Category Archives: Cançōes

Uma musica…

…para tocar no meu funeral, cremação 😛 😉

Depois da Páscoa, trago-vos uma musica do filme The Life of Brian dos Monty Python, que nos traz uma mensagem de alegria mesmo num mau momento como a morte 😉 Se não conhecem, recomendo 😉

Ainda me lembro quando ha 9 anos atras o Nuno Markl traduziu o refrão desta musica para: Olha sempre para o lado fixe da vida

Cheer up, Brian. You know what they say.
Some things in life are bad,
They can really make you mad.
Other things just make you swear and curse.
When you’re chewing on life’s gristle,
Don’t grumble, give a whistle!
And this’ll help things turn out for the best 
And 
Always look on the bright side of life!
Always look on the bright side of life 
If life seems jolly rotten,
There’s something you’ve forgotten!
And that’s to laugh and smile and dance and sing,
When you’re feeling in the dumps,
Don’t be silly chumps,
Just purse your lips and whistle — that’s the thing!
And always look on the bright side of life 
Come on!
Always look on the bright side of life 
For life is quite absurd,
And death’s the final word.
You must always face the curtain with a bow!
Forget about your sin — give the audience a grin,
Enjoy it, it’s the last chance anyhow!
So always look on the bright side of death!
Just before you draw your terminal breath.
Life’s a piece of shit,
When you look at it.
Life’s a laugh and death’s a joke, it’s true,
You’ll see it’s all a show,
Keep ’em laughing as you go.
Just remember that the last laugh is on you!
And always look on the bright side of life 










Gostariam que fosse tocada alguma musica em especial no dia do vosso funeral?

About Matilde Ferreira

Whaaaat?…

Noticias como esta fazem-me rir hehe 😀

Então a Bielorrussia teve um português entre os concorrentes para representarem o país no Festival da Eurovisão? Digo teve porque felizmente foi eliminado. 😛

Fiquem com o video de apresentação do dito cantor 😀

Mas Portugal também cenas caricatas com a musica deste concorrente ao Festival da Canção:


Eu parti o telemóvel
A tentar ligar para o céu
Pra saber se eu mato a saudade
Ou quem morre sou eu
Quem mata quem
Quem mata quem
Mata?
Quem mata quem?
Nem eu sei
Quando eu souber eu não ligo a mais ninguém
Se a vida ligar
Se a vida mandar mensagem
Se ela não parar
E tu não tiveres coragem de atender
Tu já sabes o que é que vai acontecer
Eu vou descer à minha escada
Vou estragar o telemóvel
O telele
Eu vou partir o telemóvel
O teu e o meu
E eu vou estragar o telemóvel
Quero viver e escangalhar o telemóvel
E se eu partir o telemóvel?
Eu só parto aquilo que é meu
Tou pra ver se a saudade morre
Vai na volta quem morre sou eu
Quem mata quem mata?
Eu nem sei
A chibaria nunca viu nascer ninguém
Eu partia telemóveis
Mas eu nunca mais parto o meu
Eu sei que a saudade tá morta
Quem mandou a flecha, fui eu
Quem mandou a flecha, fui eu
Fui eu

Mas o video mais caricato é mesmo este:

[Verso 1]
Eu fui à médica a ver se era encefalite
Eu fui à médica a ver se era uma hepatite
Mas não tinha solução

Eu fui à médica a ver se era espondilite
Eu fui à médica a ver se era amigdalite
Mas não tinha solução

E ela gritou:
Vou-lhe receitar Clementia
Sei que nem vai aviar
Eu até tenho experiência
Não sou nobel da ciência
Mas ‘tá na sua cara, você é o 100

O 100, o 100
O sem paciência, o 100
O sem paciência
Zero-um-zero-um, o 100, o 100
O sem paciência

Doutora
Isso é mas é paranóia
Eu até curto de si como fadista, acho uma jóia
Observe novamente
É que eu devo ‘tar doente
Faça-me um TAC, um raio x
Vai na volta, é algum dente

E ainda temos esta entrevista no mínimo bizarra:

Deixo os comentários ao vosso critério…

About Matilde Ferreira

Um dueto…

… espectacular. Eu adoro estes dois. Ja tive o prazer de os ver ao vivo. Vi Ana Bacalhau duas vezes, a primeira em 2006 na Queima das Fitas, juntamente com os Deolinda e adorei. E a segunda, em 2011, bem próximo da minha casa de Gaia, na Serra do Pilar e vibrei ainda mais. Adorei ver a Ana a rockalhar vestida com uma blusa de couro vermelho. Quanto ao Miguel Araujo tive o privilegio de o ver no espetáculo “Como desenhar Mulheres, Motas e Cavalos” juntamente com Nuno Markl, em meados de 2012. Maravilha! Tenho tantas fotos para recordar esses momentos preciosos.

Mais que uma rosa
Mais que um perfume
Dou-te uma cena de Ciúme
Faço prova aparatosa
Do meu amor por tiDe peito aberto
Cabeça ao lume
Mostro-te as minhas feridas de guerra
Gentileza que o peito descerra
Aceita o meu ciúmeÀ vista de todos por cortesia
Salta-me a tampa
Vou ao teto
Como quem cede um afeto
Em plena luz do diaCiúme que não sai do peito
É espinho que corta a direito
E queima como sal
A ferida onde fermenta todo o malPodes soltar aos quatro ventos
Podes não contar a ninguém
Mas toma conta dos meus tormentos
Como um presente de quem te quer bemGuarda esta birra de menina
Aceita a minha gentileza
Guarda com uma certeza
De haver quem te queira assim

About Matilde Ferreira

Video Killed The Radio Star?

Imagem retirada da internet

Tenho saudades de começar o dia em casa dos meus pais a ouvir o Despertar da Radio Renascença, com Antonio Sala e Olga Cardoso, e o Jogo da Mala, na companhia da minha mãe.

Das melhores recordacoes que tenho da radio é de adormecer com o Oceano Pacifico do Joao Chaves na RFM e depois mais tarde, ir para o trabalho de manha com o meu Rui a ouvir as rubricas Laboratolarilolela e o Livro dos Porquês do Nuno Markl na Antena 3 e depois, no metro com os phones nos ouvidos a soltar gargalhadas sozinha a ouvir a Caderneta de Cromos dele na Radio Comercial

Freddie Mercury foi um visionário quando escreveu Radio Gaga

…We watch the shows — we watch the stars
On videos for hours and hours
We hardly need to use our ears
How music changes through the years
Let’s hope you never leave old friend
Like all good things on you we depend
So stick around cos we might miss you
When we grow tired of all this visual
You had your time, you had the power
You’ve yet to have your finest hour
Radio — Radio…

Sou da opinião que se a Radio ainda não morreu é muito por causa do video (as rádios agora usam muito a internet para fazer emissões aos vivo) … afinal o Video não a matou, ajudou-a a sobreviver. E também por ajudar a acordar logo pela manha quem viaja de carro para o trabalho. Afinal de contas ver tv enquanto se conduz ainda distrai um pouco hehe

Agora estou ansiosa pelo dia 4 de Fevereiro quando estreia o novo programa das manhas da Radio Renascença, As Três da Manha, com Carla Rocha, Ana Galvão e Joana Marques para fazer lembrar o Despertar

E voces ainda ouvem radio? 🙂

About Matilde Ferreira

Das coisas que descubro…

…e gosto de ouvir 🙂

Descobri esta musica numa manha em que estava a ver a RTP3 e tanto eu como o Lu começamos a dançar ao som dela 🙂 Gostamos de tudo, desde a harmonia dos instrumentos à melodia leve e boa onda 🙂

Falam, falam, falam

De nós na rua

Medem a distância

De minha casa à tua

Dizem que tomámos
De assalto a lua
Que perdemos o chão
E que a paixão é sol de pouca dura

Das janelas chovem pedras e baldes de água fria

Já ninguém tolera a nossa euforia

Meu amor, quem me dera

Viver a sós contigo esta loucura

Num lugar para nós
Do outro lado da rua

Ficarmos enfim sós

Só eu tu e a lua
Num lugar para nós

Num lugar para nós

Do outro lado da rua

Falam, falam, falam
Do teu vestido
Uns dizem que é curto
Outros dizem que é comprido

Que tens cara de santa
Mas que és um perigo
E que eu dou ares de senhor

Mas tenho alma de sem abrigo

Das janelas chovem pedras e baldes de água fria

Já ninguém tolera a nossa euforia

Meu amor, quem me dera

Viver a sós contigo esta loucura

Num lugar para nós
Do outro lado da rua

Ficarmos enfim sós

Só eu tu e a lua
Num lugar para nós

Num lugar para nós

Do outro lado da rua

[Solo]

Meu amor, quem me dera

Viver a sós contigo esta loucura

Num lugar para nós
Do outro lado da rua

Ficarmos enfim sós

Ja conheciam? 😉

Bom domingo 🙂

About Matilde Ferreira