com as suas vidas.

Podem ver aqui o documentário completo


About Matilde Ferreira

Das coisas geniais…

…que se fazem para acalmar as crianças 🙂

Quando o Lu esta mais irrequieto na hora de ir dormir, coloco este video de 60 minutos e é tiro e queda… São raras as vezes em que ele o vê todo.

Deixem-se ficar com este video do alto patrocínio da BBC.

Ate eu fico relaxada e com vontade de ir dormir 🙂

About Matilde Ferreira

3 Mulheres

Imagens retiradas da internet

3 grandes mulheres que muito contribuíram para a igualdade de gênero e para a Liberdade de expressão no nosso pais. Natalia Correia, Vera Lagoa (pseudônimo de Maria Armanda Falcão) e Snu Abecassis. Estou fascinada com as historias destas 3 mulheres que tanto deram ao nosso país. Era muito pequena quando soube da morte da Snu. 40 anos. Tão nova. Tenho apenas quase mais 2 anos do que ela. A historia dela e de Sá Carneiro foi tao bonita. A propósito quero muito ver o filme sobre os dois. Ela conseguiu divorciar-se mas infelizmente ele não. Mas nem assim o Amor deles esmoreceu. Snu podia aparentar ser uma mulher frágil mas o que mais admiro nela, é que por detrás dessa fragilidade aparente, ela demonstrava uma determinação muito forte.

De Natalia Correia recordo a presença forte, quando a via na tv em miúda, e lembro de ouvir o meu pai dizer que nao gostava dela… agora pensado bem era o irmão dele, o meu tio-padrinho, retornado de Angola.

Quanto a Vera Lagoa, só me recordo que o jornal Diabo era proibido, pôs 25 de Abril, nos anos 80, la em casa com muita pena minha pois quando ia ao quiosque da terra ficava sempre com curiosidade de o ler…

Maria João Bastos, Soraia Chaves e Victoria Guerra, nos papeis de Maria Augusta Falcão, Natalia Correia e Snu Abecassis, respectivamente, sao as actrizes que interpretam estas extraordinárias 3 Mulheres.

3 mulheres com as quais me identifico pois tambem gosto de dar a minha opiniao de forma liberal e democrática. Gosto de escrever sem lápis azul e sem censuras. E adoro ler. Não me imagino numa época em que não pudesse escolher as minhas leituras tal com a minha mãe que guardava religiosamente livros dito ‘proibidos’ debaixo do colchão. Que alivio que ela sentiu quando o 25 de Abril aconteceu. Quantas vezes a ouvi argumentar com o meu pai que não tinha saudades nenhumas do tempo do Salazar.

“3 Mulheres” é uma série de ficção que, a partir das biografias e da intervenção cultural e cívica da poetisa Natália Correia, da editora Snu Abecassis e da jornalista Vera Lagoa (pseudónimo de Maria Armanda Falcão), recorda os últimos anos do Estado Novo – 1961 e 1973 – do início da Guerra colonial à véspera da Revolução de Abril. A ação e os percursos cruzados de mulheres como Snu, Natália e Maria Armanda, são um exemplo de coragem e compromisso com os tempos futuros.

Natália Correia foi uma irreverente escritora que esteve envolvida em grandes polémicas. Exemplo disso foi o lançamento da obra “Antologia Erótica e Satírica”, que a levou a ser condenada pela justiça. Maria Armanda Falcão foi a primeira locutora da RTP, jornalista, cronista e, mais tarde, enveredou pelo ramo empresário. Snu Abecassis era considerada uma princesa nórdica pela sua beleza e sempre defendeu que as pessoas deveriam ter a oportunidade de aprendizagem.

Podem ver esta serie na RTP1.

Ja conheciam?

About Matilde Ferreira

D.I.E.T.A.

Este post da Teresa deixou-me a pensar, pois tal como ela também eu tenho um ovario deficitário devido à minha doença, como ja tenho falado por aqui. Eu tenho um ovário doente, o direito, enquanto o esquerdo está muito subido foi por essa razão que tive de fazer tratamentos de fertilidade, uma vez que por vias naturais era muito difícil mesmo… Também sofri muito co pílulas. Hoje não tomo nenhuma, tenho aparelho e aguardo que o meu organismos se adapte a ele… Às vezes tenho vontade de tirar o sistema reprodutor mas nem todas somos Angelinas Jolie… Se o temos é para regularizar as nossas hormonal e a nossa saude mental feminina. Cabe-nos a nos saber ouvir e controlar o nosso organismo. Eu consegui, como uma alimentação equilibrada e exercício fisico moderado.

D- deve

I- incluir

E- equilibradamente

T- todos os 

A- alimentos

Fiquem com este programa que ando a ver no Youtube que me levou a constatar o que ja penso ha muito tempo: o meio termo e o equilíbrio são definitivamente a melhor escolha.

Sabiam que nos EUA ja se fazem caixões XXXL e ja ha pessoas a morrerem aos 45 anos por complicações ligadas à obesidade? Aqui no Reino Unido estão a ir pelo mesmo caminho… A situação é muito preocupante. 🙁

E voces, fazem uma alimentação equilibrada ou nem por isso?

 

About Matilde Ferreira