Desafio Gratidão| Semana 45: O Livro

Imagem da minha autoria – Paginas do livro Somebody To Love – The Life, Death and Legacy of Freddie Mercury

Eu adoro ler 🙂 Desde sempre 🙂 Desde que me conheço como gente. Aprendi a ler com os livros da Anita. Eu andava sempre abraçada a livros. Não tenho um livro preferido. Tenho vários. O livro que mais me marcou foi “Os Filhos da Droga” de Christian F. Pela sua mensagem. Neste momento ando a ler Somebody to Love, a biografia do Freddy Mercury. E quero voltar a ler No One Here Gets Out Alive, a biografia de Jim Morrison. Gosto de ler vários livros ao mesmo tempo, para nao enjoar das historias. Gosto de imaginar vários cenários diferentes. Mas nem sempre fui assim. Em miúda lia livros de rajada. O nível de concentração era muito maior. Agora em adulta temos muito mais coisas em que pensar. E quanto mais velhos ficamos, mais o tempo escasseia para fazer tudo o que queremos… mas eu vou dando sempre um jeito de dar a volta, nem que seja lendo um capitulo por noite que me sinto mais desperta.

Livros é um tema muito frequente aqui no Cantinho, este entre outros posts, passando pela minha autora preferida, Dorothy Koomson. A minha estante ca em casa ja começa a ficar composta e eu sinto-me orgulhosa dela, pois tal como a Belle de  A Bela e o Monstro, eu sinto-me bem rodeada por livros. Sinto-me mesmo bem numa livraria ou numa biblioteca. E o nosso filhote também ja vai pelo mesmo caminho, pois ja tem uma estante bem recheada no quarto dele, e volta e meio vou apanha-lo a inventar historias na língua dele enquanto vira paginas dos seus livros.

Imagem retirada do Facebook

Este desafio foi criado pelo blog The Silver Wing

Qual ou quais é/são o/s vosso/s livro/s preferido/s de sempre? 🙂

About Matilde Ferreira

A day in the park*

Quem me conhece, sabe que desde miúda que só me sinto bem junto da natureza, seja ao pé do mar, que na ilha fica um pouco mais distante, a praia mais próxima fica a hora e meia de distancia, mas não e por isso que deixo de sair de casa que faz tão bem, e sabe ainda melhor, por isso sempre que da vontade e o tempo o permite e agora tem permitido e muito, vou ou vamos ate ao parque mais próximo 🙂

E nada melhor do que aproveitar o sol que nos faz tão bem e faz com nos sintamos mais vivos e a nossa disposição muda logo para melhor, parece que nos sentimos mais vivos 🙂

E se ha coisa que Londres tem em abundância, e muitos espaços verdes e enormes, o nosso preferido no centro e o St James Park, bem próximo do Buckigham Palace, e ao lado tem outro grande parque, o Green Park, e mais a frente existe o Hyde Park, e o Regent’s Park que chega a ir ate Camden Town 🙂

Como vêem podemos não ter mar, mas verde não nos falta, e e considerada uma das idades mais poluídas do mundo, ou nao fosse aqui que começou a Revolução Industrial… contraditório não? Mas eles pensam em tudo mesmo 🙂 Ou não fossem dos povos mais inteligentes do mundo 😉

Quando não queremos ir ao centro, ficamos pelos arredores, ca na zona temos um parque mais pequeno mas mesmo assim muito bonito, o Barra Hill, mas eu prefiro meter-me no comboio e em 5 minutos estou em Ealing, uma das cidades mais pitorescas e com excelente qualidade de vida aqui da zona, pelo caminho, no comboio passamos também por um parque grande e muito bonito, na bela localidade de Hanwell 🙂

Quando eu quero estar sozinha e ter paz e na Natureza que encontro isso 🙂

E não, acreditem q não me sinto sozinha, muito pelo contrario, sinto um bem-estar interior que me da forcas para continuar e seguir em frente, acreditem 🙂

E vocês, também procuram a Natureza para se inspirarem? 😉

11248959_10153346156192365_4571060262397659443_n

 

About Matilde Ferreira