Thank you, my love

Depois deste post ja pouco tenho a acrescentar, apesar de que as palavras nunca sao demais para ti meu amor 🙂 É sempre muito mais fácil sentir do que falar e a melhor forma de expressar sentimentos é dando-te miminhos bons 🙂 E para isso estou sempre pronta 😉 Mesmo quando me tiras do serio e me deixas com os cabelos em pe 😀 😛 Mas o que seria de mim sem ti? Ja não imagino a minha vida sem ti meu lazonguito lindo 🙂

Ah se eu nao gostasse tanto de ti, dizes tu 😛 

 

 

Mina,
Seus cabelo é “da hora”,
Seu corpão violão,
Meu docinho de coco,
Tá me deixando louco.

Minha Brasília amarela
Tá de portas abertas,
Pra mode a gente se amar,
Pelados em Santos.

Pois você minha “Pitxula”,
Me deixa legalzão,
Não me sinto sozinho,
Você é meu chuchuzinho!
Music is very good! (Oxente ai, ai, ai!)

Mas comigo ela não quer se casar,
Na Brasília amarela com roda gaúcha,
Ela não quer entrar.
Feijão com jabá,
A desgraçada não quer compartilhar.
Mas ela é linda,
Muito mais do que linda,
Very, very beautiful!

Você me deixa doidão!!!
Meu docinho de coco!…

Eu te I love youuuuu, Rui!

E por aqui festeja-se assim o dia do Amor, todos os dias 🙂 😉

About Matilde Ferreira

8 thoughts on “Thank you, my love

  1. Oh, que ternura *.* que bem que se celebra o amor por aqui!

    r: Foi mesmo, minha querida. E com uma descoberta daquele local para almoçar ainda se tornou melhor 🙂

    Beijinho grande

Leave a Reply