A casa dos meus avós…

Tenho pensado muito nos melhores momentos da minha infância, e constatei que as melhores lembranças que eu tenho é da casa dos meus avós. Tenho mesmo muita pena que os meus pais na altura não tenham podido ficar com ela mas isso são contas do outro rosário…tenho tantas boas recordações daquela casa: de correr atras das galinhas e dos pintainhos, do banquinho de madeira feito pelo meu avô para eu me sentar, o meu mano Bruno também tinha um, de me esconder no canteiro das framboesas e de aparecer com os lábios todos lambuzados pintados de vermelho, do tanque fundo onde tomávamos banho de Verão com supervisão da minha mãe, da laranjeira onde o meu avô ia colocar um baloiço para mim mas acabou por não o poder fazer pois houve uma maluca que deitou lixivia na pobre arvore… 🙁 Infelizmente ha malucos para tudo e essa era do piorio.

Mas o que importam mesmo sao estas boas recordações que eu tenho hehe 🙂

Aqui estou eu com a minha melhor amiga da altura, a Vera e o meu pai 🙂

E o meu querido avô Ilídio na banda recreativa da santa terrinha 🙂

E voces que memorias têm da vossa infância? 😉

About Matilde Ferreira

Os Melhores Anos da Minha Vida…

…ate agora hehe!

Nasci no final da decada de 70… mas a minha decada preferida é sem duvida os 80, a década da minha infância. Horas e horas na companhia da tv. Agora que penso nós fomos sem duvidas a geração da televisão. 🙂

1986 – transição da escola primaria para a preparatória

1987F.C. Porto campeão europeu 🙂 lembro-me como se fosse hoje do celebre golo de calcanhar do Madjer 🙂

 

1989 – queda do muro do Berlim

Por incrível que pareça os anos 90, década da minha adolescência são marcados por dois anos muito importantes para mim:

1992 – nascimento do meu irmão mais novo, Daniel

1994esta viagem

1996 – deixei, a escola, terminei o secundário e comecei a trabalhar.

Entrei no novo milenio e na fase adulta (sim, ao contrário do que possam pensar passamos de adolescentes a adultos quando deixamos os teens) com uma depressão, que começou com uma pneumonia mas consegui sair dela, ao fim de 10 meses sem medicação e descobri o Amor próprio 🙂

Estas duas primeiras décadas do novo milênio têm sido de muito trabalho, stress, desilusões e muita aprendizagem, motivos esses quem me obrigaram a parar para recuperar a minha saude…

Mas este novo século trouxe-me o melhor:

2005 – Conheci o Rui 🙂

2016 – Nasceu o meu (nosso) sonho, o nosso filhote Lu 🙂

Dou por mim a constatar que assim como eu o Lu também vai viver poucos anos da primeira década dele mas acredito que o melhor dele também ainda esta para vir 🙂 e nos ca estaremos para o apoiar 🙂

About Matilde Ferreira

Esta musica…

No rancho fundo
Bem pra lá do fim do mundo
Onde a dor e a saudade
Contam coisas da cidade…
No rancho fundo
De olhar triste e profundo
Um moreno canta as “mágoas”
Tendo os olhos rasos d’água…

Esta musica leva-me a minha infancia e adolescência…tao bonita e tao melancólica, quem se recorda dos tempos da novelas brasileiras?

Bom fim de semana 🙂

Sejam felizes 🙂

About Matilde Ferreira

Espinho minha doce Espinho

O Miguel Gouveia escreveu e inspirou-me… 🙂

http://lifealwaysgoes.blogspot.pt/2015/07/espinho.html

Despertou em mim recordacoes da minha infancia, adolescencia… 🙂 Espinho foi a minha segunda cidade, passeios de domingo a tarde, a Casa Alves Ribeiro onde a minha mae e a minha madrinha faziam as compras semanais, aquele cheirinho a cafe acabado de moer… hmmm e a Aipal, onde eu e a minha melhor amiga iamos as 5 da matina depois duma noite de danca na disco, tomar o pequeno almoco, croissants quentinhos e bolas de berlim acabadinhas de sair 🙂 hmmm q maravilha! Ah a benetton foi das primeiras lojas a abrir na cidade, e a Parfois quando abriu eu estava sempre la a procura de pechinchas e coisas giras 🙂 Fiz o meu 12o ano em Espinho na escola Manuel Laranjeira, bem la no cimo da Rua 19 🙂 Foi tambem em Espinho que tive a minha primeira paixao platonica, que nao passou disso, pelo sosia do Jim Morrison que trabalhava na loja de discos estudio 4 na rua 62 🙂

Fiquem aqui com alguns links para descobrirem mais sobre a historia da cidade 😉

Vale bem a pena 🙂

Sabiam que uma parte da cidade esta debaixo do mar?

http://www.espinhoalerta.pt/

http://monumentosdesaparecidos.blogspot.co.uk/2011/04/estacao-de-espinho-e-passerelle.html

http://www.skyscrapercity.com/showthread.php?t=431694&page=11

http://gazetadeespinho.blogspot.pt/

165_Espinho164_Espinho

Fiquei muito triste quando construiram a nova estacao e os azulejos seculares existentes na passagem subterranea da antiga estacao foram destruidos… Eram tao lindos… Dou o exemplo do que vao fazer ca em Londres aos bonitos azulejos da estacao de Tottenham Court Road, esta estacao esta em obras e os azulejos vao restaurados e enviados para a Escocia, assim se ve as diferencas…murals

 

Ja agora fiquem com algumas imagens retiradas da net, pois com muita pena minha nao tenho nenhuma foto minha destas maravilhas…77163066f5ba43133244d7d20f62e1d2 (1) 4fabe9db966118d79c435167f0f6f926 (1) 37302476f8e6fc25087b05e1ff7b1d68 77163066f5ba43133244d7d20f62e1d2 0f921b06bcaa00d9e6f1711e2b795231 4fabe9db966118d79c435167f0f6f926

 

E afinal, apos procurar no pc descobri uma foto minha tirada aos azulejos que ainda restam, julgo eu, nos muros que circundam a antiga estacao…azulejos dos muros da estacao antiga de Espinho

E que saudades que eu tenho deste mar imenso 🙂 🙂 🙂 IMG01777-20120603-1502IMG01784-20120603-1535IMG01783-20120603-1535

E lindo demais, nao acham? 😉

E voces conhecem esta cidade?

Para quem quiser passar por esta cidade, recomendo que fiquem alojados no 18 St. Hostel, um espaco bastante simpatico e acolhedor da minha querida amiga Candida Pereira 18 St Hostel, vao ver que vao adorar 🙂

Quem daqui e espinhense?

Contem-me as vossas historias 🙂 Sou toda ouvidos 🙂

About Matilde Ferreira

Dias Incriveis*

http://catalogos.elcorteingles.pt/ElCorteIngles/2015/04/01diasincriveis/

Sim, tenho saudades dos dias incriveis do El Corte Ingles, apesar de ca na ilha ter muitos “El Cortes” como o Selfridges ou o Harrods ou o Debenhams, mas nao e bem a mesma coisa, sbem que no Selfridges sinto uma magia diferente mas nada que se compare ao El Corte onde vem a memoria recordacoes da minha infancia quando iamos de excursao com os meu avos maternos a Vigo, hmmm tao bom recordar, nao e 🙂

Adoro as promocoes, dos basicos e dos cardigans, comprei la coisas bem giras 🙂 Sair ao final do dia do trabalho e ir desanuviar pelos corredores da grande superficie era das melhores terapias que podia fazer 🙂downloaddownload (32)971654_638174866195265_527425323_n

E voces tambem gostam de fazer compras no El Corte?

Quais as vossas marcas preferidas e o que gostam mais la de fazer? 😉

Contem tudo 🙂

About Matilde Ferreira