MAID

Sabem aquele tipo de serie que não conseguem parar de ver? Foi assim esta semana. Primeiro estranhei, não sei porquê, mas depois entranhei. A historia de Alex, Margaret Qualley uma jovem mãe solteira, vitima de violência psicológica por parte do namorado.

Esta historia é baseada na historia real de Stephanie Land que escreveu dois livros sobre a sua vida. Quero muito lê-los.

O namorado Sean, tem problemas com álcool, causados pela sua mãe alcoólica. Mas Alex tem um apaixonado, Nate, que faz tudo por ela, para a ver feliz. mas ela não sente o mesmo por ele, o que é pena pois uma mulher precisa um homem como Nate ao seu lado.

O que me revoltou mais nesta historia foi a falta de apoio dos serviços dos EUA. A terra da liberdade é na verdade muito injusta quando as pessoas realmente precisam de coisas básicas, como uma casa para morar, por exemplo.

Uma das minhas personagens preferidas são a mãe de Alex, Paula, interpretada por Andie MacDowell, quem não se lembra de Quatro Casamentos e um Funeral? Paula é uma mulher bipolar que também sofreu de violência psicológica por parte do pai de Alex mas teve a coragem de fugir com ela, quando esta tinha 5 anos, e Alex que não quer passar pelo mesmo, também foge com a filha, Maddie, das mãos do namorado. Uma curiosidade, Margaret é filha de Andie na vida real. Também gostei muito de Regina, uma das clientes de Alex, apesar dela se ter portado de forma muito arrogante e prepotente com a rapariga mas depois quando precisou realmente desta, caiu em si e ajudou-a. A Vida encarrega-se sempre de dar a volta às situações.

No final, e desculpem-me os spoilers, Alex acaba por ficar com amor da vida dela 🙂

Alex e Maddie

Fiquei com a musica We are going on a Bear Hunt na cabeça desde que terminei a serie e pensei muitas vezes no que eu faria na situação da corajosa Alex… tenho mesmo de tirar a carta de condução, porque foi isso que a safou muitas vezes 🙂

E nem de propósito, hoje comemora-s o dia Mundial da Saude Mental, e esta serie mostra o quanto ainda tem de ser feito para preservarmos a nossa sanidade mental.

E a melhor ajuda para a nossa saude mental é um abraço ❤

Por isso abracem muito e sejam felizes 🙂

About Matilde Ferreira

4 thoughts on “MAID

  1. Rui Moreira

    Ela realmente fala de coisas muito interessantes acerca da mentalidade das pessoas, e da maneira que as pessoas tratam quem trabalha para eles. Na minha opinião isso diz muito acerca das pessoas, eu seria incapaz de ter algumas das atitudes que ela descreve, mas não me vou adiantar para não fazer “spoilers”.
    Apesar de não ter ainda visto a serie, pelo que tenho lido parece me interessante e sem duvida relevante.

    Beijos

    Rui

Leave a Reply