Na continuação…

…deste post.

Porque eu ainda não desisti de salvar o nosso planeta pois é o único que temos. Porque nunca é demais relembrar. Porque se todos nos fizermos um pouco acabamos todos por fazer muito.

Imagem retirada do Instagram

*Conhecem alguém que tenha tirado uma foto em cima de um elefante, como esta pessoa?

*Sabem quantas vezes fui a jardins zoológicos em 42 anos de existência? 2. Uma quando tinha 10 anos, fui numa visita de estudo ao Jardim Zoológico de Lisboa com a minha turma, e a segunda foi quando cheguei ca a Londres e fomos ao ZSL , de resto não é coisa que nos interesse muito…

*Outra das coisas que também nunca gostei muito desde criança, era de ir a circos, sempre me fez muita confusão os animais enjaulados, ja para não falar que nunca achei muita piada a palhaços, para palhacinha ja basto eu hehe 😀

Algumas destas dicas ja mencionei no post anterior, mas nunca é demais relembrar.

Imagem retirada do Instagram

*Leve o seu almoço – quando trabalhava, desde o inicio a minha mãe criou-me o habito de levar marmita, isto ha 20 anos.

*Reutilize os seus sacos – Por aqui também aderimos aos sacos recicláveis e nao é de agora. Alias a minha mãe sempre usou sacos usados e tinha sacos de pano para ir ao pao.

*Compre marcas com ética – The BodyShop e Lush são das minhas marcas preferidas, e sustentáveis.

*Compre em segunda mão – sou cliente habitual das lojas de caridade aqui do Reino, e os artigos da minha loja são feitos com bijuterias dessas mesmas lojas.

*Conserte e *Tente reparar – duas coisas que herdei da minha mãe, e estou a fazer o mesmo na minha loja, faço brincos e marcadores de livros de bijuteria usada.

*Coma mais alimentos integrais sem pacotes – Um exemplo, desde que temos maquina de pão, deixamos de comprar pão na rua, e se compramos vamos ao Lidl que tem sacos de papel, mas mais um vez os sacos de pano da minha mãe eram bem necessários.

*Guarde os alimentos sem plástico – se ha coisa que eu não gosto, é de ver as frutas em plásticos no supermercado, a quantidade de plástico descer

*Opções recarregáveis e *Opções biodegradáveis

*Aprenda a compostar – tal como a minha mãe adorava andar no campo e plantar, também eu tenho esse bichinho e adoro andar com as mãos na terra 🙂 Gostava mesmo muito de ter uma hortinha, enquanto isso não acontece, tenho os meus vasos.

*Reutilizável nao descartável

Estas dicas estão também incluídas nestes 34 gestos amigos do Planeta 🙂 Sabiam que que este mes de Julho podem aderir ao movimento Julho sem plástico em plasticfreejuly.org ? Comecem por coisas simples como desligar a torneira da agua enquanto lavam os dentes, e por aqui também se tem consumido cada vez menos carne. Constatei que ja fazemos mais de 50% destes gestos e vocês?

Vamos seguir o exemplo dos verdadeiros animais?

Imagem retirada do Facebook

Para que o nosso futuro seja melhor do que a segunda imagem abaixo mostra…

Imagem retirada do Facebook

Deixo-vos com boas noticias 🙂

About Matilde Ferreira

8 thoughts on “Na continuação…

  1. Vera Benavente

    Apesar de concordar parcialmente com os zoos, que hoje já estão bem melhores que antes e a maioria dos animais já nasce em cativeiro, pelo menos na Europa, acho que os mesmos foram responsáveis pelo interesse das pessoas em proteger estas mesmas espécies. Ou seja colocando os animais perto das pessoas aumentas a empatia… Sei que é um bocado ambíguo mas acho mesmo que, não tendo sido bom, no fim teve um efeito nas pessoas de querer o bem daquelas criaturas…
    Quanto ao desperdício já sabes que estamos em total sintonia 😀

    1. Matilde Post author

      Sim, concordo ctg, o meu Rui adorou o Zoo de Londres, apesar de ser caro, esta sempre a dizer para levarmos la o Lu… mas nao me puxa, nao sei porque, e ate gostei

Leave a Reply