Pensamento do dia…

Porque é nós temos de respeitar as opiniões dos outros quando estes não respeitam a nossa e só sabem impor a deles que é contrária à nossa? Vale para qualquer assunto. Porque é não vivem a vida deles sem imposições?… Porque as pessoas têm uma necessidade enorme de se afirmar perante os outros? Porque complicam tanto? Era tudo tão mais simples  se vivessem a vida deles sem se sentirem constantemente ofendidos. Acho uma piada que se concordarmos com eles,  tudo bem, é tudo um mar de rosas… mas a partir do omento em que damos uma opinião contraria à deles… só lhes falta partir para a violência e isto pessoalmente, ja nem falo na internet. Mas isto só serve para eu aprender com quem posso contar. Se não respeitam a minha opinião, o melhor mesmo é eu afastar-me.

Imagem retirada do Google

O mesmo se aplica quando damos a nossa opinião e dizem que estamos a julgar. Mas será que não entendem que apenas estamos, falo por mim, a por-nos na situação em causa? Ja vi e vivi muita coisa, e tenho plena consciência que ainda vou viver muito, não digo desta agua não beberei pois não sei o dia de amanha, mas tento sempre fazer as coisas com bom senso pois ja errei muito nesta vida e agradeço por ter tido muita sorte…ou juízo. Chamem-lhe o que quiserem. Talvez eu pensei demais, talvez. Mas o que é certo é que me deito todas as noites com a consciência leve e tranquila, e isso, meus amores, basta-me. Relembro este post que escrevi no ano passado…

E as vezes a melhor resposta é mesmo esta:

Imagem retirada do Google

Sejam felizes, vivam a vossa vida da forma mais simples possível sem complicar 😉

imagem retirada do Google

About Matilde Ferreira

Não sou machista!

Tudo começou com este meu post no facebook (cada vez mais prefiro dar a minha opinião aqui no meu blog do que nas redes sociais…). Tenho muito respeito por todas as mulheres que se dão ao respeito. Cristina Ferreira é mais ou menos da minha idade e na minha humilde opinião devia pensar um pouco antes de dizer seja o que for. Porque é uma figura publica, uma influencer. Ja para não falar que ja tem idade para ter um mínimo de bom senso. Ninguém aqui defendeu o homem que tentou assedia-la. Ha formas de dizer as coisas sem cair na vulgaridade. Também ja fui assediada mais que uma vez…e nao disse estas coisas. Também não sou figura publica nem quero. Acho apenas que se escolhem ser figuras publicas têm de arcar com responsabilidades e consequências, e mais uma vez digo fazer as coisas com bom senso.

Tal como diz o meu Rui uma mulher não precisa de concordar com outra só porque sim, isso não é ser machista. Eu so discordei da linguagem que a Cristina Ferreira usou na revista ou no livro que escreveu, acho que ela se devia resguardar mais, e tudo uma questão de dignidade. Como disse acima e repito, e lógico que nao estava a defender o gajo que tentou assedia-la… como é lógico.

E deixo-vos estas duas musicas com inspiração da minha querida amiga Susana Sousa 🙂

E é mesmo assim que eu me sinto 😀

About Matilde Ferreira

Implicancias de quem nao tem nada para fazer…

Foi o drama, o horror… então não é que o BricoMarche da Covilha teve a ideia de fazer uma campanha para o dia da criança em que ofereciam um pacote de pipocas e… um peixinho. Vejam la a revolta que isto causou, caros leitores. Um grupo de vegetarianos e vegans passaram a tarde toda de ontem com comentários menos próprios no post do supermercado, que acabou por ter de retirar o post… mas sera que esta gente para alem de nao ter vida, tem uma necessidade de se afirmar por tudo e por nada?

Para alem deste comentário que vi no instagram, fiquem com os comentários no review da pagina de facebook da loja

Eu fiquei com vontade de ter um peixinho. Sempre tive, deixamos de ter quando a nossa gata maria foi la para casa e como ela andava sempre no armário alto da sala onde se encontrava o aquário, o ultimo peixinho acabou por sucumbir literalmente nas garras da bichana, é a lei da Natureza hehe 🙂

Deixo apenas uma pergunta: sera que estas pessoas cheias de moralismo, nao serão aquelas que vão a correr comprar animais para oferecer aos filhos e depois os abandonam quando estes se fartam deles? Balha-me a santa ignorância dos valores invertidos…

E ja agora tem não quiser, não é obrigado a aderir a campanha… deixa-te de manias, humanidade, deixa-te de manias 😛

Agora vou ali comer umas pipocas 😉

 

About Matilde Ferreira

Sobre os limites de escrever…

Não, este não é um post de censura, muito pelo contrario mas é que vivemos numa era em que eu, na minha humilde opinião, acho que deviam parar para pensar quando vão escrever! Digo eu que nao sei nada mas já vi muita coisa, vão por mim, acreditem… é que escrever é uma coisa tão boa, tão maravilhosa, quando escrevo sinto-me mesmo bem, parece que respiro melhor pois é como se tivesse tirado um peso de cima da minha alma.

Parem para pensar antes de falar ou escrever, não custa assim tanto, vao ver. A internet e uma coisa tao bom, não a estraguem, por favor. 

About Matilde Ferreira

Polémicas a parte…

Sobre a polémica do Dr Gentil Martins, a mim ensinaram-me a respeitar os mais velhos e a nao ser maria vai com as outras, tenho dito! Para bom entendedor meia palavra basta. E haja alguem que entendeu aquilo que eu entendi.

http://observador.pt/opiniao/eu-sou-gentil-martins/

“Vivemos no tempo onde este fascismo higiénico travestido de liberdade intimida, condiciona e persegue por delito de opinião. E para isto lá estão os habituais “cabos da guarda” que são a confirmação que faltava sobre a absoluta ciência da sua absoluta ignorância!”

“Nem todos falam como Gentil Martins, poucos hoje dizem o que pensam. Tenho ouvido de variadíssimos colegas desabafos de que têm medo de falar, de se exprimir, de não quererem problemas.”

About Matilde Ferreira