Tag Archives: homeschooling

Estão a ver?…

Eu odeio ter razão nestas coisas. A propósito da escola em casa aqui na zona, esta semana recebemos esta mensagem da directora da escola do Louis a pedir aos pais para terem cuidado com os portáteis “emprestados” pela escola para as crianças terem acesso às aulas online… pois caso os portáteis apareçam danificados são esperadas contribuições de reembolso. Eu acho bem que façam isso para as pessoas aprenderem a serem responsáveis. Ja viram isto? Foram-lhes fornecidos portáteis porque tinham necessidades e agora estão sujeitos a terem de gastar dinheiro única e exclusiva por culpa deles… Não dá para acreditar que as pessoas estejam cada vez mais… inconscientes.

Com tanta a gente a precisar e estas pessoas vão estragar uma coisa que não é delas? Só eu acho que isto é de uma tremenda falta de respeito e de bom senso. Que exemplo é que estes pais estão a dar aos filhos? E é preciso ser a professora a dizer onde é que os miúdos devem colocar o portátil para assistirem à aulas online? Caramba… eu fico sem palavras. Ainda por cima a saber que existem famílias como as do melhor amigo do Louis que precisaram de um portátil e ja não foram a tempo de o conseguir… E agora o menino teve que voltar à escola porque o computador la de casa avariou… 🙁 Acham isto justo? 🙁

About Matilde Ferreira

Escola em Casa

Microphones on mute, please (microfones no silencio, por favor) . esta foi a frase mais dita pela professora neste mês e meio de escola em casa.

Nao foi fácil, mas conseguimos muitos progressos. Para uma criança de 4 anos que so pensa em brincar, como é obvio, o Louis portou-se como um verdadeiro herói. após um mes e meio de muitos stresses e meltdowns, merecemos respirar de alivio e esta semana de mini-ferias é a nossa recompensa.

Uma coisa que nao percebo é que se nos conseguimos sobreviver a um mês e meio de “escola em casa” como é que vi tanta gente a queixar-se em Portugal ao fim de dois dias… e no me venha dizer que era porque não tinham condições, pois se têm condições para estar nas redes sociais, então também têm internet para aos filhos terem aulas.

Devemos agradecer por tudo o que temos e nao estar sempre com queixas… acho que quem mais se queixa é quem mais tem, e quem menos tem sujeita-se e desenrasca-se, como a mae do melhor amigo do Louis que falei neste post.

Imaginem como falei aqui se não tivéssemos internet como eu que cresci nos anos 80? Tínhamos de aprender com a ajuda da tele-escola (isso sim existia) e com a ajuda dos nossos pais.

Mas voltando ao assunto que nos trouxe aqui, o Louis tem feito mesmo muitos progressos gradualmente, ele tem o seu tempo para tudo como sempre teve. E isto deixa-me de muito orgulhosa dele, de coração cheio. Todo o nosso esforço e o da professora está a dar frutos. Ele adora os seus livros, ja escreve os títulos deles. Ja lê algumas palavras e frases curtas. Do que ele mais gosta é de números, de conta-los de trás para a frente e de frente para trás. Incrível como num mês e meio, ele evoluiu tanto. Dentro dos seus limites. 🙂 Como qualquer criança da idade dele, ele só pensa em brincar e estar em casa para ele significa estar no mundo dele o que faz com que ele pense que pode tudo… e essa é a parte mais complicada no meio disto tudo. Ele ja começa a compreender que não vai à escola por causa do vírus e que tem de usar mascara para se proteger mas nem sempre se lembra. Pois brincar é muito mais fácil. Ele adora ver os amiguinhos nas videochamadas adora interagir com eles e isso significa que tem saudades deles. Mas depois tem dias que diz que não quer voltar à escola por causa do vírus… Complicado não?

Bem mas o melhor é não dramatizar muito e desvalorizar um pouco, nao levar tudo tanto a peito e serio, para podermos aproveitar bem esta semana de descanso o melhor possível 🙂

Fiquem com as nossas memórias de um mês e meio de escola em casa em plena pandemia e confinamento 🙂 Se nos conseguimos, vocês também conseguem!!! 😉

Conjunto de imagens da minha autoria

About Matilde Ferreira

Sem palavras…

Cresci nos anos 80 e 90 com muito pouco. Não tínhamos agua quente em casa, tínhamos de aquecer no fogo a lenha. O meu pai sempre ganhou o ordenado mínimo. A minha mãe fazia tapetes de arraiolos e limpezas em casas de senhoras sem ter direito a descontos, era paga à hora, a partir dos 500 escudos, so mais tarde passou a ganhar 1000. Os meus pais dentro das suas possibilidades sempre fizeram para não nos faltar nada, sem luxos.

Em pleno século XXI, na era da tecnologia, é inadmissível que os miúdos não tenham internet nem computador em casa.

O governo ingles prometeu laptops para todas as crianças desde Março do ano passado, quando começou o lockdown. O Louis tem amiguinhos que ainda estao à desses computadores. O que lhes vale é o desenrasque dos pais, para que estes possam assistir as aulas online. O melhor amigo usa o telemóvel partido da mãe para ouvir as videochamadas e o laptop para ver. Felizmente nós temos muita sorte e damos graças por tudo o que temos mas temos perfeita consciência de que existem pessoas que não têm a mesma sorte que nos. E acreditem, que penso muito nelas e em formas de as poder ajudar dentro das nossas possibilidades.

Isto a proposito do adiamento das aulas online em Portugal para o dia 8 de Fevereiro. Ferias antecipadas? E entretanto, os pais dão em malucos porque os miúdos nem aprendem nem têm o que fazer, certo? E quando chegar à altura devida das Ferias da Páscoa e Verão, acham mesmo que os miúdos vão querer ir para a escola? Acham mesmo que se ja nao houver confinamento os pais vao deixar de ir de ferias de Verão por causa de os filhos irem para a escola? So eu acho esta ideia descabida?

Volto a frisar em pleno século XXI muito pouca gente não tem internet e computador ou telemóvel. O que eu mais vejo são putos com telemóveis, tanto aqui como em Portugal. Também sei que em Portugal existe muito boa gente que prefere gastar em tabaco ou em cerveja, ou na Sporttv do que ter bens essenciais para os filhos… 🙁 É triste mas é verdade. Não estou a dizer que não hajam excepções à regra, infelizmente existem, mas acreditem que são poucas. Infelizmente existem pessoas para tudo… 🙁

E por este andar…

Imagem retirada do instagram

About Matilde Ferreira

Back to (Home)Schooling…

E o Louis não regressou à escola depois das ferias de Natal, só não acerto na lotaria… Parece que 2020 não terminou ou então 2021 é a sequela do ano anterior… Está tudo na mesma e a culpa é única e exclusivamente das pessoas que parece qua ainda estão em negação… Depois de tanto andar a pedir todos os dias para ir para a escola, eis que foi decretado novo lockdown aqui no Reino Unido. 🙁 Tudo por culpa da inconsciência das pessoas… E Portugal que se prepare, pois também vai pelo mesmo caminho… Muita força, meus queridos compatriotas. Se as pessoas tivessem feito o mesmo que nos ca em casa no Natal, estes novos confinamentos podiam muito bem ter sido evitados. Os meus irmão cancelaram o voo deles para virem cá a Londres, no entanto vi muita gente a andar a passear de concelho para concelho como se não existisse um virus… 🙁 E depois queixam-se. Ja para não falar naqueles que continuam a jurar a pes juntos que isto é so uma gripe e que se calhar ja tiveram o virus… Isto é gozar com todos aqueles que estão na linha da frente a lutar contra este maldito virus… Acho que so vou me sentir realmente segura quando nos ca em casa e os meus irmãos tomarmos a vacina

Mas voltemos ao que realmente interessa:

A primeira semana foi superada com sucesso, estes pequenotes têm-se portado como verdadeiros heróis, apesar dos muitos stresses. O Google Meet tem sido o nosso melhor aliado com todas as suas aventuras. Liga o micro, desliga o micro. Aceita

Ninguém disse que era fácil mas vamos aprendendo com os erros, e temos sempre os abraços e beijinhos dele que nos enchem o coração… ah e prosecco depois dele ir dormir, sim porque uma mãe não é de ferro, e o prosecco tem sido um bom companheiro 🥂

Sabem o que mais me conforta? É que apesar de tudo, ainda bem que temos internet para o meu filho falar com a professora e os seus amiguinhos 🙂

Deixo-vos com a galeria de imagens desta semana:

E foi assim a nossa semana 🙂 Agora vamos descansar e prepararmo-nos para a próxima 🙂

O que acharam da nossa semana?

Bom fim de semana, gente boa e linda 🙂

About Matilde Ferreira

Starting the day with…

Com boas vibes 🙂 A escola do Louis tem sido uma ajuda muito boa neste estado de isolamento. Através do Google Classroom, a escola disponibiliza actividades de Números, Fonéticas, Música entre outras coisas 🙂 Uma das musicas é uma versão desta musica do Bob Marley, que fica no ouvido e nos deixa logo bem dispostos e com motivação para enfrentar o dia. 🙂

A Musica é muito importante para o desenvolvimento das crianças e o Louis adora e tem a sorte de ouvir musica desde a minha barriga. Ele passa o dia a cantar e a dançar 🙂

Happy Dance
“Don’t worry about a thing
‘Cause every little thing gonna be all right
Singin’: “Don’t worry about a thing
‘Cause every little thing gonna be all right!”

Rise up this mornin’
Smile with the risin’ sun
Three little birds
Pitch by my doorstep
Singin’ sweet songs
Of melodies pure and true
Sayin’, (“This is my message to you-ou-ou”)

Singin’: “Don’t worry ’bout a thing
‘Cause every little thing gonna be all right”
Singin’: “Don’t worry (don’t worry) ’bout a thing
‘Cause every little thing gonna be all right!”

Rise up this mornin’
Smiled with the risin’ sun
Three little birds
Pitch by my doorstep
Singin’ sweet songs
Of melodies pure and true
Sayin’, “This is my message to you-ou-ou:”

Singin’: “Don’t worry about a thing, worry about a thing, oh!
Every little thing gonna be all right. Don’t worry!”
Singin’: “Don’t worry about a thing” – I won’t worry!
“‘Cause every little thing gonna be all right”

Singin’: “Don’t worry about a thing
‘Cause every little thing gonna be all right” – I won’t worry!
Singin’: “Don’t worry about a thing
‘Cause every little thing gonna be all right”
Singin’: “Don’t worry about a thing, oh no!
‘Cause every little thing gonna be all right!”

Bom fim de semana, gente boa e linda 🙂

About Matilde Ferreira