Category Archives: Reviews

Maleficient – Mistress of Evil

“Humans are hilarious.”

E se as más da fita das historias de encantar não forem assim tao más? E se a maldade está onde menos esperamos e a má da fita pode mesmo ser a heroína da historia.

Este filme marca o regresso de Angelina Jolie que está fantástica, assim como a má da fita, Queen Ingris, interpretada por Michelle Pfeifer.

Gostamos muito da volta que os guionistas e argumentastes deram à historia da Bela Adormecida, e introduzirem a Fenix Renascida foi mesmo um golpe de mestre.

Um filme com uma mensagem muito actual sobre o mal que o ser humano pode fazer à Natureza com as suas guerras e conflitos.

Governar humanos é um pouco mais complicado do que andar descalço com flores no cabelo ”- Rainha Ingrith

Pergunto-me qual será o proximo “conto de fadas” que a Disney irá transformar 🙂 Se seguirem as historias dos Irmãos Grimm à letra têm muito com que se entreterem. Eu gostava muito de ver a sequela da Branca de Neve, pois depois de Once Upon A Time passei a dar mais valor à historia da Rainha Má…

Se ainda não viram este filme, recomendo 😉

Bom domingo!

About Matilde Ferreira

A Cadeira Voadora

Por Joana Pereira da Silva.

Uma historia simples, cativante de leitura fácil e com uma mensagem que adoro: Acredita nos teus sonhos e estes realizam-se. A amizade verdadeira entre um menino e uma menina, em que este vai fazer tudo para a ver feliz.

“Esta é a historia de um menino, um menino comum, que não costuma ter lugar nas historias feitas para meninos como nós.”

“A menina compreendeu que na minha cabeça havia um mundo de perguntas sem resposta, por isso, pediu-me para me sentar e contou como tudo tinha acontecido.”

“-Ariana, vou-te salvar, prometo!”

“No regresso a casa, todos se mostraram preocupados comigo. Deixei de ter apetite, e comecei a correr todos os dias à volta da casa, precisava de estar forte e sentir-me capaz para ter energia todos os dias. Uma semanas depois, a minha mãe preocupada comigo levou-me ao medico, fiz vários exames médicos e depois de receber os resultados, percebi que a minha mãe chorava todos os dias.”

Podem adquirir este livro através do site https://www.mariacorrupio.pt/p/livro-a-cadeira-voadora

About Matilde Ferreira

Blinded By The Light

Descobri este filme sem querer, no Amazon Prime, durante o meu zapping na tv. E ainda bem, porque me diz muito. Cresci a ouvir o The Boss, Bruce Springsteen, por causa dos meus primos mais velhos. E também, porque sei bem o que a personagem principal do filme sentia a entregar o seu ordenado todo em casa, sim, eu fiz isso no inicio deste milênio, como se estivesse ainda nos anos 80, quando se desenrola a trama baseada em factos reais sobre a vida do jornalista Sarfraz Manzoor que no filme tem o nome de Javed Khan que descobre a a inspiração na musica do Boss.

Blinded by the Light é um filme de drama e comédia britânico de 2019 dirigido por Gurinder Chadha. Foi inspirado na vida do jornalista Sarfraz Manzoor e seu amor pelas obras de Bruce Springsteen. [5] [6] [7] Manzoor co-escreveu o roteiro, [8] com Chadha e Paul Mayeda Berges. É baseado nas memórias de Manzoor, Greetings from Bury Park: Raça, Religião e Rock N ‘Roll. [9] Situado na cidade de Luton, em 1987, na Inglaterra Thatcherita, o filme conta a história de Javed, um adolescente muçulmano britânico-paquistanês cuja vida mudou depois que ele descobriu a música de Springsteen. Viveik Kalra protagoniza o papel principal, juntamente com Hayley Atwell, Rob Brydon, Kulvinder Ghir e Nell Williams nos papéis de apoio.

Este filme conta também o drama vivido pelas famílias paquistanesas em Inglaterra nos anos 80 que foram vitimas de racismo e xenofobia. E o mais incrivel é que ainda hoje isto acontece… 🙁

Deixo-vos com a minha musica preferida do The Boss:

I get up in the evenin’
And I ain’t got nothin’ to say
I come home in the mornin’
I go to bed feelin’ the same way
I ain’t nothin’ but tired
Man, I’m just tired and bored with myself
Hey there, baby, I could use just a little helpYou can’t start a fire
You can’t start a fire without a spark
This gun’s for hire
Even if we’re just dancin’ in the darkMessages keeps gettin’ clearer
Radio’s on and I’m movin’ ’round my place
I check my look in the mirror
Wanna change my clothes, my hair, my face
Man, I ain’t gettin’ nowhere
I’m just livin’ in a dump like this
There’s somethin’ happenin’ somewhere
Baby, I just know that there isYou can’t start a fire
You can’t start a fire without a spark
This gun’s for hire
Even if we’re just dancin’ in the darkYou sit around…

Um filme com uma mensagem muito forte, jamais deixem de acreditar nos vossos sonhos pois se lutarem por eles, estes acabam por se concretizar 🙂

About Matilde Ferreira

Um filme que recomendo…

E que todos os britânicos tambem deveriam ver para constatarem o quanto foram enganados. Benedict Cumberbatch mais uma vez prova aqui a sua genialidade e versatilidade. Um filme que nos mostra os podres de um Brexit que não tinha necessidade de existir. Aqui esta a prova de quando um povo esta bem mas não sabe o que quer…

Dominic Cummings é o estrategista político que liderou a campanha para a saída do Reino Unido da União Europeia durante o referendo de 2016. Usando novas táticas na era da informação, Cummings e sua campanha conseguiram influenciar o eleitorado de uma forma que não só decidiria o resultado do referendo, mas também futuras eleições ao redor do mundo.

O filme revela tudo. E caricatura muito bem Boris Johnson, Nigel Farage, Michael Gove e o “patrão” da cadeira de pubs Wetherspoons, Tim Martin, um dos principais financiadores do Brexit.

E o reitor da Imperial College Business School de Londres, Francisco Veloso diz tudo aqui no 360o da RTP 3, a partir do minuto 24

Têm acompanhado a saga do Brexit?…

About Matilde Ferreira

BirdBox

Confesso que este filme superou as minhas expectativas. E ja tinha saudades de ver Sandra Bullock no grande ecrã. Vi este filme sem grandes expectativas e confesso que gostei mesmo muito.

Bird Box é um filme thriller pós-apocalíptico americano de 2018, dirigido por Susanne Bier, escrito por Eric Heisserer e baseado no livro homônimo de 2014 de Josh Malerman.

E este video de opinião e este artigo vem de encontro à conclusão que eu tirei da mensagem do filme:

Sim, o filme fala sobre o grande mal deste século: a Depressão. E ando do Apocalipse como como muitas pessoas disseram. Talvez esteja tudo interligado. A Depressão esta a matar cada vez mais pessoas a cada dia que passa. As pessoas andam cada vez mais cansadas, esgotadas e exaustas. Sem motivações para nada.

As criaturas são os medos das pessoas que usam entes queridos delas, que já partiram para se manifestarem e as levarem a auto-flagelarem-se e a cometerem suicídio.

Não considero este filme de terror, mas sim um drama de suspense. Comovi-me bastante com as crianças que revelaram muito sangue frio e um espirito de sobrevivência muito grande. Verdadeiros pequenos heróis.

Tenho pena que maioria das pessoas estejam a tentar imitar as cenas do filme em vez de entenderem a sua mensagem… Não entendo porque fazem isso. Para provar o quê?

Imagem retirada da internet com frase da minha autoria


About Matilde Ferreira