A Refeição| Storyteller Dices D’As Gavetas

Comer para viver ou viver para comer? 🙂 Eu faço parte do primeiro grupo, gosto muito de comer mas com regra. Mas ca em casa tenho dois comilões hehe. Sim, os meus 2 amores adoram comer. Comer e dormir. São tambem muito dorminhocos. Afinal de contas são o melhor que se pode fazer na vida certo, hehe 😀

Mas nem sempre é fácil saber o que fazer para o almoço ou jantar, mesmo como ementas programadas e tanta inspiração. Falta sempre alguma coisa, já para não falar do pequenote, que apesar de estar sempre pronto para comer, hoje gosta de uma coisa e amanha ja gosta de outra. É normal, está na idade das descobertas. O Lu agora anda na fase dos hidratos, mas come bem a sopa. Ja gostou de pepino, agora prefere tomates. Adora maças, “apples” como diz ele, e vai muitas vezes buscar à fruteira, depois de ir buscar a sua cadeirinha para chegar ao balcão.

Agora entendo a minha mãe quando ela não sabia o que fazer para o almoço ou jantar. O meu pai não era grande ajuda pois so sabia pedir batatas com bacalhau. Ja eu era muito esquisita e quando perguntava à minha me o que vamos comer, ela respondia-me sempre, cheia de stress: ” tonescos” e eu ficava ate a hora da refeição a pensar o que seriam tonescos.

Imagens da minha autoria

Como podem ver o Lu adora almoedas do IKEA, com esta massa espaguete de furinhos, tomate, ervilhas com massinhas e miolo de camarão, coelho assado com arroz branco, lasagna vegetariana e… o happy meal do MacDonalds, muito esporadicamente 🙂 E claro, sobremesa boa como o belo do pastel de nata, e a apple a meio da manha. 🙂

O pequeno-almoço continua a ser a principal refeição do dia. Ja reparei que o Lu sai ao pai, acorda com pouco apetite mas a meio da manha desperta-lhe a fomeca.

Normalmente ao almoço opto por fazer refeições mais substanciais, tanto para mim como par ao Lu, simples mas reconfortantes. Ultimamente ao jantar o Lu come uma sopa de legumes com carne ou peixe, massas ou arroz, bem substancial, e eu opto por algo mais ligeiro.

Imagem da minha autoria – um dos meus almoços preferidos: batata doce assada com ovos estrelados e espinafres salteados
Imagem da minha autoria – dos meus jantares simples e ligeiros – salada de tomate, palitos de cenoura com humus de grão de bico e cebola caramelizada e falafels
Imagem da minha autoria – Tem dias em que me apetece panquecas mistas de queijo e fiambre regadas com mel e polvilhadas com açúcar em pó

O que acharam das nossas refeições? 🙂

Quais sao as vossas refeições preferidas? 😉

About Matilde Ferreira

10 thoughts on “A Refeição| Storyteller Dices D’As Gavetas

  1. Andreia Morais

    Honestamente, acho que como para viver e vivo para comer :p
    Sempre tive as minhas esquisitices e, ainda hoje, há muita coisa que não aprecio, mas sinto que tenho vindo a melhorar os meus hábitos alimentares.
    Sou muito fã do pequeno-almoço!

    Obrigada pela participação, minha querida <3

  2. Vera Benavente

    A Bia come de tudo menos sopa, nunca lhe dei sopa porque come muito bem os vegetais em pedaços na refeição… Adora couscous ou quinoa com vegetais salteados ou assados e carne ou peixe e brócolos, ao pequeno-almoço as panquecas de aveia e banana são quase sagradas mas papas de aveia ou até os meus scones semi saudáveis marcham.
    Fruta tem dias, há dias para morangos e cerejas outros que come uma maçã inteira, depende…
    Nós comemos de tudo um pouco…

    1. Matilde Post author

      Muito bem 🙂 é assim mesmo 🙂 De tudo um pouco, de pequenino é que se torce o pepino 🙂
      Quinoa ca em casa so o homem é que gosta 😛 Ja eu e o Lu adoramos couscous 🙂

      1. Vera Benavente

        É daquelas coisas que às vezes se estranha mas depois entranha… saladas com quinoa ou até estufado de vegetais com quinoa e frango ou lentilhas ou só mesmo os vegetais…
        Há gostos para tudo e deve-se comer de tudo, a Bia quando vê uma fatia de bolo de anos come sempre uma pontinha

        1. Matilde Post author

          Nao consigo gostar mesmo lol Estou como o Goucha ha coisas que nao pertencem à minha dieta lol 😀
          Sim, concordo, o Lu so começou a comer açúcar quase aos 2 anos e com muita regra, so em ocasiões especiais, e a sopa dele ainda e sem sal, mas com alho 🙂

Leave a Reply