Falsas Influencias…

Cada um sabe de si mas estas mulheres não me representam. Quem é que querem enganar? 🙁 E o pior de tudo é que ha mulheres que se sentem pressionadas a fazerem igual… e não devia ser assim, pois não? 🙁 Cada uma deve sentir-se bem como realmente é. Alguém que diga a estas pessoas que não ha nada mais bonito que o natural 🙂 Sentirmo-nos bem com nós mesmas é meio caminho andado para sermos mais felizes. Prefiro a minha realidade: descabelada, cansada mas feliz 🙂

Gostava mesmo muito que estas influencers pensassem nos outros antes de fazerem estas partilhas. Porque quem as segue quer muito ser como elas 🙁 Eu vi uma miúda que eu sigo dizer que quando tiver um filho quer ficar assim como a Catarina… E porque não dizer antes: espero que tudo corra bem porque eu também sou capaz, nao importa como só quero ser feliz e fazer com o que meu bebé esteja bem 🙂

A minha intenção não é julgar, de todo mas sim alertar. Porque nós não sabemos o que a maioria das mulheres está a sentir em relação ao seu próprio corpo, às suas duvidas e incertezas, às suas vidas, acho que todo o cuidado é pouco com o que se posta na internet nos dias que correm. Nos não sabemos qual o impacto que vai causar na sociedade em geral e em cada individuo. Temos que nos saber colocar no lugar uns dos outros e não olhar tanto para o nosso umbigo. O Mundo precisa de mais empatia. 🙂

E a Maria Botelho Moniz disse tudo aqui

Feliz Dia da Criança 🙂

About Matilde Ferreira

6 thoughts on “Falsas Influencias…

  1. Rui Moreira

    Es grande como mãe, esposa e pessoa.
    Adoro-te

    PS: Tens toda a razão amor, contudo para algumas pessoas a auto promoçāo e a imagem publica são as coisas mais importantes. Enfim … bidas !

  2. Andreia Morais

    A responsabilidade social é de todos. E, hoje em dia, tudo o que publicamos nas redes sociais tem ainda mais impacto e pode influenciar os outros, dependendo do mediatismo. Portanto, também cada a cada um de nós aprender a filtrar aquilo que não nos representa e compreender que não encaixamos em todas as realidades, em todos os contextos.

Leave a Reply