O Meu Avó e o seu Chapéu| 1. Desafio StorytellerDices D’As Gavetas

Quando era pequenina tinha o fascínio pelos chapéus do meu avô. mas nao podia tocar neles para não os estragar. Se calhar era por isso que me cativavam tanto, afinal o fruto proibido é o mais apetecido. Os chapéus do meu avô faziam lembrar o do Fernando Pessoa. E eu adorava ver o meu avô com o seu chapéu. Dava-lhe um ar importante. O meu avô era o meu herói. Com ele sentia-me segura e protegida. Talvez por ser muito alto e o chapéu ainda o fazia mais alto. Eu adorava passear com ele de mãos dadas. E gostava ainda mais quando me sentava com ele nos degraus da mercearia da esquina da rua de casa dele a ver passar as camionetas de carreira lá da terra. E volta e meia o meu avô punha o seu chapéu na minha cabeça e eu sentia-me muito feliz.

Imagem retirada da internet – Fernando Pessoa com o chapéu igual ao do meu avô

São estas memórias boas que fazem com que as saudades que eu tenho do meu avô que faleceu em 1999 com cancro de pele, com 79 anos.

Este foi o primeiro tema do desafio StorytellerDices criado pelo blog da Andreia Morais, As Gavetas da Minha Casa Encantada.

About Matilde Ferreira

4 thoughts on “O Meu Avó e o seu Chapéu| 1. Desafio StorytellerDices D’As Gavetas

  1. Andreia Morais

    São mesmo estas memórias que enriquecem o nosso percurso!
    Fico muito feliz por teres participado no primeiro tema, obrigada ♥

Leave a Reply